Cadastrar

Esqueceu a senha?

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por e-mail.

Sorry, you do not have permission to ask a question, You must login to ask a question.

Sorry, you do not have permission to add a post.

Please briefly explain why you feel this question should be reported.

Explique brevemente por que você acha que essa resposta é inadequada ou abusiva.

Please briefly explain why you feel this user should be reported.

Empreendedorismo e a industria 4.0: Como se adaptar?

Empreendedorismo e a industria 4.0: Como se adaptar?

A indústria 5.0 foi responsável por maior efetividade em todos os setores, desde tecnologia até o setor de compressor de ar pistão. Mas ainda há gestores que não se adaptaram a esses novos tempos.

Foi pensando nisso que criamos este guia, onde especificamos como gerir esse novo conceito com naturalidade. Ficou curioso? Então, continue conosco, pois, essas dicas são espetaculares!

Conheça as tecnologias da Indústria 4.0 e suas possibilidades

Entre as dicas de adaptação está ‘conhecer as tecnologias que a formam e que permitem melhorar os processos produtivos’. Dentre elas temos: 

  • Visão computacional;
  • Aprendizado de máquina;
  • Realidade aumentada ou robótica.

Essas são tarefas que não eram possíveis de ser automatizadas. Essas tecnologias também permitem que a empresa tenha mais informações sobre o processo e, dessa forma, tome melhores decisões e antecipe possíveis problemas. 

Como resultado, uma forma mais eficiente de fabricação é alcançada, melhorando todo o processo de produção e as condições dos colaboradores.

A digitalização faz parte da Indústria 4.0 e está relacionada às informações obtidas através dos processos. Por exemplo, a Internet das Coisas (IoT) permite a comunicação entre sistemas e com a nuvem. Isso gera economia de energia, redução de custos e planejamento, entre outros.

Essas tecnologias evoluem muito rápido, portanto, estar ciente dessas mudanças é importante. Além disso, podem ser aplicadas de diferentes formas e a um grande número de casos ou aplicações. Se uma marca fabrica 100 displays em acrílico por dia, com esta adaptação, este número dobrará!

Defina possíveis pontos de ação e objetivos

É importante analisar onde é possível aplicar os conceitos da Indústria 4.0. Para isso, é necessário conhecer as possibilidades oferecidas por essas tecnologias (algumas que já até pontuamos acima).

Faça reuniões pontuais e se questione: quais melhorias essas tecnologias podem trazer ao processo produtivo? Como devo estabelecer objetivos que permitam quantificá-las? Depois disso, defina parâmetros como:

  • Retorno de investimento;
  • Melhoria no tempo de ciclo;
  • Redução de processos rejeitados;
  • Custos de qualidade;
  • Produtividade;
  • Competitividade;
  • Diferenciação.

Por fim, será necessário introduzir essas mudanças nos objetivos gerais e considerar como elas podem contribuir para a empresa como ponto de diferenciação.

Iniciar projetos piloto relacionados às tecnologias da Indústria 4.0

Um projeto piloto pode ser um bom começo para essa aplicação da Indústria 4.0 e sua digitalização. Ele deve ser pequeno, mas incorporar uma estratégia do início ao fim com objetivos claros. 

Essa tática pode ajudar a estabelecer um conceito que demonstre o valor que essas tecnologias trazem. E, em seguida, você e seus colaboradores podem ter o foco necessário para concluir os projetos com sucesso.

Esses projetos podem ser implementados tanto no local do cliente quanto em um ambiente de teste para tornar as alterações e otimizações do sistema mais convenientes.

Pense o quanto uma empresa de calibração poderá se beneficiar com a adição de ferramentas e conceitos. Não deixe para depois o que pode ser feito agora! É fato que irá gastar uma certa quantia, mas o retorno é rápido e praticamente garantido.

O que achou do texto de hoje? Curtiu saber mais sobre empreendedorismo e a indústria 4.0? Se gostou, não se esqueça de enviar para os seus amigos e compartilhar em suas redes sociais, até a próxima!

Este artigo foi produzido pela equipe do Soluções Industriais.

You must login to add a comment.

Posts relacionados