CADASTRAR

Entrar

Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

O desafio das marcas é serem humanas

É fato: o mercado hoje vê as marcas como se pessoas fossem. Por isso, qualquer uma que chegar demonstrando atitudes mais humanas será melhor percebida por consumidores. As dificuldades que as pessoas comumente têm em estabelecer um elo verdadeiro, em se aproximar ou em confiar naquelas que fingem não ter fraquezas, defeitos ou erros estão sendo observadas também em seus relacionamentos com as marcas que consomem. O público espera que as marcas assumam suas falhas, que sejam uma “pessoa” flexível. Esse conceito, em inglês, é representado pela expressão FLAWSOME.  Um termo que combina “flaw” e “awesome” e, traduzido para o português, significa “defeito” e “fantástico”. Ou seja, é como se o ...

Ler mais ou responder

Surge uma nova safra de consumidores. São os integrantes da chamada geração G (de generosidade), detectados pela Trendwatching – uma empresa holandesa de pesquisa de tendências que alerta: para eles, não bastam bons produtos nem preços atraentes. O que chama a atenção dos consumidores generosos são empresas dispostas a fazer tudo por eles e também pela sociedade. “’As pessoas estão descontentes com a ganância dos empresários e suas consequências para a economia”, diz o relatório publicado pela Trendwatching. Crises financeiras fazem com que o cidadão queira maior proteção, não só sobre seu dinheiro guardado, como também em relação aos empregos e aos parceiros. E assim, dar, doar, dividir e colaborar ...

Ler mais ou responder
A verdade sobre o ato de comprar

Cinco perfis de compradores que frequentam seu ponto de venda Uma empresa planeja melhor as ações para aumentar suas vendas quando conhece o comportamento do consumidor, que é o tema de estudo de uma área do marketing unida à ciência: o neuromarketing. Uma das ferramentas utilizadas por esse campo é a pesquisa de mercado que, por meio da coleta de informações, investiga o ambiente e obtém insumos para que as empresas construam suas estratégias de relacionamento com o consumidor. Depois de entrevistar 10 mil pessoas no Brasil, a unidade de inteligência global da McCann Worldgroup – agência de publicidade de atuação mundial – identificou cinco perfis de compradores: ...

Ler mais ou responder

O estudo da McCann, que investiga a verdade sobre o ato de comprar, denominou de robótico o consumidor como cuja mentalidade é mais negativa e desengajada. Embora, de acordo com o levantamento, esse etilo seja encontrado em apenas 3% dos consumidores brasileiros, é importante ter em mente que ele pode entrar a qualquer momento no seu ponto de venda. A empresa pesquisadora alerta ao lojista que, para chamar a atenção desses clientes, é necessário dedicar muito mais esforço, uma vez que agem como se estivessem ligados numa espécie de “piloto automático”. Em vista disso, um varejista pode, a princípio, pensar que por se tratar de uma representatividade tão reduzida, quando comparada ao ...

Ler mais ou responder

Há quem acredite que os blogs já não ocupam tanto espaço na vida das pessoas. Pensam que depois do seu boom, eles não são mais tão representativos como mídia social. Ledo engano! O Brasil ocupa o segundo lugar no mundo em relação ao alcance de blogs. Segundo Alex Banks da comScore – empresa mundial que mede o que as pessoas fazem à medida que navegam no mundo digital – a proporção da população brasileira online que visita pelo menos 1 blog durante 1 mês é muito alta, posicionando o Brasil atrás apenas do Japão. Por aqui, mais de três quartos da população online (77,3%) acessam mensalmente esses sites atrás de informações. Quando ...

Ler mais ou responder

Desde os anos 70 quando o termo brechó se popularizou e passou a designar o comércio de artigos usados no Brasil muita coisa mudou nesse mercado. A busca agora é pelo sucesso na internet. Especialmente para os negócios que atuam no segmento de moda: ao mesmo tempo em que as lojas físicas, com atmosfera de roupas desgastadas e cheiro de naftalina, começaram a ceder lugar a ambientes arrojados e serviços agregados, o acesso à internet chegou evidenciando os brechós virtuais. Sucesso na internet Atualmente, algumas iniciativas empresariais são verdadeiras vitrines dessa transformação. São negócios que estão imprimindo status e expandindo o espaço de mercado no país, tanto que são os brechós de luxo que registram maior crescimento no Brasil, segundo o

Ler mais ou responder
Pais ativos surpreendem consumindo e comentando mais

Com a entrada cada vez maior de mães no mercado de trabalho, os pais vão se reposicionando e demonstrando uma participação mais ativa na vida dos filhos. Muito mais que provedores, eles surpreendem como consumidores e comentaristas, com uma participação que se dá antes mesmo da prole vir ao mundo. Basta fazer uma breve busca pela internet com palavras como “pai”, “paternidade”, “filhos” para encontrar blogs nos quais pais de primeira viagem, ou não, compartilham a experiência de “paternar”. O movimento abre excelentes oportunidades de segmentação de mercado para empreendedores e empresas. Especialmente porque a impressão que se tem é de que os produtos e serviços voltados ao mercado infantil ainda não ...

Ler mais ou responder
Varejo: o que diferencia os melhores dos piores

Propiciar novas experiências aos consumidores tem sido objeto da estratégia de mercado em lojas do mundo inteiro. No setor moveleiro, por exemplo, na hora das compras de móveis de acessórios, a exposição de peças que obedeça a uma proposta de ambientes semelhantes ao quais os clientes têm em casa facilita a escolha, eliminando as dificuldades na identificação do produto que ele deseja. Mas a experiência significativa, além de conter variáveis muito mais amplas, é apenas um dos atributos que devem ser buscados por varejistas que queiram se destacar. A excelência de atendimento tem ganhado cada vez mais relevância no varejo. Principalmente depois que o mais recente ranking do Instituto Ibero-Brasileiro de Relacionamento com o ...

Ler mais ou responder

O setor da construção civil é símbolo do crescimento da classe média, que vem adquirindo a sua casa própria e chamando a atenção pelo desenvolvimento que registra, mesmo em meio a um cenário econômico instável. Em 2013, as vendas de materiais de construção subiram 4,4% em relação a 2012, e alcançaram R$ 57,42 bilhões, um recorde histórico para esse setor. Esse cenário é cada vez mais disputado pelas empresas, e não basta simplesmente abrir uma loja para ter lucros no setor. Mais do que nunca, é necessário ter um diferencial, algo a mais que possa ser visto como útil pelo consumidor. Um diferencial que vem ganhando espaço é o de oferecer serviços ...

Ler mais ou responder
A Lealdade do E-consumidor Brasileiro

Conquistar a lealdade dos consumidores é uma das grandes metas do varejo. Mais que um cliente fiel, o varejo espera que o cliente o recomende a seus amigos e que, com isso, consiga expandir o alcance de produtos e serviços em uma escala cada vez maior. Clientes que costumam repetir o consumo, comprando adicionais e recomendando a marca aos amigos, também fornecem bons feedbacks e custam menos para a empresa. Uma das ferramentas existentes no mercado que simplifica a medição das estratégias para atingir essa meta é o NPS (Net Promoter Score®). A metodologia consiste na obtenção de resposta a uma única questão: “em uma escala de 0 a 10, qual a ...

Ler mais ou responder