CADASTRAR

Entrar

Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Enviar mensagem

Adicionar pergunta

Entrar

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Copa: estrangeiros deixaram US$ 1,4 bilhão no país

Os estrangeiros nunca gastaram tanto no país quanto na Copa do Mundo. De acordo com balanço divulgado nesta sexta-feira (25) pelo Banco Central, os visitantes internacionais deixaram no Brasil US$ 1,406 bilhão, se somados os meses de junho completo e julho até o dia 23. O valor é 41,59% superior aos gastos feitos nos dois meses completos do ano passado (US$ 993 milhões).

A Copa do Mundo reverteu o déficit registrado até maio na conta do turismo. Nos cinco primeiros meses deste ano, o acumulado era 5,87% inferior à soma de janeiro a maio de 2013. Se colocados nessa conta os meses do torneio (junho e julho), a soma do ano (US$ 4,254 bilhões) foi 5,84% superior a de 2013 (US$ 4,019 bilhões).

“O Mundial foi um evento grandioso que beneficiou o turismo e projetou positivamente o país no exterior. Já estamos colhendo os frutos de termos recebido bem os estrangeiros, com hospitalidade e serviços turísticos de qualidade”, diz o ministro do Turismo Vinicius Lages. “Se incluirmos o capital de imagem os ganhos são ainda mais representativo”, afirma.

Um levantamento realizado pelo Ministério do Turismo, em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, revela que o país recebeu turistas de 203 nacionalidades durante o Mundial, permaneceram em média 13 dias no país e estiveram em 378 municípios brasileiros, incluindo as cidades-sede.

Os itens mais bem avaliados foram a hospitalidade e a gastronomia, com 98% e 93% de aprovação respectivamente. A segurança pública brasileira foi avaliada positivamente por 92% deles. Os táxis, informações turísticas e transporte públicos foram aprovados por nove em cada 10 visitantes internacionais e os aeroportos por oito em cada dez.

Fonte: Ministério do Turismo

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosDeixa eu ver qual é