CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Perguntar é uma funcionalidade apenas para usuários registrados.
Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar


CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Arenas multiusos: oportunidades de negócios que vão muito além do futebol

Arenas multiusos: oportunidades de negócios que vão muito além do futebol

Muitos dos estádios que estão sendo construídos ou reformados para a Copa do Mundo FIFA 2014 seguem a tendência mundial de “arenas multiusos”, uma evolução do conceito tradicional de arenas esportivas e que permitem a realização de eventos de diversas naturezas. Além de eventos esportivos, nesses locais são realizados espetáculos culturais, exposições comerciais, eventos corporativos, políticos e até religiosos. Portanto, essas arenas têm o potencial de gerar oportunidades de negócios que vão muito além do futebol.

As arenas multiuso (ou “arenas multipropósito”, do inglês multipurpose stadiums) surgiram nos Estados Unidos. Antigamente, havia muita violência nos tradicionais estádios durante eventos esportivos. O governo americano então promoveu uma série de atividades que por fim transformaram esses eventos em programas para pessoas de todas as idades e gêneros. A partir de então, inclusive famílias passaram a frequentar esses locais. Isto levou ao surgimento de empresas especializadas na administração desses locais, tratando-os como oportunidades de negócios por meio da diversificação de seu uso.

Além de receber torcedores para um evento esportivo, essas arenas disponibilizam diversos pontos comerciais para atender um grande número de consumidores. Desse modo, se tornam grandes centros de comércio e de entretenimento, além da prática esportiva. Se executados com inteligência, podem inclusive se tornar importantes centros de oportunidades de negócios para diversos segmentos da economia.

Oportunidades de negócio

O consumidor que frequenta essas arenas normalmente procura por algumas horas de descontração, seja assistindo uma partida de seu time de futebol, seja participando de show de sua banda de música favorita. Este cliente é ávido por consumir de produtos relacionados a essa paixão e espera muito mais do que um simples jogo ou espetáculo musical. Ele pretende passar por um momento único, em que várias atividades complementam a experiência.

Considerando alguns exemplos que já existem no mundo, dentre as atividades de uma arena multiuso, é possível:

– Fazer um lanche;
– Jantar em um restaurante com a família;
– Comemorar com amigos em um bar;
– Visitar a galeria de troféus ou um museu temático;
– Assistir a documentários e filmes sobre um esporte ou time, uma equipe ou sobre a banda de música que se apresentará mais tarde;
– Fazer compras de camisas, bonés, chaveiros e outros brindes relacionados à maior atração do momento, além de produtos de interesse geral, como livrarias, cafeterias, perfumarias e outros.

Algumas inclusive oferecem serviços de hospedagem, centro de convenções, anexos para eventos menores e restaurantes exclusivos.

Portanto, essas arenas podem representar um grande gerador de empregos regulares e em muitos casos é responsável pelo incremento do fluxo turístico de uma região, promovendo também o desenvolvimento comercial e econômico dos arredores.

Arenas brasileiras que se destacarão nos próximo anos

Arena Pernambuco ou “Arena Capibaribe”

− Local: São Lourenço da Mata, Pernambuco (a 19 Km de Recife, ligado por diversas rodovias que estão em construção e/ou licitação)

− Usos: Jogos de futebol da Copa das Confederações FIFA 2013 e Copa do Mundo FIFA 2014, outras competições esportivas de grande porte, feiras, convenções e grandes espetáculos.

− Capacidade: 46.000 pessoas

− Facilidades: bares, restaurantes, shopping center, cinemas teatro, hotel e centro de convenções no entorno.

− Responsáveis pela Obra: consórcio formado pela Odebrecth Participações (OPI) e a Construtora Norberto Odebretch (CNO).

− Responsável pela Administração e Operação: AEG, empresa americana líder do mercado de entretenimento, esportivo e musical (opera atualmente mais de 100 arenas no mundo). Contratada pelo Consórcio Arena Pernambuco para operar a arena durante os 30 anos da concessão através da AEG Facilities.

− Legado e Oportunidades:

• Cidade da Copa http://www.odebrechtnacopa.com.br/cidadedacopa/: será desenvolvida área de 270 hectares (equivalente a 300 campos oficiais de futebol), concebida para ser a primeira smart city da América Latina, resgatando a área de São Lourenço da Mata.

• A Aecom – empresa responsável pelo projeto urbanístico e arquitetônico da Cidade da Copa e que também desenvolveu o projeto de Londres 2012 – planejou uma área urbana que favorece o uso de transporte alternativo, a segurança e a preservação do meio ambiente.

• Está previsto no projeto: escolas de ensino fundamental e médio, campus universitário, parques e áreas verdes, shopping center, hotéis, escritórios, residências e via expressa de VLP (Veículo Leve sobre Pneus).

Arena de São Paulo ou “Arena Corinthians” ou “Itaquerão”

− Local: Itaquera, São Paulo/SP

− Usos: futebol

− Capacidade: 68.000 pessoas (durante a Copa do Mundo FIFA 2014) e 48.000 após o megaevento.

− Facilidades: 59 lojas, 4 bares/restaurantes e um auditório.

− Responsáveis pela Obra: Odebretch

− Responsável pela Administração e Operação: Sport Club Corinthians Paulista

− Legado e Oportunidades:

• Projeto de Reestruturação da área, proposto pelo Governo de São Paulo e pela Prefeitura Municipal, contempla: o Polo Institucional de Itaquera (com Fórum), Escola Técnica Estadual, Faculdade de Tecnologia, uma unidade do SENAI, quartel da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, Centro de Convenções, Parque Ecológico e nova rodoviária.

• Escolas de idiomas já verificaram aumento na demanda de alunos que desejam se preparar para receber estrangeiros na Copa.

• A fila de espera para abrir uma loja no shopping do bairro aumentou consideravelmente

• Fortalecerá eventos de negócios e entretenimento em uma das áreas de maior contingente populacional do país: Zona Leste de São Paulo.

Arena Salvador ou “Arena Fonte Nova”

− Local: Salvador/BA

− Usos: jogos de futebol e outros esportes (inclusive MMA), shows musicais nacionais e internacionais, congressos e encontros de negócios.

− Capacidade: 56.500 pessoas

− Facilidades: restaurante panorâmico com vista para o estádio, sala de imprensa, quiosques, museu, lojas e um centro de negócios que funcionará independentemente dos jogos.

− Responsáveis pela Obra: Consórcio Arena Salvador, formado pela Odebretch Infraestrutura e OAS.

− Responsável pela Administração e Operação: Fonte Nova Negócios e Participações – FNP, formado pela Odebretch Participações e Investimentos e a OAS.

− Legado e Oportunidades:

• Integração de corredor esportivo e cultural com o Centro Histórico de Salvador, aumentando oferta de empregos diretos e indiretos e a circulação de renda antes, durante e depois da Copa do Mundo FIFA 2014.

• Regeneração da área chamada Baixo dos Sapateiros.

Arenas multiuso no mundo

Amsterdam Arena

− Local: Amsterdam, Holanda.

− Usos: futebol e outros esportes, shows e atividades infantis.

− Capacidade: 50 mil

− Facilidades: 2 andares de lojas (350 espaços comerciais), cinema e restaurante.

− Observações: completa o Olympic Stadium já existente.

Skydome

− Local: Toronto, Canadá

− Usos: basquete, baseball, futebol, concertos e shows.

− Capacidade: 50 a 70 mil (depende do evento)

− Facilidades: conversão de piso para diferentes atividades; fecha o teto; restaurantes, bares e quartos de hotel.

Wembley National Stadium

− Local: Wembley, Inglaterra

− Usos: futebol, rugby, Box, atletismo, shows.

− Capacidade: 80 mil

− Facilidades: serviços de alimentação.

− Diferenciais: o estádio faz parte do complexo Wembley Park, que inclui a Wembley Arena (12 mil) e a Wembley Conference and Exihibition Centre.

Edição: Fernanda Peregrino, da F&C Comunicação e Projetos

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Busca GruposNovo na comunidade