CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Perguntar é uma funcionalidade apenas para usuários registrados.
Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

A importância de um sistema de combate a incêndio

A importância de um sistema de combate a incêndio

Muitos gestores, empreendedores e até mesmo administradores de condomínios enxergam o sistema de combate a incêndio apenas como uma medida imposta por lei, no entanto, a implementação desses sistemas em certas edificações é essencial em vários aspectos.

Desde os tempos mais remotos o homem teve que aprender a lidar com o fogo, que por sua vez, foi inicialmente gerado a partir de descargas elétricas, com a evolução, o homem percebeu que o devido controle do fogo poderia ser um aliado, mas o descontrole dele é extremamente prejudicial.

É necessário lembrar que as chamas de um incêndio podem se alastrar de forma muito rápida, o que vem a ser extremamente perigoso para a vida, integridade física de pessoas e além disso, pode trazer danos e prejuízos irreparáveis.

Imagine por exemplo, uma indústria alimentícia que em meio ao seu processo produtivo utiliza estruturas de madeiras, equipamentos como pontes rolantes, moinho de milho, entre outros, mas também possui fluidos altamente inflamáveis.

Um incêndio nessas circunstâncias poderia gerar perdas irreparáveis, não só ao maquinário importado, mas a vidas de seus funcionários e colaboradores.

Pensando nisso, trouxemos algumas informações sobre a importância de possuir um sistema de combate a incêndio na sua empresa ou edificação. Vamos lá?

Protegendo vidas

Investir em um sistema de combate a incêndios pode preservar vidas e isso não tem preço, por isso, é a maior vantagem de se apostar na segurança contra esse tipo de ocorrência. 

O sistema quando devidamente implantado assegura vidas de casos mais graves, de morte ou de ferimento com muitas sequelas.

Até porque, além da proteção de vidas em si, as medidas preventivas contra incêndios promovem a capacitação dos trabalhadores para reagir da forma correta nessas situações. 

Prevenção

“Prevenir é melhor que remediar” para muitos é só um ditado, mas no caso de uma edificação, prédio ou empresa pode ser sinônimo de segurança. A prevenção contra possíveis incêndios é a melhor forma para estar protegido caso um incidente envolvendo fogo ocorra. 

Segundo o Estudo Interno UTC Climate, Controls & Security ocorrem aproximadamente 23 milhões de incidentes por ano e destes, 1 milhão são casos de incêndio.

Um incêndio pode afetar diretamente o processo produtivo de uma empresa, causando impactos que vão desde atrasos até a suspensão de atividades da organização.

Sem contar que, com o sistema de combate a incêndio é possível manipular fluidos inflamáveis, de forma segura e utilizar as estruturas necessárias em sua empresa, como um  quiosque de madeira que serve de auxílio aos funcionários. 

De acordo com a lei

As empresas, edifícios, estruturas civis e edificações que não investem na segurança contra incêndios estão sujeitas a multas. A NR- 23, implica diretamente nas atividades solicitando a implementação dos equipamentos de proteção contra fogo.

E de acordo com as leis regulamentadoras, as edificações que não cumprem a solicitação de proteção a incêndios, além de sofrerem altas multas, podem ter as suas atividades completamente suspensas.

Por esse motivo, uma gestão de segurança aliada ao sistema de combate ao incêndio se faz tão necessária.

Esse artigo foi escrito por Geiza Santos, Criadora de Conteúdo do Soluções Industriais.

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Sobre Luna BugattiEspecialista


Me siga

Deixe um comentário