CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Como planejar a montagem de uma cozinha de restaurante?

Como planejar a montagem de uma cozinha de restaurante?

Se você quer empreender no setor alimentício brasileiro, precisa aprender como planejar a montagem de uma cozinha de restaurante. Afinal, boa parte do sucesso do seu negócio está ali.

Só em 2019, o setor de restaurantes e bares teve um aumento no faturamento de 3,2%. É claro que, em 2020, esse resultado não vai se repetir. Afinal, a pandemia do novo coronavírus trouxe um baque em todos os mercados.

No entanto, ainda é possível se manter lucrativo. Basta saber como planejar a montagem de uma cozinha de restaurante de modo a privilegiar a produtividade dos funcionários.

Quer saber como? Então siga a leitura do artigo abaixo!

Como planejar a montagem de uma cozinha de restaurante em 5 passos

1. Monte uma lista de equipamentos

Para começar a montar a cozinha do seu restaurante, você precisará montar uma lista com todo os equipamentos necessários. O número exato de itens a comprar vai variar do tipo de comida que você produzirá, além do tamanho da sua produção. Por exemplo, um restaurante de pequeno porte pode se dar bem com apenas um fogão industrial. Já um que pretende servir centenas de pratos por refeição precisará de mais de um.

No entanto, podemos reduzir uma lista de equipamentos básicos nos seguintes termos:

  • fogão industrial;
  • forno industrial;
  • coifa com tubulação;
  • máquina de lavar pratos;
  • conjunto completo de talheres;
  • pia;
  • chapa;
  • balança;
  • fritadeira;
  • assadeira;
  • geladeiras;
  • panelas;
  • utensílios;
  • freezers;
  • liquidificadores.

2. Separe os ambientes do restaurante

Na hora de montar uma cozinha, é importante entender que a produção de pratos segue um fluxo de trabalho. Portanto, é essencial que a sua montagem obedeça esse fluxo para evitar acidentes e que os profissionais fiquem se esbarrando.

Por exemplo, o primeiro passo é o preparo dos ingredientes. Depois, vem o preparo de cada elemento do prato. Por fim, a montagem do prato em si. Isso, claro, de maneira bem simplificada e superficial. Isso porque cozinhas de alto nível ainda são divididas entre espaços para carnes, espaço para saladas, para molhos e por aí vai.

Ao separar os ambientes na sua cozinha, você garante melhor produtividade e segurança para os cozinheiros.

3. Privilegie o armazenamento de comida

Se você quer aumentar a sua margem de lucro, precisa reduzir custos com os seus pratos. A maneira mais fácil de conseguir isso é ao diminuir os gastos com os ingredientes de cada prato.

Para conseguir diminuir o custo com os ingredientes, uma boa estratégia é comprar em grande quantidade e armazenar adequadamente, seguindo todas as regras de saúde. Ao fazer isso, é possível pagar menos do que quando compramos em pequenas quantidades. Cada centavo economizado faz uma grande diferença no longo prazo.

4. Tenha um espaço para delivery

Para aumentar a sua lucratividade, é importante explorar mais espaços de venda. Nesse caso, é essencial pensar em vender via delivery. Afinal, essa opção é uma das mais lucrativas no momento.

Para se ter noção, os aplicativos de delivery dobraram o faturamento só no primeiro semestre de 2020, muito por causa da pandemia do novo coronavírus. Portanto, seu restaurante precisa estar neles.

No entanto, é importante separar os espaços para que o delivery tenha um canto próprio. Afinal, é essencial que a produção não se confunda. Assim, será possível atender os clientes de delivery mais rapidamente e ganhar melhores avaliações.

5. Privilegie a limpeza da cozinha

Por fim, não esqueça de privilegiar a rotina de limpeza da sua cozinha. Isso porque esse é um dos passos que mais exige trabalho e recursos, o que pode aumentar os seus custos.

Uma boa maneira de fazer isso, por exemplo, é usar revestimentos que são facilmente higienizados, como a cerâmica ou o porcelanato.

E aí, aprendeu como planejar a montagem de uma cozinha de restaurante? Então deixe um comentário abaixo com a sua opinião sobre o tema!

 

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Diego BiniNovo na comunidade