CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Novas Tecnologias: O futuro é agora

Novas Tecnologias: O futuro é agora

Escrito por Raquel Sena

Automatizar processos para garantir maior tempo com o cliente. Esse é um dos objetivos da VIP Systems com a criação da tecnologia RFID (identificação por radiofreqüência) que pode ser aplicada em diversos setores, seja no transporte público, segurança, saúde, entre outros.
De acordo com Fabian Romano, diretor da companhia, no varejo, por exemplo, a tendência é que essa tecnologia figure em toda a cadeia de abastecimento e possibilite maior visibilidade de seus produtos.
“O principal problema hoje no varejo é perder uma venda por não ter um determinado produto ou não saber se tem em estoque, com o RFID o vendedor consegue visualizar a disponibilidade do produto e saber onde ele se encontra”, garante Romano.
Além disso, com a tecnologia é possível realizar um inventário on-line sem a necessidade de contratar uma empresa. Basta utilizar um coletor móvel, passar pelos produtos que o sistema identifica a quantidade e outras descrições do produto via wi-fi.
Essa tecnologia não está apenas no papel, virou realidade. A Billabong, marca australiana de surfwear, com 650 lojas espalhadas pelo mundo, é a primeira da América Latina a contar com a tecnologia RFID em 100% da operação em uma de suas unidades localizada no Shopping Iguatemi Alphaville, em Barueri (SP).
Na loja existem 15 soluções interativas, entre elas o catálogo eletrônico, onde o cliente visualiza todos os produtos da coleção na TV localizada na entrada da loja; provador inteligente – sistema que reconhece as peças de roupas e sugere o look, e espelho interativo, que permite experimentar o produto virtualmente e, se quiser, disponibilizar a foto nas redes sociais.
“O RFID nos ajudou em diversos setores da companhia. Hoje, por exemplo, fazemos o inventário em 30 minutos, sem necessidade de contratar uma empresa, um funcionário pode fazer isso. Poupamos tempo com processos e com isso sobrou tempo para fazer treinamento no ponto de venda com nossa equipe e dar mais atenção aos nossos clientes”, garante Marcelo Chiaparini, proprietário da Billabong.
Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae