Cadastrar

Esqueceu a senha?

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por e-mail.

Sorry, you do not have permission to ask a question, You must login to ask a question.

Sorry, you do not have permission to add a post.

Please briefly explain why you feel this question should be reported.

Explique brevemente por que você acha que essa resposta é inadequada ou abusiva.

Please briefly explain why you feel this user should be reported.

O direito do arrependimento no Brasil

O direito do arrependimento no Brasil

O direito de arrependimento é um direito que permite ao consumidor desistir de uma compra realizada fora do estabelecimento comercial em um prazo determinado, sem precisar apresentar justificativa ou motivo. No Brasil, esse direito é regulamentado pelo Código de Defesa do Consumidor (CDC), que estabelece algumas regras e prazos para sua aplicação.

De acordo com o CDC, o direito de arrependimento se aplica a compras realizadas por telefone, internet, catálogos, entre outros meios que não sejam presenciais. O prazo para exercer esse direito é de sete dias corridos, contados a partir da data de recebimento do produto ou da assinatura do contrato. Nesse período, o consumidor pode desistir da compra e solicitar a devolução do valor pago.

É importante destacar que o direito de arrependimento só se aplica a compras realizadas fora do estabelecimento comercial. Quando o consumidor realiza uma compra presencialmente, não há essa possibilidade de desistência, a não ser que haja algum defeito no produto ou vício que o torne impróprio para o uso.

Além disso, o direito de arrependimento não se aplica a todos os produtos e serviços. O CDC estabelece algumas exceções, como por exemplo: serviços prestados imediatamente após a contratação, como serviços de transporte, hospedagem, alimentação, entre outros; produtos personalizados; produtos perecíveis ou que tenham prazo de validade vencido; produtos de uso íntimo, como roupas íntimas e produtos de higiene pessoal, entre outros.

Para exercer o direito de arrependimento, o consumidor deve informar o fornecedor sobre sua decisão de desistir da compra, por meio de telefone, e-mail ou qualquer outro meio disponível. O fornecedor deve então providenciar a devolução do valor pago, sem descontar qualquer taxa ou encargo, e o consumidor deve devolver o produto, sem sinais de uso ou danos.

Caso o fornecedor se recuse a aceitar a devolução ou não respeite o prazo para a devolução do valor pago, o consumidor pode acionar os órgãos de defesa do consumidor ou até mesmo ingressar com uma ação judicial para garantir seus direitos. Isso acontece muito com produtos maiores, que são difíceis de transportar. Entretanto, é importante saber que o direito do consumidor na compra de colchões é o mesmo de quem compra um celular.

Em resumo, o direito de arrependimento é um importante instrumento de defesa do consumidor no Brasil. Ele permite que o consumidor possa avaliar com mais tranquilidade a compra realizada fora do estabelecimento comercial e desistir dela, caso se arrependa. É importante que os fornecedores respeitem esse direito e informem claramente sobre as condições de sua aplicação.

You must login to add a comment.

Posts relacionados