CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Vitrines virtuais que permitem compra pelo celular chegam ao Brasil

Vitrines virtuais que permitem compra pelo celular chegam ao Brasil

Fonte: ESPM
 
Vitrines virtuais que simulam gôndolas de supermercado estão chegando ao Brasil. Colocadas
em locais públicos de grande circulação, os painéis mostram as imagens
dos produtos com um código de barras. Ao posicionar o celular em frente
ao código, o consumidor adiciona o item a sua compra, que é entregue em
casa horas depois.
 
No início de julho, o supermercado Pão de Açúcar lançou uma vitrine
com mais de 300 itens no Shopping Cidade Jardim, na capital paulista. Em
setembro de 2011, no Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, o
Submarino colocou painéis virtuais na sala de embarque com produtos como
livros e eletrônicos.
 
A tecnologia usada não é novidade. As imagens dos produtos carregam
um código de barras chamado QR code, que pode ser identificado pela
maioria dos celulares com câmera fotográfica para redirecionar o acesso
ao site da loja. A inovação das vitrines está na aplicação desses
códigos.
 
Presente há 15 anos no e-commerce, o Pão de Açúcar lançou os aplicativos de venda on-line em 2010, para Android e iPhone.
Para fazer as compras na vitrine, o usuário deve baixar o programa no
celular e posicionar a câmera do aparelho em frente ao código do produto
escolhido. No caso do Submarino, o usuário deve ter apenas um celular
com acesso à internet e um aplicativo leitor de QR code.
 
Leia a matéria completa aqui
 

Faça um pergunta sobre o seu negócio em Sebrae Respostas. Faça um pergunta sobre o seu negócio em Sebrae Respostas. Faça um pergunta sobre o seu negócio em Sebrae Respostas.

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae