CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Cortar para ganhar mais

Cortar para ganhar mais

Em época de escassez de água, como a que vivemos no Estado de São Paulo, é importante que as empresas adotem ações que resultem em economia de recursos naturais e em impacto positivo sobre as finanças. Além de fazer valer os conceitos de sustentabilidade, é possível economizar energia e água a partir da adoção de pequenas mudanças que não custam muito, mas são capazes de aumentar o lucro da companhia. “Uma simples troca de lâmpadas ou manutenção preventiva de equipamentos pode diminuir substancialmente a conta de luz no fim do mês”, afirma a consultora do Escritório Regional Capital Oeste do Sebrae-SP, Dorli Martins.

Foi o que fez o empresário Roberto Lopes, proprietário da confecção infanto-juvenil Barrigudinhos, localizada na zona leste de São Paulo. “Troquei todas as lâmpadas por fluorescentes duplas e, no primeiro mês, a conta já caiu pela metade”, afirma. O ganho de Lopes deve-se ao fato de as lâmpadas fluorescentes serem 60% mais eficientes do que as lâmpadas comuns de mercúrio.

A economia foi ainda maior quando o empresário resolveu investir também na manutenção preventiva dos equipamentos. As máquinas de casear e pregar botões estavam sempre com problemas na parte elétrica e utilizavam mais energia do que a necessária para a produção. A manutenção preventiva, além de acabar com o “roubo” de energia, ainda garantiu que a produção não sofresse interrupções.

O primeiro passo para diminuir os custos com energia e água é identificar em que parte a economia pode ser feita. “Se a empresa utiliza água em algum processo de produção, seria interessante investir em uma cisterna para captar a água da chuva e utilizá-la no processo”, declara Dorli. A medida vale para qualquer setor: basta o empresário identificar os pontos nos quais pode economizar e buscar informações sobre as melhores maneiras de fazer isso. Para ajudar as indústrias na busca de eficiência energética, o Sebrae-SP e a Associação Brasileira de Serviços de Conservação de Energia (Abesco) lançaram uma cartilha com dicas sobre as vantagens e as possibilidades de redução de custo e aumento da produtividade e competitividade a partir de ações sustentáveis.

Na confecção de Lopes, por exemplo, a próxima ação de economia será a substituição das descargas dos banheiros por modelos que reservam a quantidade necessária em um depósito – evitando, assim, o desperdício.

12 passos para diminuir custos

  1. Troque lâmpadas de mercúrio por fluorescentes ou LED;
  2. Pinte as paredes da empresa com cores claras que dão maior luminosidade;
  3. Troque telhas normais por telhas translúcidas;
  4. Realize manutenção preventiva nos equipamentos e nas máquinas;
  5. Certifique-se de que as instalações elétricas sempre estejam em dia;
  6. Verifique o contrato com a companhia de energia para identificar a tributação (comércio, indústria ou residencial);
  7. Troque torneiras e descargas por modelos mais econômicos;
  8. Se a empresa utiliza muita água na produção, invista em cisternas que captam a água da chuva;
  9. Se possível, instale mais janelas para captar mais a luz do dia;
  10. Inicie campanha de conscientização com os funcionários;
  11. Substitua copos plásticos por recipientes de vidro ou louça;
  12. Reveja a utilização de papel. Programe as impressões para frente e verso.

Acompanhe outros conteúdos como esse no site do Sebrae Mercados.

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae