CADASTRAR

Entrar

Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Design Competitivo

O design é o diferencial para pequenos negócios do segmento de vestuário se manterem competitivos e conquistarem bons resultados de vendas internacionalmente. A aplicação de técnicas projetuais por profissionais capacitados é a melhor estratégia para obter alto grau de conhecimento do usuário e,dessa forma, agregar requisitos importantes ao  produto: brasilidade, conforto, segurança, utilização de matérias-primas  e processos de baixo impacto ambiental, e técnicas colaborativas. Os resultados dos empreendedores que investem em design podem ir muito além do aumento nas vendas.  Este  investimento pode trazer oportunidades de inovação, valorização da marca e conquista de novos mercados para os pequenos negócios de moda. Para saber mais, clique no link.

Ler mais ou responder
Boletim – Mercado de franquias Para o setor de vestuário

O setor de franquias atrai milhares de pequenos negócios em busca de novas oportunidades, promovendo uma relação positiva e lucrativa entre o franqueador e o franqueado. Enquanto o primeiro encontra um suporte para a expansão da sua empresa, o segundo investe em uma marca consolidada no mercado, tornando o retorno financeiro dos produtos e serviços mais assertivos. O pequeno negócio de vestuário também pode participar do mercado de franquias do setor de moda, que obteve um aumento de 12% em 2013 comparado a 2012. Esse aumento deve-se às empresas que estrearam novas marcas, como a malharia Malwee, com "Um Abraço Brasileiro" e "Malwee para Brasileirinho" e às empresas ...

Ler mais ou responder
Medidas plus size entrarão na Norma Brasileira Feminina de Vestibilidade

As numerações Plus Size (GG, EG, XG e XGG) serão contempladas pela Norma Feminina de Vestibilidade, que tem o objetivo indicar os tamanhos das peças para cada tipo de corpo feminino. Em fase de finalização, o documento está sendo elaborado há cerca de três anos. A expectativa é que seja chancelado por consulta pública em janeiro/2016. O sistema de designação de tamanho será baseado nas medidas do corpo e não nas medidas da roupa. As medidas definidas até agora foram resultantes de medições feitas em Body Scanner com voluntárias; e medidas indicadas por empresas de confecção e varejo de moda. As medições de voluntárias continuarão até final de fevereiro, quando termina o prazo ...

Ler mais ou responder
RELATÓRIO INTELIGÊNCIA – Mercado de uniforme escolar

No Relatório de Inteligência de março serão apresentados dados do mercado de uniforme escolar, as necessidades dos consumidores em idade escolar e os requisitos de desempenho e segurança necessários para obter o máximo de qualidade. "Fazendo uso das normas, o empresário tem a possibilidade de desenvolver os produtos de maneira correta, com qualidade, logo na primeira tentativa, sem erro e sem desperdício." Maria Adelina Pereira, gestora do Comitê Brasileiro de Têxteis e do Vestuário da ABNT, em entrevista para o Sebrae Inteligência Setorial. Tenha acesso ao conteúdo completo se cadastrando e fazendo o download AQUI.

Ler mais ou responder

O setor tem crescido em razão da grande quantidade de esportes praticados no País. O ramo de vestuário é amplo, vai além da moda e dos acessórios. Um dos segmentos que podem ser explorados é de produtos esportivos. De roupas, meias e calçados, itens básicos, aos outros mais específicos, como bonés, luvas e caneleiras, etc. Dessa forma, esse ramo traz uma oportunidade de negócio as MPE devido a uma ampla variedade de produtos que pode comercializar. Panorama nacional Os dados do setor também mostram que a tendência é de expansão. O mercado esportivo vem apresentando ...

Ler mais ou responder
Moda inclusiva: mercado e acessibilidade

As questões sobre pessoas com deficiência não estão ligadas somente à mobilidade em diferentes ambientes. Os pequenos negócios de vestuário também podem e devem começar a pensar em criar oportunidades para esse público, desenvolvendo modelos específicos e ampliando a capacidade de inclusão deles. Pensando nisso, o Sebrae/SC elaborou um relatório de inteligência competitiva que apresenta um pouco sobre moda inclusiva e discorre sobre como ela abre caminho para um ambiente novo e cheio de oportunidades. Números do mercado De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), existem 45 milhões de pessoas com algum tipo de deficiência no Brasil, sendo 25 milhões de mulheres. A maior parte dessas pessoas (67,7%) possuem 65 anos ...

Ler mais ou responder

Relacionar-se bem com os clientes é um fator de sucesso dos negócios Neste ano, o e-commerce brasileiro deve movimentar R$ 39,5 bilhões. Um volume 27% maior que o de 2013. Apesar de uma expectativa de incremento considerável nos negócios de turismo (hospedagem e transporte de passageiros) e nos artigos esportivos, por causa da Copa do Mundo, o vestuário – de modo geral – deve continuar sua curva ascendente. É nesse contexto que os pequenos negócios do setor têm encontrado a possibilidade de ampliar sua rede de comércio. Mas, usar a tecnologia a favor da lucratividade na comercialização de moda vai muito além de absorver as relevantes vantagens concretizadas no e-commerce ...

Ler mais ou responder

  O percentual da população brasileira acima do peso está crescendo: em 2012 chegou a 51%, enquanto em 2006 girava em torno de 43%. Com isso, a chamada “moda Plus Size”, que atende o público gordinho, faz sucesso no país. São muitas as demandas que surgem nesse cenário, em especial no que diz respeito à saúde e qualidade de vida, onde o bem-estar e o aumento da autoestima figuram como elementos importantes. Quebrando a visão de que apenas os magros são belos e felizes ou de que o mundo pertence àqueles que vestem de 40 para baixo, esse novo conceito responde a demandas da sociedade por um mundo mais inclusivo, ao mesmo tempo em que cria todo um nicho especial de mercado. Alguns exemplos ...

Ler mais ou responder
Roupas inteligentes abrem novas possibilidades de mercado

De acordo com o último Boletim de Tendências divulgado pelo Sebrae/SC sobre vestuário, a indústria brasileira ainda caminha de forma tímida no que diz respeito ao uso de tecidos que usam novas tecnologias. Por isso, os têxteis produzidos no país não conseguem competir com os produzidos na Ásia, seja pelo preço final, seja pela qualidade. Um caminho a seguir pode ser o desenvolvimento de uma tecnologia têxtil que possa melhorar o desempenho, a aparência e a função dos tecidos feitos no país. Estamos falando das roupas inteligentes, que causam grande impacto no desenvolvimento de novas formas de pensar a tecnologia do vestuário. Este termo vai muito além ...

Ler mais ou responder
Economia Criativa integra cultura, moda e design

Foi-se o tempo em que, no Brasil, moda significava padrão. Hoje o que atrai o consumidor é a fuga do óbvio. Com isso, um importante elemento está em cena: a criatividade. A expressão da  diversidade da cultura brasileira inspirando o desenvolvimento de coleções no segmento do vestuário tem produzindo uma gama de oportunidades no mercado tanto nacional como internacional. São oportunidades que permitem a inclusão de profissionais e empresas anteriormente não favorecidas, uma vez que, atualmente, a aplicação do conceito de brasilidade reflete positivamente na definição dos preços dos produtos e serviços. O Relatório de Economia Criativa – Uma opção de Desenvolvimento Viável – de 2010, ressalta que os números do comércio ...

Ler mais ou responder