CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Perguntar é uma funcionalidade apenas para usuários registrados.
Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar


CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Case de sucesso: empresa maranhense é finalista em prêmio nacional de inovação

Case de sucesso: empresa maranhense é finalista em prêmio nacional de inovação

122

Depois de conquistar o segundo lugar no prêmio ABRE da Embalagem Brasileira, considerado ícone de excelência do setor, a empresa maranhense SM Sanduíches concorre a mais uma premiação de reconhecimento em todo o país: o Prêmio Nacional de Inovação, realizado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e pelo Movimento Brasil Competitivo (MBC), com o apoio da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP) e do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI).

O prêmio busca reconhecer as empresas brasileiras que contribuíram para o aumento da competitividade do país por meio da utilização de sistemas e técnicas voltados para o aprimoramento da gestão da inovação, bem como por meio da implementação de projetos inovadores. No caso da SM Sanduíches, a presença entre os finalistas desta premiação vem em reconhecimento ao esforço em transformar um negócio informal em uma rede de franquias premiada – sendo que toda essa mudança se deu através da inovação em seus produtos e processos.

Para o proprietário Thiago Collares Moreira, estar entre os três finalistas é uma honra. “É muito orgulho o que estamos sentindo”, ressalta. “Isso mostra que nós, maranhenses, acreditamos no nosso estado apesar de todas as dificuldades”, pondera o pequeno empresário, que também ostenta um reconhecimento internacional, o Premio World Star – maior premiação de embalagens do mundo, onde concorreu com empresas multinacionais do porte da Coca-Cola e McDdonald’s.

O empresário conta que o negócio nasceu em 2000, iniciado informalmente pelos pais, como um incremento à renda da família. Dez anos depois, decididos a encerrar as atividades, os pais de Collares foram surpreendidos pela iniciativa do filho em tocar o negócio como uma empresa formalizada e capacitada pelo Sebrae. Recém-graduado em Administração de Empresas, o empreendedor participou do EMPRETEC – seminário avançado do Sebrae que desenvolve características empreendedoras de sucesso em seus participantes. “Foi o combustível que precisava para enfrentar os novos desafios que viriam. Junto ao Sebrae, fizemos um planejamento estratégico onde foi estudado o mercado e traçadas estratégias como a reformulação da marca, criação de novas linhas de produtos e tecnologia de embalagens”, relembra.

O frutos do apoio do Sebrae vieram rapidamente. Com o lançamento da nova marca, dos novos produtos e das novas embalagens, ainda em 2011, a SM Sanduíches passou de uma venda mensal de 15 mil sanduíches ao mês para 45 mil unidades. O impacto no mercado foi tão grande que chamaram a atenção de empresários e imprensa de outros estados, ampliando seu mercado para o Ceará e Pará e ainda para o Distrito Federal.

Vai ter Copa

A expansão da SM Sanduíches foi bem longe. A busca pela capacitação e melhoria dos processos da empresa levou à certificação pela British Sandwich Association, a Associação Europeia de Sanduiches, garantindo que o empreendimento seja fornecedor de lanches para algumas seleções de futebol da Europa, sediadas em Fortaleza, durante a Copa do Mundo de Futebol. “Já realizamos esse abastecimento durante a Copa das Confederações”, destaca Collares.

A rápida ascensão e os reconhecimentos nacional e internacional da empresa maranhense fortalecem o modelo do empreendedor que cresce aliando uma boa ideia à busca pela melhoria através da capacitação empresarial. Para o empresário, a participação da SM Sanduíches no Prêmio Nacional de Inovação foi uma prova de fogo, concorrendo com 2.020 empresas de todo o Brasil. “Já tínhamos levado a premiação internacional em 2013, então achamos que não seria impossível”, pondera. A empresa passou por mais de cinco etapas, incluindo entrevistas e visitas técnicas. “Quando recebemos a notícia de que estamos entre as três finalistas do prêmio foi fantástico. Com isso, queremos mostrar que nosso Estado é forte e que também podemos fazer a diferença”, comemora.

Para conhecer outras notícias do estado, acesse: http://www.ma.agenciasebrae.com.br/sites/asn/Noticias?page=2

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae