CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

10 Dicas para Melhorar a Gestão de seu Brechó

10 Dicas para Melhorar a Gestão de seu Brechó

 

O mercado de brechó está em ascensão e nos últimos 5 anos cresceu cerca de 200%. Para aproveitar esta oportunidade de negócios, preparamos algumas dicas para melhorar a gestão de seu brechó, inovar e aumentar a competitividade.

 
Por Wilsa Sette
Morais Figueiredo, Coordenadora Nacional de Varejo da Moda | 15/07/2014.
 
 

1- Segmentar

 
O posicionamento pela segmentação (linha de produtos, estilo, público, luxo, etc) permite que você se diferencie, conheça melhor o perfil de seu cliente (atitudes, preferências, hábitos, costumes, relações sociais), incremente seus esforços de marketing e ofereça um atendimento diferenciado.
 
 

2- Fazer uma boa curadoria das peças 

Brechó RKDELUXE

Selecionar peças de qualidade, em bom estado de conservação, limpas, com estilo, que possam compor looks interessantes e sem defeitos são alguns cuidados que se deve ter ao comprar o estoque.

Procure, também, fazer compras que atendam ao seu público, para isto, será necessário conhecer os hábitos de consumo do seu cliente em seu brechó.
 
Quanto mais você conhecer seu público consumidor mais chances terá de acertar ao adquirir seu estoque. Neste caso, o importante é buscar peças exclusivas de qualidade que possam ser oferecidas a preços mais acessíveis.
 
Procure, também, fazer compras que atendam ao seu público, para isto, será necessário conhecer os hábitos de consumo do seu cliente em seu brechó. Quanto mais você conhecer seu público consumidor mais chances terá de acertar ao adquirir seu estoque.
 
Por exemplo, se seu público gosta de adquirir peças de qualidade, mas a marca não importa e sim o preço, de nada adianta buscar peças de marcas e oferecer preços mais elevados. Neste caso, o importante é buscar peças exclusivas de qualidade que possam ser oferecidas a preços mais acessíveis.
 
Seja imparcial na compra, evitando escolher produtos que somente atendam ao seu gosto. Os clientes de brechó estão cada vez mais exigentes e sofisticados, e procuram peças de qualidade, com estilo e sem defeitos.
 
Somente no caso de brechó popular ou bazar, os clientes costumam aceitar peças com pequenos defeitos.
 
 

3- Exponha e organize os produtos 

 
Brilhantina Brechó
Exponha os produtos por categorias: roupas de verão, roupas de inverno, jeans, sapatos, tênis, acessórios, cores, estilos etc. Separar os tipos de produtos facilita ao cliente encontrar e escolher o que deseja comprar. Quando os produtos ficam misturados são difíceis de ser encontrados e o cliente pode desistir da compra por não achar o que procura. Componha looks para orientar o cliente na escolha das peças.
 
Um bom exemplo é montar looks inspirados em celebridades ou grifes famosas. Neste caso mantenha a foto do look original próximo ao look montado pela loja.
 
Destaque os produtos em expositores, manequins e araras usando jogo de luzes. A iluminação realça o produto e chama atenção do cliente.  Mantenha as roupas sempre limpas, passadas e cheirosas. Esta prática valoriza seu produto e atrai a atenção dos clientes.  Organize um espaço para expor peças em promoção. Uma boa opção é que este espaço seja no fundo da loja e as peças em promoção separadas das demais peças que não estão em oferta.
 

4- Higienize seus produtos

Trabalhar com peças usadas requer cuidados que podem ir de uma limpeza básica até lavagem e higienização do produto. As roupas usadas geralmente estão guardadas há muito tempo e podem conter fungos. No caso de adquirir roupas neste estado, a peça deverá ser lavada com bastante sabão, produtos com ação bactericida de preferência sem cloro para evitar manchar a roupa, tira mancha para roupas que possuem mancha, álcool, dentre outros.
 
De preferência, além de limpa, a roupa deve estar perfumada e passada. É importante ter o mesmo cuidado com calçados e acessórios. Uma opção para evitar o trabalho operacional com limpeza e higienização e elevar os custos da mercadoria é dar preferência para roupas limpas, sem manchas e sem defeitos, na hora de comprar seu estoque.
 

5 – Os produtos devem possuir etiqueta de preço

 
A etiqueta de preço deve ser legível, em tamanho proporcional que permita fácil leitura e não chame mais atenção do que o produto. Quando o produto estiver exposto na vitrine, coloque a etiqueta de preço à direita da visão do cliente, na parte debaixo do produto, com cuidado para não escondê-la.
 
Os preços dos produtos expostos à venda devem ficar sempre visíveis aos consumidores enquanto o estabelecimento estiver aberto ao público, conforme Decreto nº 5.903, de 20 de Setembro de 2006.  Acesse outras informações importantes sobre precificação no site:
 
 

6- Ofereça várias formas de pagamento

 
Procure oferecer mais de uma forma de pagamento (à vista, cartão de crédito/débito ou cheque) ao cliente e evite perder uma venda. Coloque em local visível um aviso com as formas de pagamento aceitas. Isto evita constrangimentos ao cliente quando for efetuar o pagamento. Descontos para pagamento à vista tendem a ser uma vantagem tanto para o cliente quanto para o brechó. Informe sobre os descontos quando o cliente for efetuar o pagamento.
 

7- Tenha uma estratégia de marketing 

 
Promover eventos, como desfiles, comemoração de aniversário, café da manhã, happy hour, são algumas sugestões para movimentar seu brechó e atrair mais clientes.
 
Divulgue em painéis, colocados em lugares estratégicos da sua loja, as celebridades que compram em brechós, matérias falando sobre as tendências de consumo da moda brechó no Brasil e exterior, estilo vintage, etc.
 
Estar presente nas redes sociais Facebook, Instagram, Blog, Pinterest, dentre outras, é uma boa opção para ganhar visibilidade, interagir com seu público e divulgar seus produtos.
 

http://www.ficoupequeno.com

 
Ter uma loja online, também, permite ganho de visibilidade e alcance de público. O importante é escolher a plataforma mais adequada para seu negócio, seja um marketplace, plataforma gratuita ou desenvolver o próprio site. Em todos os casos, os produtos precisam ser bem apresentados. Isto inclui uma boa foto dos produtos, ressaltando detalhes (botões, recorte, enfeites, etc) e o tamanho das peças (cintura, ombro, comprimento, etc).
 
Outros aspectos importantes, para quem tem um e-commerce de brechós, é oferecer várias formas de pagamento (cartão de crédito, boleto, à vista), ter uma política de trocas e logística. Email marketing e cadastro em sites de busca são outras formas de promoção utilizadas.
 

8- Tenha um bom relacionamento com os fornecedores

Os fornecedores de brechós geralmente são pessoas físicas, por isto é importante ter uma boa rede de contatos com pessoas físicas para adquirir mercadorias. No início, procure trabalhar com consignação. Como o investimento é zero você consegue oferecer mais opções aos seus clientes.
 
Se optar por comprar a mercadoria, será necessário criar um padrão de precificação, seja por categoria de produtos, estilo, marca, ano de fabricação, etc. Isto facilitará na precificação do produto.
 
Defina uma política de pagamento dos fornecedores, os mantenha informados sempre que uma compra for realizada e cumpra seus compromissos financeiros. Esta prática demonstra transparência e transmite credibilidade.
 

9- Faça a gestão do seu estoque

 
Geralmente, os brechós trabalham com um estoque muito grande, itens muito variados e exclusivos. Isto dificulta o controle das mercadorias que entram e saem. Se a entrada e saída de mercadorias é realizada de forma manual, com o tempo, é possível que se perca o controle.
 
As mercadorias precisam ser etiquetadas na entrada e baixadas na saída. Este procedimento, feito de forma manual, tende ser muito trabalhoso e sujeito a erros, deixando seu estoque desatualizado e sem controle.
 
Ter um sistema para controlar o estoque é fundamental. Isto permitirá melhorar a gestão de seu estoque, comprar melhor, conhecer os hábitos de consumo de seu cliente, fazer promoções, dentre outros.
 

10- Renove seu estoque 

A customização de peças, sejam roupas, calçados ou acessórios, é uma ótima opção para renovar o visual de seu estoque. Dar uma cara nova às roupas usadas é um costume cada vez mais utilizado por quem é adepto do consumo sustentável, aproveitando os produtos para que tenham uma vida útil maior.
 
Profissionais da moda e celebridades vêm investindo em customização para criar peças exclusivas a partir de peças antigas e praticar o consumo sustentável.
 
 
A customização pode vir através de aplicação de bordados com miçangas, lantejoulas, apliques, tricô, crochê, etc.
 
Outra forma é transformar uma peça em outra, por exemplo, uma calça jeans em
bolsa, saia ou shorts.
 
 
Tingir a roupa, também, é uma boa opção para renovar. Os calçados podem receber apliques e cobertura de tecidos, assim como os acessórios podem receber novos componentes que os deixem mais modernos e atuais.
 
Estas são algumas das diversas formas para inovar e se diferenciar.

Use sua criatividade e mãos à obra!

 
Estes e outros temas serão abordados no Fórum de Debates sobre o  Mercado de Brechós que acontecerá no dia 24/07 em Belo Horizonte.
 
 
Inscrições e informações:
0800 570 0800
Vagas Limitadas
 
Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Comentário ( 1 )

  1. Onde encontro fornecedor bom para meu Brecho?

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae