CADASTRAR

Entrar

Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Enviar mensagem

Adicionar pergunta

Entrar

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

RELATÓRIO INTELIGÊNCIA – Grande potencial dos Brechós

O Relatório de Inteligência Trimestral de março, busca abordar as oportunidades existentes neste nicho aos empreendedores do setor de moda, qual o comportamento do consumidor de brechós e como é possível potencializar essas oportunidades. "Ainda existe uma grande dificuldade em pagar um certo valor por algo que já foi usado por outra pessoa. Mas ultimamente, com o dólar nas alturas, a procura aumentou bastante, principalmente por produtos importados e de luxo." Tenha acesso ao conteúdo completo se cadastrando e fazendo o download AQUI.

Ler mais ou responder
Negócios de moda devem apostar no luxo e sofisticação para conquistar o jovem contemporâneo

A Geração Y tem bom poder aquisitivo e gosta de produtos e serviços de alta qualidade. Esta é uma oportunidade de negócio para o segmento da moda. Os jovens de hoje curtem artigos de luxo, são obcecados por tendências de moda - por isso, estão sempre de olho no que seus ídolos usam - e adoram divulgar nas redes sociais tudo que usam, inclusive interagindo com suas marcas favoritas. Estes adolescentes e jovens adultos estão redefinindo o consumo de luxo. Para conquistar este público, as marcas precisam, entre outras ações, se vincular a celebridades, sobretudo aquelas com muitos seguidores no Instagram, e sempre usar ...

Ler mais ou responder

Estudo do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e o portal Meu Bolso Feliz mostra que em média 35% da renda mensal dos consumidores das classes A, B e C é gasta com serviços ou produtos que consideram de luxo. Em um ano, isso totaliza cerca de R$ 18 mil. O levantamento aponta que 68% dos consumidores de produtos e serviços de luxo pertencem à Classe C. Estes consumidores utilizam 44% da sua renda mensal, chegando a R$ 12 mil em gastos por ano. Já a Classe A destina 19% da renda mensal, gastando R$ 40 mil por ano; e a Classe B, 36% da renda mensal, totalizando R$ 29 mil ...

Ler mais ou responder
Luxo também é negócio para pequenas empresas

Negócios voltados para o mercado de luxo não estão restritos às grandes empresas. O pme.estadão mostra isso claramente quando publicou histórias de pequenos que faturam com o segmento de luxo, comercializando champanhe de ouro e até massagem na sola dos pés em casamentos. Carlos Ferreirinha, referência na linguagem da gestão do luxo, afirma que o fundamental para negócios nesse segmento é oferecer: Qualidade Exclusividade Excelência Atemporalidade Padronização Experiência Atendimento Obsessão por detalhes Ferreirinha, no workshop “O negócio do Luxo” realizado em Porto Alegre, em 2013, comentou a participação de alguns setores nesse segmento: Decoração: “O Brasil está muito bem. A força do arquiteto ...

Ler mais ou responder
Peças em desuso renascem no mercado de luxo

Enganha-se quem pensa que não existe sintonia entre sustentabilidade e mercado de luxo. Muito além da reciclagem, o reuso de peças obsoletas está emplacando um mercado altamente valoroso. Essa modalidade, bastante sustentável e lucrativa, é o Upcycling: um termo que resultado junção de "up" com reciclagem e significa dar um status novo e melhor a algo que acabaria (injustamente) condenado ao lixo. O conceito define um processo que tem como princípio o prolongamento do ciclo de vida útil de um produto, cujo uso por algum motivo caiu em desuso. O intuito é reduzir o consumo de energia e recursos que seriam requeridos para a reciclagem. No processo de reciclagem, a matéria-prima ...

Ler mais ou responder