Respostas ( 2 )

  1. Por favor, explique brevemente por que você acha que essa resposta deve ser relatada.

    I> Denunciar
    Cancelar

    Abri um negócio próprio requer busca de informações necessárias para análise e decisão para implantar, e faz-se necessário a elaboração de um bom plano de negócio. O qual permitirá analisar pontos fundamentais para sua implantação, e busca do sucesso desejado com este negócio, vejamos alguns pontos do planejamento.

    Definição do negócio – escolha do produto ou serviço a ser executado, fundamentalmente pesquisar como esta atividade funciona, se você se identifica com este produto/serviço, gostar de fazer, se tem perfil.

    Pesquisar – pesquisa e organização informações do mercado que ira atuar, na sua cidade/região, tais como: localização, concorrentes, fornecedores, investimento e capital necessário para investir, capital próprio ou de terceiros “bancos”, marketing, custo de manutenção, capital de giro, clientes e volumes de clientes, retorno do investimento.

    Estes pontos e outros necessários, são elementos para montagem do plano de negócio, o qual terá também escolha e definição que tipo de empresa será aberta, como exemplo: Sociedade Ltda, EIRELI, Empresário Individual ou Microempreendedor Individual. Órgãos envolvidos no processo de abertura de sua empresa, custo/taxas para abertura, tempo hábil e documentos necessários.

    Busque uma capacitação, cartilhas, guias de informações, e outros para que tenha informações/roteiro para elaboração de um plano de negócio, e analise a viabilidade ou não de seu negócio.

  2. Por favor, explique brevemente por que você acha que essa resposta deve ser relatada.

    I> Denunciar
    Cancelar
    Essa resposta é editada.

    Boa tarde Rose. O plano de negócios serve para que o empreendedor tenha uma visão mais ampla sobre a empresa e o mercado no qual está inserida. Para desenvolver o planejamento, é necessário juntar todos os investimentos de material, equipamento, pagamentos de funcionários e maquinário. Deve-se pesquisar também o público que irá frequentar seu hortifrúti, quem serão seus principais concorrentes, o mercado e muito mais.

    1- Escolha o local

    A localização da maioria dos negócios é um dos fatores que mais influenciam no faturamento. Na hora de fazer essa seleção, é necessário levar em conta alguns aspectos, como o público alvo. É necessário também pensar em questões como acessibilidade, comodidade, vizinhança, segurança e visibilidade.

    2- Estrutura e equipamentos

    Um hortifrúti deve apresentar uma estrutura que comporte uma área de exposição de produtos, caixas, depósito, sanitários. Os equipamentos necessários para abrir uma hortifrúti são:

    – Suporte de sacos plásticos;

    – Balança para pesar os produtos;

    – Prateleiras e gôndolas;

    – Bancas e vascas;

    – Balcão refrigerado;

    – Balança de impressão de etiquetas;

    – Caixas;

    – Embaladoras;

    – Placas de preços;

    – Carrinhos;

    – Facas de tamanho grande;

    – Rolo de resinite filme;

    – Sacos plásticos;

    – Bandejas de isopor.

    3- Divulgação e dicas

    A divulgação do seu hortifrúti é de extrema importância para o seu negócio. O meio de divulgação varia de acordo com a localização e o público alvo escolhido. Pode até ser feita pelo método tradicional de panfletagem, que apresenta baixo custo e gera resultados. Não deixe investir na divulgação online, esse é principal meio de busca de serviços e produtos.

    4- Documentação necessária

    Os documentos necessários para abrir um hortifrúti são simples:

    – CNPJ;

    – Cópia autenticada do RG e CPF;

    – Folha espelho do IRPF;

    – IPTU do imóvel;

    – Cópia do Contrato de Locação ou Compra e Venda;

    – Alvará de funcionamento;

    – Entre outros documentos específicos da cidade.

     
    Fonte: https://aberturasimples.com.br/como-abrir-um-hortifruti/

Deixe uma resposta