CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

68% da população brasileira veste acima de 44

Cresce o número de brasileiros acima do peso, segundo o Ministério da Saúde (MS). Em 2013, 68% da população brasileira estava fora do peso ideal e vestia acima de 44. Destes, 51% dos brasileiros foram considerados acima do peso e 17%, obesos.

Em 2010, 48% das mulheres e 50,1% dos homens estavam acima do peso no País, enquanto 16,9% das mulheres e 12,5% dos homens eram considerados obesos. A informação é do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), norteado por critérios da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Estes dados representam, para o segmento da Moda, oportunidade de negócio. Há um público vestindo números maiores e também interessado nas tendências do mundo fashion. É o que lembra a modelo plus size Rafa Coelho.

“Esse público começou a cobrar das marcas a inclusão de roupas maiores em suas coleções. Essas pessoas passaram a aceitar melhor seu tamanho e exigir que a moda também seja feita para elas. Esse público nem é mais um nicho, mas um significativo mercado consumidor”, explicou Rafa para o jornal Estado de Minas.

É por isso que varejistas como C&A, Renner e Marisa lançaram coleções especiais para esse público, inclusive de roupas íntimas. Este novo mercado movimentou, só em 2013, mais de R$ 4 bilhões no País, segundo a Associação Brasileira do Vestuário (Abravest).

Aproveite esta oportunidade

Confira algumas ações que o seu negócio deve realizar para aproveitar esta oportunidade de negócio:

  • Procure saber se há demanda na sua região para esse segmento. Converse com as pessoas que trabalham diretamente com esse público e observe os clientes que frequentam a loja, para identificar se eles têm esse perfil ou se há demanda;
  • Acompanhe as tendências do mundo da moda plus size;
  • Conheça as linhas de financiamento para aprimorar as tecnologias do negócio, como a Finep – Inovação e Pesquisa e o BNDES Inovação. Entre as possibilidades estão a aquisição de tecnologia, desenvolvimento de software, treinamento e participação em feiras e eventos;
  • Avalie a criação de um e-commerce, para isso consulte o Catálogo de Fornecedores e defina qual será o valor do investimento. Além disso, busque inspiração em lojas on-line de empresas já consolidadas no mercado de moda. Para fazer um plano de negócios acesse o site do Negócio Certo. Para consultoria em criação e-commerce conheça o programa Sebraetec;
  • Participe de feiras e eventos, como a Feira Brasileira de Moda Íntima, Praia, Fitness e Matéria-Prima (Fevest) para fortalecer ainda mais o negócio e prospectar novos clientes;
  • Conheça mais sobre etiquetagem de produtos têxteis, consultando o Inmetro. Além disso, o Sebrae e a ABNT formularam o Guia de Normalização para a Confecção;
  • Conheça o Programa de Moda do Sebrae/RJ, que pode auxiliá-lo com uma consultoria específica para atuação nesse nicho de mercado.
    

Com informações do Estado de Minas e do Sebrae Inteligência Setorial.

Fotos: Divulgação/Marisa

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae