CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Como montar um serviço de conservação e limpeza

Como montar um serviço de conservação e limpeza

Confira uma ideia de negócio completa sobre Como montar um serviço de conservação e limpeza. Abaixo dividimos o conteúdo em tópicos como mercado, custos, pessoas, investimentos, divulgação, exigências legais e mais dicas.

O empreendedor que deseja atura no segmento de conservação e limpeza, perceberá que este negócio é necessários para diversos segmentos, tais como indústrias, hipermercados, varejos, clinicas de saúde, hospitais e laboratórios, shoppings centers, escolas, condomínio, entre outros.

A partir da década de 80, com o aumento das empresas de terceirização, os serviços de limpeza e conservação passaram a fazer parte da empresas, que perceberam vantagens nesta contratação, tais como:

·        Excelência nos serviços

Essa responsabilidade é da empresa contratada, que deve realizar um trabalho com excelência, para garantir a renovação do contrato.

·        Redução de custos

A terceirização reduz o custo fixo com colaboradores, como vale transporte, alimentação, férias e décimo terceiro.

·        Flexibilidade

Com a total flexibilidade a empresa pode determinar dias e horários, que não interferem nas atividades principais da empresa.

·        Redução de riscos

Com profissionais qualificados e equipamentos corretos, o risco é muito menor.

·        Melhora o ambiente de trabalho

Um ambiente de trabalho limpo e organizado é essencial para a produtividade da empresa.

Conhecendo estas vantagens, fica claro para o empreendedor deste segmento que o profissionalismo e a utilização de técnicas de limpeza e conservação são alguns dos principais diferencias para quem deseja se destacar.

As empresas de conservação e limpeza, estão entre os negócios que mais crescem no Brasil, isso é motivado pelo crescimento e diversidade de negócios, tais como:

•      Escolas (públicas e privadas)

•     Condomínios (vertical e horizontal)

•     Unidades de saúde;

•     Aeroportos;

•     Shopping centers;

•      Prédios administrativos

O mercado é bem amplo com grandes oportunidades de negócio, mas o empreendedor precisa analisar detalhadamente o mercado e definir seu posicionamento estratégico para atuar junto ao público alvo escolhido.

Para escolher o mercado de atuação, separamos alguns dos serviços que podem ser executados por uma empresa de limpeza e conservação:

•      Limpeza geral, leve e pesada;

•      Tratamento de pisos;

•      Limpeza de pisos em geral;

•      Limpeza de móveis;

•      Limpeza de Espelhos e vidros em geral;

•      Limpeza de divisórias;

•      Limpeza de elevadores;

•      Higienização de ambientes (banheiro);

•      Limpeza de fachadas;

•      Limpeza de áreas verdes (Jardinagem)

•      Serviços de manutenção jardim;

•      Limpeza residencial e comercial;

•      Limpeza pós obra (construção civil)

O empreendedor que deseja atuar neste segmento terá como principal dificuldade a falta de profissionais capacitados ou comprometidos com o negócio. A empresa que conseguir treinar, capacitar e engajar sua equipe terá um grande diferencial para abrir mercado e fidelizar os clientes.

No capitulo mercado você conhecerá cenários, tendências e nichos de mercado para este segmento. 

Para aumentar as oportunidades de negócios o empreendedor do setor de limpeza e conservação precisa conhecer detalhes do seu mercado de atuação. Todas as decisões, estratégias, gerenciamento de vendas e até mesmo ações de marketing estão diretamente ligas ao conhecimento do mercado de atuação. Portanto, quanto mais conhecer o mercado, a perspectiva do consumidor, a qualidade dos serviços e produtos, melhor será o desempenho do negócio.

As chances de sucesso aumentam quando sabemos onde estamos inseridos e quais tendências e fatores de mercado impulsionam ou impem mudanças no segmento:

.

•      Cenário

Segundo dados do Sebrae    e da Abralimp – 2011,   o mercado de limpeza profissional cresce a cada ano. Estima-se que o setor conta com mais 13 mil empresas em todo o país. Quando somados aos multisserviços oferecidos pelas prestadoras de serviços como Jardinagem, Controle de Acesso, Manutenção Predial, entre outros, este número pode ultrapassar a marca de 1,6 milhão de profissionais, segundo a Federação Nacional das Empresas Prestadoras de Serviços de Limpeza e Conservação (Febrac).  Outras estatísticas mostram que 66% das empresas contam com até 20 funcionários e cerca de 5% possuem quadro funcional com mais de 500 funcionários. As regiões que mais concentram empresas e profissionais de limpeza são Sul, Sudeste e Distrito Federal, mantendo cerca de 80% desse mercado no País. No entanto, a região Nordeste também apresenta crescimento.

.

•      Expectativas

De acordo com o levantamento da Associação Brasileira de Franchising (ABF),  o setor cresceu 12,9% no primeiro trimestre de 2019, em comparação com o mesmo período do ano passado, consolidando-se como um dos segmentos de destaque da pesquisa. As expectativas são de manutenção do crescimento em função do aumentos de empresas e residências no pais. Outro fator que consolida este crescimento é o perfil do consumidor brasileiro que cada vez mais esta buscando este serviços em empresas terceirizadas.

.

•      Tendência

O crescimento das empresas de limpeza e conservação é um tendência de mercado, pois cada vez mais o brasileiro, seja nas empresas ou residências vem buscando a contratação de serviços terceirizados de limpeza. Uma tendência de mercado é contratação de empresa de limpeza e conservação para serviços residências, que desobriga o pagamento de encargos e vínculo empregatício.

.

•      Desafios do setor

De acordo com Sobrevivência das empresas no Brasil, divulgado em 2016 pelo SEBRAE, o índice de sobrevivência das empresas de limpeza e conservação é de 59% em 2 anos. Este número reforça a importância de uma boa administração e de comportamentos diferenciados por parte do empreendedor que deseja atuar neste segmento.

Treinar uma boa equipe de profissionais, prezar pela qualidade nos serviços e manter um controle administrativo e financeiro eficiente são fatores que contribuem para a sobrevivência das empresas.

.

•      Nicho de mercado

O crescente mercado imobiliário aumenta as oportunidades no segmento de manutenção de limpeza de áreas comuns de condomínios. Ainda no mercado imobiliário, outra ramificação do setor de limpeza que tem crescimento bastante acentuado é o de limpeza pós-obra, uma vez que o mercado amplo de construção civil requer empresas qualificadas para a finalização dos empreendimentos e entrega aos proprietários. Um nicho que ainda pode ser muito explorado é o setor público que é o maior contratante de serviços de limpeza e conservação.

.

De acordo com os números e tendências, o mercado é promissor, mas o grande desafio continua sendo a qualidade nos serviços, o profissionalismo dos prestadores de serviço e uma gestão administrativa e financeira eficiente.

De acordo com as pesquisas e números do mercado o setor tende a crescer, mas o empreendedor precisa se preparar com tecnologia, estrutura, bons fornecedores, estoque adequado e um excelente atendimento.

Uma empresa de limpeza e conservação pode não estar preocupada com o aspecto localização. Mas todo negócio, principalmente na fase inicial, requer um bom planejamento sobre a localização. Este planejamento demonstrará se a localização é um fator importante ou não para a expansão dos negócios.

. 

Nota:

A empresa de limpeza e conservação, não possui venda de produtos, mas sim de serviços. Na maioria dos casos a contratação dos serviços é realizada, por meio de indicações ou ligações. Neste modelo de negócio a localização pode não ser uma fator determinante do sucesso. Contudo, vale a pena destacar que, quanto mais o ponto comercial estiver próximo a centros comerciais e melhor for a facilidade de acesso, mais clientes poderão ter acesso aos serviços da empresa.

.

A decisão de onde será montado o escritório da empresa de limpeza e conservação, quando precedida de muita análise e planejamento, tem grandes chances de aumentar as oportunidades de negócios.

Confira algumas dicas para fazer a escolha correta.

 .

1 – Home Office (própria residência)

A opção mais barata de todas é montar um escritório na própria casa. Essa alternativa é viável enquanto trabalhar sozinho, mas se você deseja crescer, é bem provável que tenha que encarar outra opção mais cedo ou mais tarde. Mesmo sendo na própria residência, deverá ser tratado com uma empresa, e precisa atender as normas legais de abertura, veja mais detalhes no capitulo- Exigências Legais e Específicas

. 

2 – Atendimento Virtual

Atualmente os canais de comunicação, permitem que muitas empresas de limpeza e conservação, atendam no formato virtual, sem a necessidade do escritório físico.

 .

3 – Espaço comercial físico

A alternativa de maior custo, é também a mais profissional. É inevitável considerar que, para quem quer crescer, ter uma sala comercial inteira à disposição da empresa de limpeza e conservação é muito melhor. Para aqueles que desejam ter uma estrutura física, é importante que o empreendedor esteja atento a questões como acessibilidade, número de concorrentes nas proximidades e condições de estacionamento.

Algumas perguntas são norteadoras na hora de escolher o ponto comercial:

·        Facilidade de acesso para clientes e funcionários;

·        Facilidade de estacionamento (local ou próximo);

·        O local favorece a venda por impulso;

·        Proximidade de estações e pontos de transporte coletivo;

·        Infraestrutura de serviços (restaurantes, farmácias, bancos);

·        Segurança da região;

·        Infraestrutura de serviços públicos (Bombeiros, Polícia, Hospital, Correio);

·        Verificar se o local não está sujeito a inundações ou próximo a áreas de risco;

·        Disponibilidade dos serviços de água, luz, telefone e internet;

·        Serviços de recolhimento de lixo.

·        Preço de aluguel;

·        Qualidade dos imóveis disponíveis.

.

Cuidados!

Confira orientações para você não se arrepender da escolha do ponto comercial:

·        Evite locais em frente a ponto de ônibus;

·        Fique longe de locais que causem sensação de insegurança;

·        Tente evitar últimos andares ou locais de pouca mobilidade;

·        Analise a legislação do município antes de qualquer decisão.

.

Analisar todos os aspectos da localização é fundamental para evitar erros ou gastos desnecessários, principalmente para quem esta começando neste segmento. Para conhecer mais detalhes sobre a localização, acesse Como escolher a melhor localização para o seu negócio

 

Para abrir um Serviço de conservação e limpeza, o empreendedor poderá ter seu registro de forma individual ou em um dos enquadramentos jurídicos de sociedade. Ele deverá avaliar as opções que melhor atendem suas expectativas e o perfil do negócio pretendido.

Leia mais sobre este assunto no capítulo – Informações Fiscais e Tributárias.

O contador, profissional legalmente habilitado para elaborar os atos constitutivos da empresa e conhecedor da legislação tributária, poderá auxiliar o empreendedor neste processo.

Para abertura e registro de um Serviço de conservação e limpeza é necessário realizar os seguintes procedimentos:

– Registro Empresarial na Junta Comercial;

– Obtenção do CNPJ na Secretaria da Receita Federal;

– Secretaria Estadual de Fazenda;

– Registro na prefeitura municipal, para obter o alvará de funcionamento;

– Enquadramento na Entidade Sindical Patronal (empresa ficará obrigada a recolher por ocasião da constituição e até o dia 31 de janeiro de cada ano, a Contribuição Sindical Patronal);

– Cadastramento junto à Caixa Econômica Federal no sistema “Conectividade Social – INSS/FGTS”;

– Registro no Corpo de Bombeiros Militar: órgão que verifica se a empresa atende as exigências mínimas de segurança e de proteção contra incêndio, para que seja concedido o “Habite-se” pela prefeitura.

– Alvará de licença da Vigilância Sanitária

Informações Gerais:

Para a instalação do negócio é necessário realizar consulta prévia de endereço na Prefeitura Municipal/Administração Regional, sobre a Lei de Zoneamento.

É necessário observar as regras de proteção ao consumidor, estabelecidas pelo Código de Defesa do Consumidor (CDC)

A Lei 123/2006 (Estatuto da Micro e Pequena Empresa) e suas alterações estabelecem o tratamento diferenciado e simplificado para micro e pequenas empresas. Isso confere vantagens aos empreendedores, inclusive quanto à redução ou isenção das taxas de registros, licenças etc.

 

A estrutura de empresa de limpeza e conservação dependerá das características do trabalho a ser realizado, considerando os serviços, o perfil dos clientes e outros fatores considerados relevantes

Para quem esta iniciando, a estrutura para este tipo de empreendimento é bem simples e até compacta, semelhante à de um escritório. É preciso que haja um local para trabalho com computadores com acesso à internet, impressoras, mesas e cadeiras confortáveis, boa iluminação para leitura e telefones.

No caso de optar pelo escritório na própria residência, é importante analisar se possui estrutura para uma reunião, vídeo conferencia etc. Como sugestão o escritório pode ser na residência, mas as reuniões podem ser em coworking apropriados para receber seus clientes.

O mais importante é que independente da escolha do empreendedor, o local precisa ser agradável, confortável e com muita praticidade para receber os clientes e ampliar as oportunidades de negócios.

Preparamos algumas dicas para ajudar na estrutura de um local apropriado para sua empresa de limpeza e conservação:

.

•      Recepção

Esta área é destinada à exposição dos serviços e recepção dos clientes. O espaço deve ser bem planejado e recomenda-se evitar poluição visual, proporcionar boa iluminação e ventilação para que haja conforto tanto para as pessoas que trabalham na empresa quanto para clientes.

.

•      Sala de trabalho

Área em que serão dispostos os computadores e mesas para o desenvolvimento dos serviços relacionados aos serviços, devendo ser montado ilhas de trabalho, facilitando assim o desenvolvimento da atividade principal da empresa.

.

Nota:

Seria importante na sala de trabalho uma estrutura para reunião, que pode ser uma mesa e algumas cadeiras. Este espaço será usado para reunião com prestadores de serviço e clientes.

.

•      Depósito/estoque

A área de estoque é importante para toda empresa que possui produtos para prestação de serviços. Esta área deverá ser estruturada para uma perfeita armazenagem dos produtos de limpeza e conservação.

.

Para a estrutura acima, estimamos uma área de 20 a 50m², mas é importante lembrar que a estrutura pode mudar radicalmente se a opção do empreendedor seguir para o modelo virtual ou escritório na própria residência.

Consulte o capítulo Equipamentos para conhecer detalhadamente tudo o que é necessário para o bom funcionamento de uma empresa de organização de eventos.

 

A equipe de uma empresa de limpeza e conservação, dependerá exclusivamente do modelo de negócio estabelecido pelo empreendedor. O empreendedor pode participar diretamente da prestação de serviços ou cuidar apenas da organização, planejamento e coordenação da equipe de trabalho.

Para quem esta começando, não precisa, em primeiro momento ter um quadro fixo de profissionais, pois a ocorrência de serviços é instável, além disso só será necessário a presença dos profissionais de limpeza e conservação nos dias de serviço.

A verdade é que, como em qualquer outra profissão, é preciso ter muitas características e competências específicas para que o ofício seja realizado com qualidade, entregando ao cliente um serviço de limpeza e conservação à altura do esperado. Tanto é que há até cursos, cartilhas e regras de padronização, que são adotadas para os profissionais que atuam nesta área.

Veja este material preparado pela UNESP – Manual de boas práticas para o serviço de limpeza – abordagem técnica e prática.

Veja a seguir algumas características essenciais para empreendedor e sua equipe. Quais delas você já tem? Quais delas precisa desenvolver para melhorar em sua carreira? Confira!

1 – Administrador/Gestor

Inicialmente esta atividade pode ser desenvolvida pelo empreendedor, mas é importante reconhecer as habilidades e competências de um bom administrador:

•     Capacidade para lidar com imprevistos;

•     Atuar preventivamente;

•     Ter raciocínio lógico, crítico e analítico;

•     Ter conhecimento de gestão empresarial.

•     Habilidade de relacionamentos;

•     Habilidade para negociar

•     Inteligência emocional para lidar com possíveis conflitos.

•     Organização e gerenciamento de tempo;

•     Capacidade de observação e concentração;

•     Facilidade de relacionamento;

•     Destreza com números;

•     Capacidade de pensar e agir sob pressão;

•     Atenção aos detalhes;

•     Aptidão para ouvir clientes e equipe de trabalho;

•     Capacidade de delegar tarefas;

•     Interesse por assuntos atuais e novidades do mercado.

2 – Atendente

Este profissional estará diretamente em contato com os clientes, e algumas características e habilidades são fundamentais:

•     Cortesia e educação para com os clientes e colegas;

•     Disciplina e organização;

•     Conhecimento sobre os processos de organização de eventos

•     Idoneidade;

•     Boa apresentação pessoal;

•     Domínio de técnicas de vendas e atendimento ao público;

•     Boa comunicação oral e escrita.

3 – Equipe de trabalho externo

Estes profissionais serão os responsáveis pela realização dos serviços. O empreendedor precisa adotar regras de postura, conduta e comunicação. Lembre-se que estes profissionais serão a imagem da sua empresa. No momento da contratação é fundamental atentar para vários aspectos.

Veja algumas boas práticas de higiene, aparência física e cuidados com o corpo. Confira as nossas dicas:

•     Cabelo, barba e maquiagem: As mulheres devem manter os cabelos limpos e adequadamente presos e o uso da maquiagem deve ser discreto. Para os homens, o ideal é manter cabelos curtos e barba feita ou aparada.

•      Uniforme: É obrigatório o uso durante o expediente de trabalho, e sempre deve estar completo, limpo e passado. Cada colaborador é responsável pelo seu uniforme e deve zelar pela sua conservação.

•      Crachá: É indispensável o uso durante todo o expediente de trabalho. O crachá deve estar sempre visível e em bom estado de conservação.

•      Acessórios: Por questão de segurança e higiene, não é recomendado o uso de: aliança, anéis, colares, brincos, piercing, boné e outros acessórios que venham a comprometer o funcionário enquanto estiver no cumprimento de sua função, causando acidentes de trabalho ou sendo veículos de contaminação.

•     Utilização de EPIS: São equipamentos destinados a proteção contra riscos capazes de ameaçar a sua segurança e a sua saúde. Para cada atividade é definido o equipamento ideal e o funcionário será treinado e conscientizado na utilização, higienização e guarda do equipamento.

Uma empresa de limpeza e conservação, deverá ter a preocupação de orientar os profissionais da área de limpeza em relação a aspectos comportamentais. Tais como:

•     Assiduidade: É importante que toda a equipe esteja consciente do seu papel no processo e evite faltas desnecessárias e sem justificativas.

•      Pontualidade: O funcionário que chega atrasado comprometo todo o cronograma de trabalho. É muito importante a conscientização do funcionário no papel que ele exerce para o perfeito funcionamento do sistema e o alcance dos resultados esperados.

•      Produtividade: Fazer mais com menos é a essência da produtividade no trabalho. Estabeleça padrões e analise se a equipe esta seguindo as orientações.

•      Qualidade do trabalho: Conhecer e acompanhar os índices de performance, através das informações do quadro de gestão à vista, vai gerar uma mudança comportamental da equipe em busca dos resultados definidos e no empenho para alcançar as metas.

4 – Terceirizados / Autônomos / MEI-Microempreendedores Individuais

Para reduzir custos e montar uma equipe com diversidade de profissionais, as empresas de limpeza e conservação podem contratar prestadores de serviços legalizados para prestação de serviços. Lembre-se que a contratação de terceirizados ou microempreendedores, requer cuidado com a parte legal e trabalhista. Informe-se com seu contador ou busque orientação no Sebrae mais próximo.

Nota:

É imprescindível contratar uma empresa reconhecida no mercado, com experiência, que possa terceirizar trabalhadores de forma eficiente e segura, além de oferecer todo o suporte ao longo da duração do contrato. Esse é certamente o cuidado mais importante na hora de contratar trabalhadores terceirizados. Sem um parceiro confiável, são grandes as chances de você ter problemas. Antes da contratação, recomenda-se verificar se o pessoal disponibilizado pela empresa terceirizada consta como registrado, e se os direitos trabalhistas e previdenciários estão sendo respeitados e pagos. Outra opção interessante é a contratação de MEI-Microempreendedores Individuais, ou seja, profissionais que se formalizaram e prestam serviços para várias empresas.

.

Vale ressaltar que a quantidade de profissionais e empresas envolvidas dependerá da característica dos serviços e o do modelo de negócio. Para serviços menores a própria empresa de limpeza e conservação pode cuidar de grande parte das tarefas, mas é importante lembrar que a qualidade dos serviços é o foco deste negócio e falhas não são permitidas para quem deseja crescer e ser reconhecido neste setor de serviços.

Recomenda-se a adoção de uma técnica de retenção de pessoal, sejam efetivos ou terceirizados, desta forma a empresa diminuirá os níveis de rotatividade e obterá vantagens como a criação de vínculo entre os prestadores de serviço e o cliente final.

 

A relação de equipamentos para uma empresa de Serviços de conservação e limpeza irá depender do tamanho e também do segmento que irá atuar (limpeza residencial, empresarial ou ambos). No entanto no geral sua estrutura pode ser modesta composta pelos grupos:

.

·        Equipamentos para prestar os serviços

·        Carrinhos para transporte de materiais;

·        Aspirador de pó e liquido;

·        Pulverizadores;

·        Varredeiras;

·        Lavadoras de piso, de carpetes e estofados;

·        Enceradeiras.

.

·        Mobiliários e equipamentos área administrativa

·        Mesas / Cadeiras;

·        Armários, arquivos e prateleiras;

·        Computador e impressora;

·        Aparelho telefônico.

.

Isso poderá ser o passo inicial para o negócio, os equipamentos precisam ser de boa qualidade para que seus funcionários consigam trabalhar da melhor forma possível, executando de maneira excelente todos os serviços.

 

As empresas de limpeza e conservação, em geral, possuem produtos e equipamentos para realização dos serviços. Para estes estabelecimentos o controle de estoque é de fundamental importância, para a qualidade dos serviços oferecidos e também ajudará na formação do capital de giro.

.

Nota:

Uma empresa de limpeza e conservação, é uma prestação de serviços, não envolvendo a manufatura ou comércio de bens. Porém este modelo de negócio utiliza muitos materiais para execução dos serviços de limpeza, conservação e outros, além de necessitar periodicamente de materiais para o escritório e para a limpeza e higiene do local de trabalho.

.

O equilíbrio entre compra, armazenamento e consumo é medido com três importantes indicadores:

1 – Giro de estoque: Esse indicador compreende a rotatividade de cada produto e a renovação do estoque em certo período. Em outras palavras, o indicador mede a agilidade da liquidez de determinado item. Podemos dizer que aquela mercadoria que sai com muita frequência e tem muitos pedidos conta com um alto giro.

O acompanhamento periódico deste indicador permite:

·        Conhecer quais produtos estão parados, os que possuem maior movimentação e o estoque mínimo ideal para cada item.

·        Calcular corretamente a necessidade de capital de giro para manter os materiais de uso.

·        Reduzir gastos desnecessários com produtos de baixo giro

·        Prever o comportamento dos consumidores em datas comemorativas e manter a quantidade de produtos ideais para estas datas;

·        Manutenção do estoque de segurança para reduzir os riscos com imprevistos.

·        

2 – Cobertura dos estoques: Este índice é utilizado para medir o tempo que o estoque, em determinado período, consegue cobrir as demandas futuras, sem haver a necessidade de suprimento, ou seja, o tempo que o produto leva para sair do estoque.

3 – Nível de serviço ao cliente: Este indicador auxilia na organização e manutenção de itens que serão vendidos ou ofertados aos clientes, com este indicador é possível saber quais produtos ou serviços deixaram de ser vendidos aos clientes por não estarem a disposição da empresa.

Conhecendo estes indicadores a empresa de limpeza e conservação, deverá estar sempre observando alguns itens, tais como:

·        Material de consumo nos serviços – O controle eficiente da utilização dos produtos pode gerar melhores resultados e uma redução da necessidade de capital de giro para manutenção dos produtos em estoque.

Portanto, o estoque dos produtos, seja para uso ou venda ao clientes, deve ser mínimo, visando gerar o menor impacto na alocação de capital de giro. O estoque mínimo deve ser calculado levando-se em conta o número de dias entre o pedido de compra e a sua utilização.

 
 

Para quem deseja empreender e se especializar no ramo de limpeza e conservação, deverá conhecer todas as etapas do processo produtivo. Mesmo quando o serviço é realizado em pequenas instalações de baixa complexidade, é importante seguir todas as etapas.

A padronização dos processos produtivos é uma pratica eficiente que reduz custos, aumenta a produtividade e mantem a qualidade dos serviços.

Ao seguir as etapas de uma limpeza e conservação a equipe terá muito mais segurança e os riscos de surpresas durante o percurso são muito pequenas.

·        Etapa 1: Planejamento

É a etapa mais importante, o momento de pensar e preparar toda estratégia para as demais etapas. Nessa etapa tudo o que será feito merece a atenção, tentar reduzir ao máximo os riscos, as incertezas e possíveis problemas futuros. Alguns questionamento podem ajudar nesta etapa:

– Qual melhor horário para a prestação de serviço?

– Qual será o intervalo entre uma limpeza e outra?

– Quais serão os produtos e equipamentos que utilizaremos?

– Quantas pessoas serão necessárias para este serviço?

– Quais serão os serviços executados?

·        Etapa 2: Identificar características do local

Conhecer todas as características do local que será prestado o serviço é fundamental para estabelecer parâmetros de preço, tempo, equipamentos, pessoal etc.

·        

Etapa 3: Entender as necessidades do cliente.

Chegou o momento de ser mais técnico e extrair de forma profissional as informações que irão direcionar as etapas seguintes do processo de vendas. Mais importante que somente conhecer as necessidades é fundamental avaliar os benefícios que seus produtos ou serviços irão proporcionar ao cliente.

·        Etapa 4: Apresentar os benefícios e vantagens.

Esta etapa faz parte do novo modelo de trabalho, onde o prestador de serviço passa a fazer o papel de um consultor, apresentando os benefícios e vantagens ao cliente. Nesta etapa ganha-se o perde a venda.

·        Etapa 5: Proposta Comercial.

Apresente comercialmente os produtos e/ou serviços em conformidade com as necessidades do cliente. Neste momento é fundamental apresentar todas as características técnicas do serviço

·        Etapa 6: Execução dos serviços

Esta etapa é efetivação de todos os processos anteriores. A execução dos serviços precisa atender ao que foi planejado, padronizado e combinado com o cliente. Lembre-se que surpreender o cliente com serviços diferenciados e alta qualidade pode garantir a fidelização e indicação para novos clientes.

·        Etapa 7: Check list dos serviços realizados

Uma empresa que adota padronização em seus serviços, deverá realizar a checagem de realização dos serviços, conforme contratado pelo cliente. Esta etapa permite analisar os pontos fortes e a melhorar dos processos de padronização.

·        Etapa 8: Pós-venda e pesquisa de satisfação

A conclusão dos serviços não sinaliza o final do interesse da empresa pelo cliente. Pelo contrário, o contato da prestadora de serviço após a realização do serviço é valorizado pelo cliente, que pode passar valiosas informações sobre sua experiência. O prestador de serviço deve estar sempre atento ao pós venda. Os clientes atuais podem multiplicar os negócios com a indicação de novos clientes, ou mesmo pela realização de outros serviços.

Nota:

Além dos processos organizacionais da prestação de serviços, uma empresa de limpeza e conservação, também possui os processos de administração, finanças e gestão de recursos humanos. A gestão administrativa e financeira abrange o faturamento, o controle de caixa, o controle de contas a receber e cobranças, a compra de insumos, o controle de contas a pagar de fornecedores e a prestação de informações ao escritório contábil. À gestão de recursos humanos compete a admissão, rescisão, treinamento e pagamento de funcionários.

Seguindo estas etapas, buscando sempre novas informações, colocando a satisfação do cliente como foco, as oportunidades de negócios serão exitosas e conseguira ótimas experiências em sua prestadora de serviços de limpeza e conservação.

 

A automação é um processo irreversível, quanto mais o tempo passa, maior é o impacto da automação na realidade dos negócios. Para empresas de limpeza e conservação, se trata de substituir processos repetitivos por tarefas automáticas, principalmente através do auxílio de sistema de gestão.

A empresa de limpeza e conservação tem na tecnologia um grande aliado para gerar agilidade, eficiência e organização nas atividades que iniciam no planejamento e vão até a pesquisa de pós venda.

Veja algumas vantagens da automação:

•      Otimização de tempo com processos;

•       Ganho de produtividade;

•       Minimizar falhas com processos manuais;

•      Maior controle com clientes e relacionamentos;

O mercado dispõe de excelentes sistemas de gestão, desde os gratuitos até os mais complexos que controlam quase tudo como:

•      Cadastro de clientes;

•       Analise de perfil do público alvo;

•       Canal de comunicação com terceiros;

•       Pedidos em tempo real com as empresas terceirizadas;

•       Indicadores de efetividade das propostas;

•       Relatórios de análise do feedback de clientes;

•      Relatório planejamento x metas

Para as empresas de limpeza e conservação, todas as informações relacionadas ao serviço são de fundamental importância para efetivação de novas estratégias e tornar cada vez mais eficaz as negociações, veja:

•      Aumenta a eficiência da organização e processos produtivos, desde o planejamento até a emissão de relatórios analíticos do feedback dos clientes;

•       Amplia o nível de serviços dos terceirizados, pois algumas analises serão feitas rapidamente para direcionamento das ações.

•       Os organizadores terão a sua disposição todo o histórico dos serviços, com isso conseguem estabelecer melhores conexões com os clientes.

•      Alguns softwares permitem acompanhar em tempo real todos os processos do serviço, permitindo ações rápidas no caso de contratempos.

O empreendedor que deseja atuar na prestação de serviços de limpeza e conservação, deverá analisar qual é a melhor opção para seu negócio. Um bom planejamento pode evitar gastos desnecessários ou soluções que não atendem a contento o negócio.

 
 

Uma empresa de limpeza e conservação pode realizar vários tipos de serviços, dos mais simples aos mais complexos. Os canais de distribuição têm como principal objetivo garantir a disponibilidade de produtos ou serviços para os clientes.

Os canais de distribuição, geralmente são divididos em três grupos, e cabe ao empreendedor analisar quais os canais são mais vantajosos para seu modelo de negócio. 

·        Canal Direto

Neste canal de distribuição, a empresa é a única responsável pela entrega do produto ou serviço para o consumidor. Não existe qualquer intermediário.

·        Canal Indireto

Neste canal, os intermediários se encarregam desta entrega. Em geral, o intermediário tende a ser empresas terceirizadas, especializadas em logística.

·        Canal Híbrido

Um canal de distribuição híbrido é aquele em que a empresa utiliza intermediários, mas assume parte do processo de contato com seus clientes.

No caso de uma empresa de limpeza e conservação o canal de distribuição, em geral é o hibrido, onde parte da distribuição é feita pela prestadora de serviços e alguns dos serviços de transporte de equipamento é feito por empresas terceirizadas.

Atualmente os canais de distribuição contam com a ajuda dos multicanais de comunicação (WhatsApp, facebook etc) para potencializar, agilizar e dar segurança a distribuição de seus produtos e serviços.

Nota:

O empreendedor deverá ter o total controle dos serviços de distribuição que são realizados por empresas terceirizadas. Afinal, é o nome de sua empresa que esta sendo representada por terceiros.

Conforme artigo do Sebrae – Canais de Distribuição , é importante analisar alguns aspectos antes de optar por um modelo de distribuição, veja

·        Determinar as características, os comportamentos e as necessidades dos clientes, assim como a quantidade, a dispersão geográfica e a frequência de compra;

·        Determinar as características essenciais dos produtos quanto à perecibilidade, dimensões e graus de padronização;

·        Definir as características dos intermediários quanto ao tipo de transporte, ao sistema de equipamentos e armazenagem utilizado, à tecnologia da informação, entre outros;

·        Avaliar as características ambientais relativas às condições locais, à umidade e à temperatura;

·        Avaliar as empresas envolvidas quanto à solidez financeira, aos produtos, aos níveis de serviço, ao marketing e à marca, entre outras características importantes.

É importante que o empresário acompanhe todo o processo de entrega e cumpra os prazos divulgados.  Pois entende-se que este processo seja importante para dar agilidade, segurança e credibilidade nas entregas das mercadorias no domicílio dos compradores.

 

O mercado para limpeza e conservação é um mercado competitivo, porém a concorrência faz com que os serviços prestados busquem cada vez mais a superação em qualidade.

Antes de mais nada, é preciso dizer que as estatísticas do segmento de limpeza apontam que o setor tem um grande potencial de crescimento. A princípio, esta alta é tanto para os serviços residenciais (direto ao consumidor) quanto para os serviços comerciais (indústria), portanto montar uma empresa de Serviços de conservação e limpeza é uma ótima oportunidade de negócio.

Recomendamos iniciar pela elaboração de um Plano de Negócios, será através desta ferramenta que será elaborado uma pesquisa e análise desde a concorrência até chegar aos clientes. Procure uma unidade do Sebrae e confira como elaborar o se projeto.

A estrutura de investimentos para uma empresa de Serviços de conservação e limpeza está ligada ao porte, região geográfica a ser montada e principalmente no segmento o qual irá atuar (limpeza residencial, comercial ou ambos), no entanto pode ser assim dividida:

·        Equipamentos para prestação dos serviços;

·        Materiais para Área de suporte e administração.

A título de exemplo, elaboramos um exemplo para uma empresa instalada em uma área de 30m2 atuando nos segmentos de limpeza residencial e comercial, porém com o crescimento esta estrutura deverá ser repensada conforme projeto do Plano de negócios.

Alertamos que os itens e valores unitários e totais apresentados a seguir são meramente referenciais, para fins de estimativa do investimento necessário, podendo variar de acordo com a qualidade, estilo, modelo, local de aquisição, dentre outras variáveis. A cotação foi feita em consulta a internet tendo como referência o mês de novembro/2019.

.

Equipamentos para prestar os serviços
02Carrinhos para transporte de materiaisR$     800,00R$    1.600,00
02Aspirador de pó e liquido 2.400 wR$   1.300,00R$    2.600,00
10PulverizadoresR$      130,00R$    1.300,00
02Varredeira de piso manualR$   2.600,00R$    5.200,00
01Lavadora de Pisos elétricaR$   7.500,00R$    7.500,00
01Lavadora e extratora de carpetes 50LR$   2.400,00R$    2.400,00
01Enceradeira industrialR$   1.600,00R$    1.600,00
01Lavadora a vapor (estofados)R$   1.500,00R$    1.500,00
Kit limpeza, baldes, rodos, vassouras, panos, esponjas, placas de informação, escadas, mop’s pó e aguaR$ 5.000,00R$    5.000,00
Moveis e equipamentos
01ComputadorR$ 1.200,00R$ 1.200,00
02MesasR$    300,00R$    600,00
05Cadeiras para escritórioR$    100,00R$    500,00
01Arquivo madeira ou açoR$    400,00R$    400,00
01Impressora MultifuncionalR$ 1.100,00R$ 1.100,00
01SmartphonesR$    700,00R$    700,00
02Aparelhos telefônicosR$    100,00R$    200,00
03Prateleiras (estoque)R$ 1.300,00R$ 3.900,00
TOTAL DE INVESTIMENTOR$ 37.300,00

.

Nota:

·        Não estão considerados os gastos relativos à aquisição ou reforma do imóvel escolhido para a instalação da empresa, pois ele poderá ser alugado.

·        Também devem ser previstos investimentos com aquisição do estoque inicial de produtos de limpeza cuidado com a quantidade. É recomendado fazer parcerias com estes fornecedores.

.

Finalizando, fazer um bom planejamento é fundamental, para saber o caminho a seguir, criando base para expansão.

 

Montar uma empresa de Serviços de conservação e limpeza pode ser lucrativo, mas, é importante saber que há gastos mensais que precisam ser cobertos e muitas vezes as receitas não são suficientes, e aí é que entra o capital de giro.

Em linhas gerais, o capital de giro é o resultado da diferença entre o dinheiro disponível da empresa e o dinheiro que será utilizado para saldar suas dívidas, sejam elas despesas fixas, gastos necessários para a prestação de serviços e para a comercialização de produtos ou outro tipo de gasto extra.

O Capital de giro é regulado pelos prazos praticados pela empresa, são eles:

•     Prazos médios recebidos de fornecedores (PMF);

•     Prazos médios de estocagem (PME) e

•     Prazos médios concedidos a clientes (PMCC).

Sendo assim quanto maiores forem os prazos concedidos aos clientes, maiores também os prazos de estocagem, maior será a necessidade de capital de giro. Já a inversão da necessidade de capital de giro se dará praticando prazos maiores para pagamento aos fornecedores.

De uma forma simples é receber primeiro e pagar depois.

A maioria das despesas tem prazo de 30 dias, como por exemplo, os custos com a manutenção empresa, os salários de seus funcionários, os encargos desta folha de pagamento, aluguel, energia elétrica, telefonia e impostos.

Já as receitas não necessariamente acompanham o mesmo prazo, dependem da política adotada de venda, (vendas a dinheiro ou com cartão de crédito), e mesmo que entrem em seu caixa na média de 30 dias não necessariamente serão no mesmo montante dos compromissos, pois o faturamento pode oscilar de um mês para o outro.

Nesse tipo de negócio, a necessidade de capital de giro pode representar cerca de 25% a 35% do investimento inicial. Este valor é só uma estimativa e poderá variar significativamente dependendo das particularidades do empreendimento definidos no Plano de Negócios.

Para manter o equilíbrio do capital de giro é extremamente importante que exista um bom planejamento, atentando-se a alguns pontos básicos:

·        Conhecer o momento certo para comprar e os prazos que realmente poderá assumir;

·        Analise bem os custos de sua empresa. Mas não adianta sair cortando gastos. Muitos são realmente necessários e o gestor não pode simplesmente cortá-los — mesmo em um momento de desespero;

·        É sempre bom lembrar que o prazo de pagamento a fornecedores está diretamente associado à necessidade de capital de giro, pois quanto antes se paga, mais rapidamente o dinheiro sai do caixa. Assim, conseguir maior folga com os fornecedores sempre é vantagem. Pagar rápido só é vantagem quando se tem um bom desconto;

·        Estoque parado significa dinheiro parado e geração de custos. Além disso, produto (no caso dos serviços de conservação e limpeza, produto significa os materiais utilizados para a prestação dos serviços) sem estoque significa venda perdida. Evite excessos de estoque. Realize uma curva ABC e descubra qual o giro de cada item e quais necessitam de maior estoque.

·        E por fim e a mais importante dica de controle do capital de giro. Observar o fluxo de caixa, com o pontual e correto registro de receitas e despesas, assim o gestor poderá identificar falhas e descobrir por que não sobra dinheiro ou onde há margens maiores para aplicar políticas de cortes.

Finalizando, administrar o capital de giro de uma empresa de Serviços de conservação e limpeza significa avaliar o momento atual, as sobras e as faltas de recursos, além dos reflexos gerados por tomadas de decisões em relação a vendas, compras e à administração do caixa. Fique atento a esses fatores.

 

Vamos agora para uma parte muito importante na gestão de uma empresa de Serviços de conservação e limpeza que é conhecer seus custos mensais.

Para esta atividade teremos 3 grupos de famílias de custos, são eles, os custos variáveis, custos fixos e despesas comerciais.

Vamos detalhar cada um deles:

1 – Custos variáveis: São gastos que ocorrerão em função da prestação dos serviços e da venda dos serviços aos clientes, tais como:

·        Insumos para prestação dos serviços (por exemplo, produtos de limpeza, produtos químicos, etc.);

2 – Custos Fixos: Já os “Custos Fixos” são todos os gastos que a empresa terá em sua operação, não relacionados diretamente a nenhum serviço.

Alertamos que a medida que os negócios cresçam um novo planejamento se faz necessário e em consequência a estrutura e os custos aqui apresentados, devem ser repensados e estruturados conforme o seu Plano de Negócios.

Veja alguns exemplos de custos fixos mensais de uma empresa de Serviços de conservação e limpeza. Os valores a seguir são meramente referenciais, para fins de estimativa dos custos fixos, variando de empresa para empresa, localização regional e outras variáveis.

.

Custos Fixos
Salários *R$ 6.000,00
Aluguel, segurança, IPTUR$    900,00
Luz, telefone e acesso à internetR$    400,00
Manutenção de softwareR$    100,00
Produtos para higiene e copa – funcionáriosR$    100,00
Despesas com material de escritórioR$    100,00
ContadorR$    900,00
TotalR$ 8.500,00

* A equipe de trabalho neste exemplo é composta por 01 recepcionista e 03 profissionais de serviços gerais. Atenção especial em incluir todos os encargos sobre os salários nessa conta.

3 – Despesas Comerciais: As “Despesas Comerciais” são os gastos que variam conforme o volume de vendas e o volume de clientes.

Como exemplos destacamos:

·        Impostos diretos sobre as vendas (dependerá diretamente do regime tributário escolhido, consulte um contador);

·        Comissões de vendas (caso a empresa adote esta política, definir seu percentual);

·        Taxas cobradas pelos meios de pagamento (cartões crédito/débito).

.

Nota:

Ainda há o custo para divulgar a empresa de Serviços de conservação e limpeza (marketing). Embora esse custo devesse ser categorizado como fixo ou variável, às vezes é melhor pensá-lo como um grupo independente que pode gerar impacto no volume de vendas e assim conseguir cobrir os gastos da estrutura.

.

Finalizando, as empresas de Serviços de conservação e limpeza são sempre requisitadas pelos seus serviços. Elas atendem um grande número de escritórios, domicílios e condomínios, sem contar com a limpeza extremamente necessária em hospitais, hotéis, shoppings e prédios públicos, se torna desta forma um bom setor para ser investido com várias oportunidades.

 
 

Todo empreendedor precisa estar atento as oportunidades, principalmente aquelas que podem agregar valor e diversificar seu negócio.

Ao agregar valor que por definição é incluir inovações e diferenciais, aumentará as chances do cliente escolher seus serviços em relação a outros concorrentes.

Veja algumas dicas para agregar valor e diversificar seu negócio de limpeza e conservação:

.

·        Investir em pesquisas sobre o setor de limpeza e conservação

Para agregar valor é fundamental investir tempo e recursos em pesquisas. O processo de pesquisa economiza grandes esforços futuros em negociações que não teriam chance alguma de dar certo.

.

·        Saber ouvir para entender o cliente

Entender as reais necessidades ou expectativas do cliente é fundamental para executar serviços que supere suas expectativas. Converse muito com seu cliente, descubra quais são os pontos ocultos, valores e reais interesses.

.

·        Invista em estrutura

Uma empresa de limpeza e conservação, precisa oferecer aos seus clientes o que há de melhor em equipamentos, serviços, equipe de apoio etc.

.

·        Faça muito mais que o básico

Não se limite ao básico. Para ganhar o respeito dos clientes é importante surpreender. Pesquise as tendências, entenda as expectativas do público alvo e tenha como foco a excelência.

.

·        Aposte em serviços diferenciados

Não se limite ao básico, ofereça várias opções de serviços. O importante é que o cliente encontre tudo em sua empresa, com isso, dificilmente irá olhar para outros lugares

.

·        Não espere o cliente, vá até ele

Com a correria do dia a dia, é possível que alguns clientes tenham interesse pelos seus serviços, mas não consigam tempo para ir até seu escritório. Use isso a seu favor, leve os serviços até a casa ou empresa do cliente.

.

·        Sustentabilidade e atenção ao meio ambiente

Um dos principais itens para agregar valor é a adaptação da empresa de limpeza e conservação aos modelos sustentáveis e que respeitem o meio ambiente. Fique atento aos produtos e equipamentos que são utilizados nos serviços.

 .

Estas são algumas ações que podem ajudar a agregar valor e diversificar sua empresa de limpeza e conservação, mas é importante ressaltar que assim como qualquer outro negócio é essencial estar atentos as novidades do mercado, ouvir seus clientes, buscar diferenciais e sempre oferecer o que há de melhor no segmento.

 
 

Os meios de divulgação de uma empresa de limpeza e conservação variam de acordo com os serviços oferecidos e o público alvo. O contato pessoal ainda é valorizado neste tipo de negócio, principalmente nas primeiras visitas.  Com o crescimento da confiança por parte dos clientes os pedidos podem ser realizados por multicanais de comunicação.

A divulgação é importante para prospecção de novos clientes e a manutenção da sua marca entre os clientes que já utilizam seus serviços.

Veja algumas dicas que podem maximizar suas ações de divulgação:

•     Apresentação profissional

Desenvolva banners, panfletos e cartões de visita, este material será importante para divulgação em eventos ou entregas em locais estratégicos.

•     Redes sociais

Os perfis sociais, atualmente são os melhores meios de divulgação de produtos e profissionais. Esteja presente em todas a redes sociais. Mostre que você esta acessível aos potenciais clientes, responda as mensagens inbox, demostre que você esta ouvindo o cliente e interessado em sua opinião, sugestão ou comentário.

•      Site Empresarial

O site é seu espaço individual para mostrar quem é você, seus serviços e diferenciais. Um site bem montado, com aspectos profissionais, pode engajar melhor seus potenciais clientes e passar confiabilidade. Seu site deve estar associado a todas as suas redes sociais.

•     Network

A melhor forma de aumentar sua rede é participar de feiras, palestras e encontros profissionais, mas lembre-se, o foco aqui é criar um vínculo profissional e nunca esqueça do seu cartão de visita.

·        Patrocinar e participar de eventos para a comunidade

Para quem pretende atingir um novo público ou reforçar sua imagem na sociedade é importante estar próximo ao seu público. Participar e patrocinar eventos sociais irá aproximar a empresa de limpeza e conservação dos potenciais clientes.

•     Multicanais de comunicação

O novo consumidor consegue comprar, vender e receber tudo o que deseja sem sair do sofá de sua casa, esta comodidade ocorre graças a internet e aos multicanais de comunicação. Invista em WhatsApp, Facebook e outras mídias para levar seus serviços até o cliente.

Nota:

Toda divulgação deve respeitar a privacidade e acessibilidade do cliente. Evite entregar panfletos em vias públicas, isso gera muito lixo e pouco retorno. Cuidado com a invasão da privacidade na redes sócias. Faça tudo com muito profissionalismo.

Invista tempo para conhecer todas as alternativas de divulgação. Os clientes não irão até sua empresa de organização de eventos sem um esforço de divulgação. Atualmente existem inúmeras estratégias de divulgação gratuitas outras que podem ser feitas com baixo investimento. E lembre-se que não existe uma regra: o que funciona para um nicho de negócio, pode não funcionar para outro. Por isso, é importante planejar as ações e conhecer cada vez mais o público que se deseja atingir.

 

As informações fiscais e tributárias serão diferenciadas em decorrência da opção do regime tributário escolhido pelo empreendedor.

Exemplo 1: Serviço de conservação e limpeza optante do SIMPLES Nacional

O segmento de Serviço de conservação e limpeza, assim entendido pela CNAE/IBGE (Classificação Nacional de Atividades Econômicas) 8121-4/00 como atividade de serviços de conservação e limpeza geral (não especializada) de prédios de qualquer tipo (residências, escritórios, fábricas, armazéns, hospitais, prédios públicos e outros prédios que desenvolvem atividades comerciais e serviços), poderá optar pelo SIMPLES Nacional – Regime Especial Unificado de Arrecadação de Tributos e Contribuições devidos pelas ME (Microempresas) e EPP (Empresas de Pequeno Porte), instituído pela Lei Complementar nº 123/2006,  desde que a receita bruta anual de sua atividade não ultrapasse a R$ 360.000,00 (trezentos e sessenta mil reais) para micro empresa e R$ 4.800.000,00 (quatro milhões e oitocentos mil reais) para empresa de pequeno porte e respeitando os demais requisitos previstos na Lei.

Nesse regime, o empreendedor poderá recolher os seguintes tributos e contribuições, por meio de apenas um documento fiscal – o DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional), que é gerado no Portal do SIMPLES Nacional:

IRPJ (imposto de renda da pessoa jurídica);

CSLL (contribuição social sobre o lucro);

PIS (programa de integração social);

COFINS (contribuição para o financiamento da seguridade social);

ISS (imposto sobre serviço)

INSS (contribuição para a Seguridade Social relativa à parte patronal).

Conforme a Lei Complementar nº 123/2006 e alterações, este ramo de atividade é tributado pelo anexo IV do SIMPLES Nacional e as alíquotas variam de 4,5% a 33%, dependendo da receita bruta auferida pelo negócio. No caso de início de atividade no próprio ano-calendário da opção pelo SIMPLES Nacional, para efeito de determinação da alíquota no primeiro mês de atividade, os valores de receita bruta acumulada devem ser proporcionais ao número de meses de atividade no período.

Exemplo 2: Serviço de conservação e limpeza NÃO optante do SIMPLES Nacional

Alguns empreenderes podem não optar pelo Simples Nacional, ou o tipo de atividade não é permitido, veja o anexo do Comitê Gestor do Simples Nacional – Resolução CGSN nº 119, de 19 de dezembro de 2014

Para estes casos há os regimes de tributação abaixo:

1 – Lucro Presumido: É a apuração do tributo sobre o lucro que se presume através da receita bruta de vendas de mercadorias e/ou prestação de serviços. Trata-se de uma forma de tributação simplificada utilizada para determinar a base de cálculo dos tributos sobre o lucro das pessoas jurídicas que não estiverem obrigadas à apuração pelo Lucro Real. Nesse regime, a apuração dos tributos é feita trimestralmente.

A base de cálculo para determinação do valor presumido varia de acordo com a atividade da empresa. Sobre o resultado da equação: Receita Bruta x 32%, aplica-se as alíquotas de:

IRPJ – 15%.Poderá haver um adicional de 10% para a parcela do lucro que exceder o valor de R$ 20 mil, no mês, ou R$ 60 mil, no trimestre, uma vez que o imposto é apurado trimestralmente;
CSLL – 9%.Não há adicional de imposto.

Ainda incidem sobre a receita bruta os seguintes tributos, que são apurados mensalmente:

PIS – 0,65%sobre a receita bruta total;
COFINS – 3%sobre a receita bruta total.

2 – Lucro Real: É o cálculo do tributo sobre o lucro líquido e a empresa realmente obteve no período de apuração, ajustado pelas adições, exclusões ou compensações estabelecidas em nossa legislação tributária. Este sistema é o mais complexo, mas poderá ser mais vantajoso em comparação com lucro presumido e por isso, deverá ser bem avaliado por um contador. As alíquotas para este tipo de tributação são:

IRPJ – 15%.Sobre a base de cálculo (lucro líquido). Haverá um adicional de 10% para a parcela do lucro que exceder o valor de R$ 20 mil, multiplicado pelo número de meses do período. O imposto poderá ser determinado trimestralmente ou anualmente;
CSLL – 9%.determinada nas mesmas condições do IRPJ;

Ainda incidem sobre a receita bruta os seguintes tributos, que são apurados mensalmente:

PIS – 1,65%sobre a receita bruta total, compensável;
COFINS – 7,65%sobre a receita bruta total, compensável.

Incidem também sobre a receita bruta o imposto municipal:

– ISS – Calculado sobre a receita de prestação de serviços, varia conforme o município onda a empresa estiver sediada, entre 2 e 5%.

Além dos impostos citados acima, sobre a folha de pagamento incidem as contribuições previdenciárias e encargos sociais (tanto para o lucro real quanto para o lucro presumido):

INSS – Valor devido pela Empresa – 20% sobre a folha de pagamento de salários, pró-labore e autônomos;

INSS – Autônomos – A empresa deverá descontar na fonte e recolher entre 11% da remuneração paga ou creditada a qualquer título no decorrer do mês a autônomos, observado o limite máximo do salário de contribuição (o recolhimento do INSS será feito através da Guia de Previdência Social – GPS).

RAT – Risco de Ambiente do Trabalho – de 1% a 3% sobre a folha de pagamento de salários dependendo do grau de risco da atividade econômica, recolhida junto com a guia de INSS.

INSS Terceiros – Contribuições Sociais recolhidas junto com a guia de INSS, calculada sobre a folha de pagamento com alíquota entre 0,8% a 7,7% dependendo da atividade econômica, destinadas aos serviços sociais e de formação profissional tais como: SESI, SESC, SENAI, SEBRAE, Incra, dentre outros.

FGTS – Fundo de Garantia por tempo de serviço, incide sobre o valor da folha de salários a alíquota de 8%.

Recomendamos que o empreendedor consulte sempre um contador, para que ele o oriente sobre o enquadramento jurídico e o regime de tributação mais adequado ao seu caso.

 

Os eventos como feiras, rodada de negócios, congressos, etc., são muito importantes para que o empresário se mantenha atualizado sobre as tendências de mercado, tendo a oportunidade de conhecer novos produtos e tecnologias, novos fornecedores e realizar parcerias, ou seja, ter novas oportunidades para fazer bons negócios.

Segue alguns dos principais eventos da área:

·        Congresso internacional do mercado de limpeza profissional

http://higiexpo.com.br/sobre-o-congresso-higicon.asp

·        Feira de Produtos e Serviços para Higiene, Limpeza e Conservação Ambiental

http://higiexpo.com.br/

·        Encontro Nacional das Empresas de Asseio e Conservação

https://eneac.com.br/

·        II Encontro de Negócios do Setor de Limpeza Profissional da Região Sudeste

http://www.uniabralimp.com.br/agenda-detalhe.asp?id=8664

•       Feira do Empreendedor Sebrae

https://feiradoempreendedor.sebraesp.com.br/

Selecionamos alguns eventos, é fundamental que o empreendedor do segmento de limpeza e conservação, procure eventos, feiras e palestras que agreguem valor ao seu negócio e aos profissionais envolvidos. 

 

Os empreendedores do setor de limpeza e conservação, precisam buscar em seu estado e município as principais entidades do setor. Conhecer as entidades é fundamental para buscar informações, manter-se atualizado e ter o amparo necessário em situações mais complexas.

A seguir, são indicadas as principais entidades de auxílio ao empreendedor:

·        Abralimp – Associação Brasileira do Mercado Institucional de Limpeza

http://www.abralimp.org.br/

·        Cebrasse – Central Brasileira do Setor de Serviços

http://www.cebrasse.org.br/sobre-a-cebrasse/associados/

·        Febrac – Federação Nacional das Empresas Prestadoras de Serviços de Limpeza e Conservação

http://www.febrac.org.br/

 

Norma técnica é um documento, estabelecido por consenso e aprovado por um organismo reconhecido que fornece para um uso comum e repetitivo regras, diretrizes ou características para atividades ou seus resultados, visando a obtenção de um grau ótimo de ordenação em um dado contexto. (ABNT NBR ISO/IEC Guia 2).

Participam da elaboração de um

norma técnica a sociedade, em geral, representada por: fabricantes, consumidores e organismos neutros (governo, instituto de pesquisa, universidade e pessoa física).

Toda norma técnica é publicad

exclusivamente pela ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas, por ser o foro único de normalização do País.

1. Normas específicas para u

Serviço de Conservação e Limpeza

Não existem normas específi

s para este negócio.

2. Normas aplicáveis na ex

ução de um Serviço de Conservação e Limpeza

Nota: Normas Técnicas que

odem ser utilizadas na área administrativa e de recepção.

ABNT NBR 15842:2010 – Qu

idade de serviço para pequeno comércio – Requisitos gerais.

Esta Norma estabelece o

requisitos de qualidade para as atividades de venda e serviços adicionais nos estabelecimentos de pequeno comércio, que permitam satisfazer as expectativas do cliente.

ABNT NBR 12693:2010 –

stemas de proteção por extintores de incêndio.

Esta Norma estabelece

s requisitos exigíveis para projeto, seleção e instalação de extintores de incêndio portáteis e sobre rodas, em edificações e áreas de risco, para combate a princípio de incêndio.

ABNT NBR 5410:2004 V

são Corrigida: 2008 – Instalações elétricas de baixa tensão.

Esta Norma estabele

as condições a que devem satisfazer as instalações elétricas de baixa tensão, a fim de garantir a segurança de pessoas e animais, o funcionamento adequado da instalação e a conservação dos bens.

ABNT NBR ISO/CIE 8

5-1:2013 – Iluminação de ambientes de trabalho – Parte 1: Interior.

Esta Norma especi

ca os requisitos de iluminação para locais de trabalho internos e os requisitos para que as pessoas desempenhem tarefas visuais de maneira eficiente, com conforto e segurança durante todo o período de trabalho.

ABNT NBR IEC 608

-1-1:2010 – Sistemas de alarme – Parte 1: Requisitos gerais – Seção 1: Geral.

Esta Norma espe

fica os requisitos gerais para o projeto, instalação, comissionamento (controle após instalação), operação, ensaio de manutenção e registros de sistemas de alarme manual e automático empregados para a proteção de pessoas, de propriedade e do ambiente.

ABNT NBR 9050:

04 Versão Corrigida: 2005 – Acessibilidades a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos – Sistemas de alarme – Parte 1: Requisitos gerais – Seção 1: Geral.

Esta Norma es

belece critérios e parâmetros técnicos a serem observados quando do projeto, construção, instalação e adaptação de edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos às condições de acessibilidade.

Nota do Técn

o: Normas Técnicas de equipamentos de proteção individual que podem ser utilizados em um Serviço de Conservação e Limpeza

ABNT NBR 13

8:2011 – Equipamento de proteção respiratória — Peça semifacial filtrante para partículas.

Esta Norma

specifica os requisitos para as peças semifaciais filtrantes para as partículas utilizadas como equipamentos de proteção respiratória do tipo purificador de ar não motorizado.

ABNT NBR

712:1996 – Luvas de proteção.

Esta Nor

estabelece os princípios gerais para a padronização de luvas de proteção confeccionadas em couro ou tecido.

ABNT NB

13393:1995 – Luva à base de borracha natural – Especificação.

Esta N

ma fixa os requisitos exigíveis para o recebimento de luvas à base de borracha natural, com a finalidade de garantir um produto eficaz quanto ao seu desempenho.

ABNT

R 14726:2001 – Tecido plano de poliéster e algodão para roupas profissionais e uniformes – Requisitos.

Esta

orma especifica os requisitos para os tecidos planos de poliéster e algodão, utilizados na confecção de roupas profissionais e uniformes.ABNT NBR ISO 20345:2008 – Equipamento de proteção individual – Calçado de segurança.

Est

Norma especifica os requisitos básicos e adicionais (opcionais) para os calçados de segurança.

AB

NBR ISO 20346:2008 - Equipamento de proteção individual - Calçado de proteção.

E

a Norma especifica os requisitos básicos e adicionais (opcionais) para os calçados de proteção.

NT NBR ISO 20347:2008 – Equipamento de proteção individual – Calçado ocupacional.


sta Norma especifica os requisitos básicos e adicionais (opcionais) para calçado ocupacional.

 

O empreendedor do setor de limpeza e conservação, precisa conhecer os principais termos e ou neologismos criados para o negócio é importante para manter-se atualizado.

Nos links abaixo o empreendedor conhecerá as principais referências do setor:

·        Fiocruz – Glossário

http://www.fiocruz.br/biosseguranca/Bis/glossario/Glossario.htm

·        Quali.pt – Glossário

https://www.quali.pt/glossario/limpeza

·        Dicionário Criativo – Palavras relacionadas a limpeza

https://dicionariocriativo.com.br/analogico/limpeza/substantivo/limpeza

·        Abiclor – Glossário

http://www.abiclor.com.br/glossario-do-cloro/

 
 

Para alcançar o sucesso em qualquer negócio é fundamental que o empreendedor esteja atento as tendências de mercado, perfil dos consumidores e quais são os diferenciais oferecidos por sua empresa.

Faça um planejamento para sua empresa de limpeza e conservação, visando o desenvolvimento e crescimento.  Para isso destacamos os seguintes pontos a serem observados:

·        Atualize-se constantemente

Sob o ponto de vista técnico, para que a empresa de limpeza sobreviva no mercado, seus administradores e colaboradores deverão passar por constante atualização.

·        Conheça as principais tendências do mercado

Na atualidade, as empresas limpadoras devem ouvir o mercado, suas tendências e necessidades, para que possam sempre oferecer um trabalho diferenciado ao cliente.

·        Padronização dos serviços

Todos os serviços de limpeza e conservação deverão seguir métodos e processos padronizados. A padronização reduz gastos e aumenta a produtividade.

·        Estabelecer parcerias estratégicas

É fundamental estabelecer parcerias com profissionais habilitados, fornecedores e negócios que possam gerar novos clientes e diversificar seus serviços.

·        Foco na qualidade e excelência

Ao realizar um serviço de limpeza e conservação o foco sempre será a superação da expectativa do clientes. Faça sempre o melhor e fique atento aos detalhes.

·        Cadastro extra de pessoal

Este segmento de negócio precisa manter um cadastro extra de pessoas especializadas. Este cadastro poderá ser fundamental para situações inesperadas ou no caso do aumento da demanda de serviços.

·        Mostre referencias de sucesso

Apresentar casos de sucesso garantem confiabilidade em seu negócio. Afinal, é por meio de exemplos que já deram certo com você, que você vai conseguir captar novos clientes que querem atingir objetivos semelhantes.

•      Investir na capacitação dos empregados e terceirizados

A capacitação com treinamentos e orientações para todos os profissionais envolvidos é fundamental para conseguir qualidade nos serviços e a satisfação do cliente.

·        Toda economia é bem-vinda

Em tempos de crise, o empreendedor deve ficar muito atento aos desperdícios. Toda economia pode favorecer melhores resultados, contar com softwares de gestão pode ser uma boa opção para conhecer os resultados e tomar decisões rápidas e assertivas para melhoria dos negócios

Mesmo que a opção seja uma pequena empresa de limpeza e conservação, é fundamental colocar em pratica todos os itens destacados, isso permitirá maior velocidade nas decisões, reduzirá as possibilidades de erro e com certeza aumentará as chances de sucesso.

 

Para alcançar o reconhecimento e o sucesso como empreendedor no ramo da limpeza e conservação, é preciso ter características e competências específicas para que os serviços sejam realizados com qualidade, entregando ao cliente mais do que o esperado. Algumas características são essenciais e influenciam diretamente no sucesso do negócio e, de forma geral, envolvem criatividade, inovação e iniciativa.

.

1 – Características essências para o empreendedor do setor de limpeza e conservação

•      Ter criatividade e ser inovador;

•       Conhecer todas as técnicas de limpeza e conservação;

•       Ser persistente e ter propósitos definidos;

•      Dinâmico e com ritmo acelerado;

•      Habilidade com perfil das pessoas;

•      Organizado e administrador do tempo;

•      Habilidade de antecipar problemas;

•      Facilidade de relacionamento;

•      Conhecimento de técnicas de negociação;

•      Boa apresentação;

•      Detalhista e perfeccionista;

•      Capacidade de delegar tarefas;

•      Interesse por pesquisas e atualidades.

.

2 – Para uma boa administração são competências fundamentais:

•      Cumprir compromissos funcionais;

•       Assiduidade e pontualidade;

•       Compromisso com prazos e tarefas;

•       Disponibilidade de tempo para reuniões de planejamento;

•      Disposição para organizar e documentar as informações de clientes.

.

Um empreendedor “saberá aprender o que for necessário para a criação, desenvolvimento e realização de sua visão”. (DOLABELA, 1999 p. 70). Considerando-se esta afirmativa, percebe-se em qualquer área que se deseje atuar é preciso estar disposto a aprender. Para aumentar as chances de sucesso é fundamental que o empreendedor desenvolva as competências e habilidades relacionadas ao negócio.

 

10 DICAS para sua empresa ter um serviço de limpeza e higienização de sucesso. Idealservis, [s.d]. Disponível em: <https://idealservis.com.br/portal/10-dicas-para-sua-empresa-ter-um-servico-de-limpeza-e-higienizacao-de-sucesso/> Acesso em: 26 de novembro de 2019.

BARSSALOBRE, Amanda. Descubra quais são as principais dicas para montar um serviço de conservação e limpeza. Aberturasimples, 2018. Disponível em: <https://aberturasimples.com.br/montar-um-servico-de-conservacao-e-limpeza/>. Acesso em 16 de novembro de 2019.

COMO abrir uma empresa de limpeza? Juridoc, [s.d]. Disponível em:<https://www.juridoc.com.br/blog/abrir-uma-empresa/6901-como-abrir-empresa-limpeza/>. Acesso em 16 de novembro de 2019.

COMO montar uma empresa de limpeza e conservação. Franquiaempresa, 2013. Disponível em: <https://franquiaempresa.com/2013/01/como-montar-uma-empresa-de-limpeza-e-conservacao.html>. Acesso em 16 de novembro de 2019.

COMO montar uma empresa de limpeza. Montarumnegocio, [s.d].Disponível em: <https://www.montarumnegocio.com/como-montar-uma-empresa-de-limpeza/>. Acesso em 16 de novembro de 2019.

CONHEÇA as boas práticas que o profissional de limpeza deve ter. higtop, [s.d]. Disponível em: <https://higtop.com.br/conheca-as-boas-praticas-que-o-profissional-de-limpeza-deve-ter/> Acesso em: 26 de novembro de 2019.

EMPRESA de limpeza – dicas de como montar e ter sucesso. Cpt, [s.d]. Disponível em: <https://www.cpt.com.br/dicas-cursos-cpt/empresa-de-limpeza-dicas-de-como-montar-e-ter-sucesso> Acesso em: 26 de novembro de 2019.

ENTENDA o trabalho de limpeza e conservação. General, 2017. Disponível em: <https://www.generall.com.br/entenda-o-trabalho-de-limpeza-e-conservacao/> Acesso em: 26 de novembro de 2019.

GONÇALVES, Vinicius. Empresa De Limpeza E Conservação – Passo A Passo Para Abrir. Novonegocio,  2013. Disponível em: <https://novonegocio.com.br/ideias-de-negocios/empresa-de-limpeza-e-conservacao/>. Acesso em 16 de novembro de 2019.

LIMPEZA terceirizada: Conheça as vantagens de contratar esse serviço. Poliserviceservicos, [s.d]. Disponível em: <http://www.poliserviceservicos.com.br/limpeza-terceirizada-vantagens/> Acesso em: 26 de novembro de 2019.

MERCADO de limpeza profissional movimenta R$ 18 bilhões. Terra, 2019. Disponível em: <https://www.terra.com.br/noticias/dino/mercado-de-limpeza-profissional-movimenta-r-18-bilhoes,17471f3df0f976f8d6288db1b9ed0fe42m6c5op3.html> Acesso em: 26 de novembro de 2019.

SERVIÇO de conservação e limpeza. Servisse, [s.d]. Disponível em: <http://www.hi-service.com.br/saiba-mais/servico-de-conservacao-e-limpeza> Acesso em: 26 de novembro de 2019.

 

O empreendedor pode buscar junto às agências de fomento linhas de crédito que possam ser utilizadas para ajudá-lo no início do negócio. Algumas instituições financeiras também possuem linhas de crédito voltadas para o pequeno negócio e que são lastreadas pelo Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas (Fampe), em que o Sebrae pode ser avalista complementar de financiamentos para pequenos negócios, desde que atendidas alguns requisitos preliminares. Maiores informações podem ser obtidas na página do Sebrae na web.

Consulte também:

·        Proger Urbano Capital de Giro

·        Cartão BNDES

·        Microcrédito Produtivo Orientado Caixa

 

Ao empreendedor não basta vocação e força de vontade para que o negócio seja um sucesso. Independentemente do segmento ou tamanho da empresa, necessário que haja um controle financeiro adequado que permita a mitigação de riscos de insolvência em razão do descasamento contínuo de entradas e saídas de recursos. Abaixo, estão listadas algumas sugestões que auxiliarão na gestão financeira do negócio: 

[null ·        Fluxo De Caixa]

Para uma empresa de limpeza e conservação é fundamental controlar as despesas da empresa, isso é realizado por meio do acompanhamento contínuo da entrada e da saída de dinheiro através do fluxo de caixa. Esse controle permite ao empreendedor visão ampla da situação financeira do negócio, facilitando a contabilização dos ganhos e gestão da movimentação financeira.

·        Capital de Giro

O período entre a prestação de serviço e o recebimento, pode ser longo e a necessidade de recursos será suprida pelo capital de giro. No entanto, ter esse recurso disponível não é suficiente porquanto ser premissa sua boa gestão, ou seja, somente deverá ser utilizado para honrar compromissos imediatos ou lidar com problemas de última hora.

·        Princípio da Entidade

O patrimônio da empresa não se mistura com o de seu proprietário. Portanto, jamais se deve confundir a conta pessoal com a conta empresarial, isso seria uma falha de gestão gravíssima que pode levar o negócio à bancarrota. Ao não separar as duas contas, a lucratividade do negócio tende a não ser atingida, sendo ainda mais difícil reinvestir os recursos, gerados pela própria operação. É o caminho certo para o fracasso empresarial.

·        Despesas

Assim como a maioria dos negócios, uma empresa de limpeza e conservação, possuem despesas fixas e variáveis que deverão ser horadas para evitar problemas futuros. Embora pequenas, o seu controle é essencial para que não reduzam a lucratividade do negócio.

·        Reservas/Provisões

No caso das empresas de limpeza e conservação, a necessidade de provisões para troca de equipamentos mais modernos é uma necessidade deste modelo de negócio. Este recurso funcionará como um fundo de reserva.

·        Empréstimos

Poderão ocorrer situações em que o empresário necessitará de recursos para alavancar os negócios. No entanto, não deverá optar pela primeira proposta, mas estar atento ao que o mercado oferece, pesquisando todas as opções disponíveis. Deve te cuidado especialmente com as condições de pagamento, juros e taxas de administração. A palavra-chave é renegociação, de forma a evitar maior incidência de juros.

·        Objetivos

Definidos os objetivos, deve-se elaborar e implementar os planos de ação, visando amenizar erros ou definir ajustes que facilitem a consecução dos objetivos financeiros estabelecidos.

·        Utilização de Softwares

As novas tecnologias são de grande valia para a realização das atividades de gerenciamento, pois possibilitam um controle rápido e eficaz. O empreendedor poderá consultar no mercado as mais variadas ferramentas e escolher a que mais adequada for a suas necessidades.

 

O empreendedor que deseja atuar no segmento de limpeza e conservação, pode aproveitar todas as ferramentas de gestão e conhecimento criadas para ajudar a impulsionar o seu negócio. Para consultar a programação disponível em seu estado, entre em contato pelo telefone 0800 570 0800.

Confira as principais opções de orientação empresarial e capacitações oferecidas pelo Sebrae:

·        Cursos online e gratuitos  

1 – Para desenvolver o comportamento empreendedor

Empretec – Metodologia da Organização das Nações Unidas (ONU) que proporciona o amadurecimento de características empreendedoras, aumentando a competitividade e as chances de permanência no mercado.  

2 – Para quem quer começar o próprio negócio

As soluções abaixo são uteis para quem quer iniciar um negócio. Pessoas que não possuem negócio próprio, mas que querem estruturar uma empresa. Ou pessoas que tem experiência em trabalhar por conta própria e querem se formalizar  

Plano de Negócios – O plano irá orientá-lo na busca de informações detalhadas sobre o ramo, os produtos e os serviços a serem oferecidos, além de clientes, concorrentes, fornecedores e pontos fortes e fracos, construindo a viabilidade da ideia e na gestão da empresa.  

3 – Para quem quer inovar 

Ferramenta Canvas online e gratuita – A metodologia Canvas ajuda o empreendedor a identificar como pode se diferenciar e inovar no mercado.  

Sebraetec – O Programa Sebraetec oferece serviços especializados e customizados para implantar soluções em sete áreas de inovação.  

ALI – O Programa Agentes Locais de Inovação (ALI) é um acordo de cooperação técnica com o CNPq, com o objetivo de promover a prática continuada de ações de inovação nas empresas de pequeno porte. 

 

·        Abralimp – Associação Brasileira do Mercado Institucional de Limpeza

http://www.abralimp.org.br/

·        Cebrasse – Central Brasileira do Setor de Serviços

http://www.cebrasse.org.br/sobre-a-cebrasse/associados/

·        Febrac – Federação Nacional das Empresas Prestadoras de Serviços de Limpeza e Conservação

http://www.febrac.org.br/

 

Tem um dúvida sobre a sua ideia? Experimente fazer uma pergunta para a nossa comunidade.

Explore outras ideais de negócios em sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/ideias

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae

Esse é o perfil institucional do Sebrae nessa comunidade. Quer saber mais sobre o Sebrae - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas? Acesse: http://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/canais_adicionais/o_que_fazemos

Me siga