CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Supermercado elimina sacolas plásticas

Supermercado elimina sacolas plásticas

Autor: Martha Mendes / Fonte: FGV

O Supermercado Ademar, localizado em Campinas, no Estado de São Paulo, foi um dos finalistas ao prêmio Responsabilidade Social e Sustentabilidade no Varejo de 2010, da Fundação Getúlio Vargas. O projeto Multiplicadores da Sustentabilidade, implantado no estabelecimento em 2007, evitou que o descarte indevido de sacolas plásticas polua ainda mais o meio ambiente.
Fundado em 1985, o supermercado tem uma história de apoio à reciclagem. Sua fundadora, Maria das Dores Lemes, ou simplesmente Dalva, utilizou o dinheiro que conseguiu economizar quando era catadora de lixo reciclável nas ruas de Campinas para construir seu empreendimento. Hoje, com 35 funcionários, e uma referencia no comércio local, o Supermercado Ademar continua investindo na responsabilidade sócio-ambiental. A postura da empresa, de tentar conscientizar a comunidade para o uso responsável das sacolas plásticas e a substituição por sacolas retornáveis, aproximou os funcionários aos clientes, promovendo um atendimento diferenciado que gera a fidelização da clientela.
Com o projeto, a empresa conseguiu reduzir o descarte de 20 mil sacolas plásticas convencionais por mês, economia que trouxe mais investimentos para a área gerencial da empresa. Os sete check-outs do supermercado passaram a oferecer para o transporte das mercadorias dos consumidores sacolas retornáveis produzidas de ráfia e vendidas ao preço de R$ 2,25. O valor investido no projeto foi de R$ 2,5 mil, gasto na produção de cada lote de mil sacolas de ráfia. Para a retirada das sacolas de plásticos convencionais, os colaboradores foram antes treinados para explicar sobre os benefícios que a redução do uso de sacolas plásticas convencionais e os impactos dessa ação na comunidade, reduzindo poluição e enchentes.
Até ocorrer a aceitação completa do projeto, o estabelecimento disponibilizou aos clientes algumas caixas de papelão reaproveitadas pelo próprio supermercado para servirem de transporte das mercadorias. O uso de sacolas recicláveis também movimentou a ação de novos empreendedores da própria comunidade que viram na fabricação de sacolas recicláveis, uma oportunidade de geração de renda. A atitude, a princípio radical, foi assimilada pela comunidade. No período o projeto conseguiu movimentar 4.500 sacolas retornáveis e aboliu completamente o uso de sacolas plásticas convencionais e segue ajudando a disseminar para milhares de pessoas moradores da região, o respeito e a preocupação mantida pelo supermercado com as condições do ambiente e da comunidade local.
Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae