CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Acompanhar tendências aprimora a qualidade da Mandioca

Nos últimos anos, tem-se observado uma crescente profissionalização do setor da farinha de mandioca. Apesar da informalidade, muitas empresas têm se organizado e adquirido informações e equipamentos que melhoram o processo produtivo. Ao acompanhar este movimento de profissionalização, o pequeno empresário aumentará suas possibilidades de inserção no mercado. Trata-se de tendências de mercado que não devem ser ignoradas, pois, apesar de o lucro poder se manter, caso haja inovação produtiva e a concorrência fique mais acirrada, ele certamente será menor do que poderia. Outra tendência que vem ocorrendo é a aproximação entre produtor e processador. O mandiocultor passa a agregar valor por meio do processamento e da produção de sua matéria-prima de maneira ...

Ler mais ou responder
Cooperativas e associações fortalecem produção de mandioca

Reunir-se em grupos para ganhar força, seja em que aspecto for, é uma atividade praticada desde a Roma Antiga. A associação de pessoas com objetivos comuns tem se mostrado bastante eficaz em vários âmbitos da sociedade, e assim também pode ser no mundo dos negócios. O termo Associativismo deriva de associação. Segundo o art. 53 do Código Civil Brasileiro, “Constituem-se as Associações pela união de pessoas que se organizem para fins não econômicos”. Assim, quando regularmente registrada e constituída, a associação é uma espécie de pessoa jurídica na qual não há finalidade econômica de obter lucro. A vantagem do trabalho por meio de uma associação é a premissa de que os associados tendem ...

Ler mais ou responder
Controle da Adubação da Mandioca

A mandioca é cultivada em todas as regiões do Brasil, desempenhando papel importante na alimentação humana e animal, como matéria-prima para vários produtos industriais e na geração de emprego e de renda. Para o bom desenvolvimento das raízes, principal produto da mandioca, os solos devem ser profundos e friáveis (soltos), sendo ideais os solos arenosos ou de textura média, por possibilitarem um fácil crescimento das raízes, adequada drenagem e facilidade de colheita (arranquio). Como o tubérculo absorve grandes quantidades de nutrientes e praticamente exporta tudo o que foi absorvido, sempre é recomendado à adubação do solo.Um adubo aplicado ao solo, primeiramente, entra em contato com a fase sólida do solo e passa para a ...

Ler mais ou responder
Derivados da mandioca como oportunidades de negócios

A mandioca (macaxeira ou aipim) é uma planta tolerante à seca e a solos de baixa fertilidade, possui origem brasileira e conta com a tradição de ser cultivada em todo país. A composição química média da raiz da mandioca é: 65% água, 25% amido, 3% proteína, 2% de celulose e 5% outros. O Brasil já foi o primeiro produtor mundial desta raiz, alcançando produções de até 30 milhões de toneladas/ano no início da década de 70. Hoje é o segundo maior produtor mundial da raiz, com produção em torno de 25 milhões de toneladas/ano. O uso alimentar mais generalizado é na produção de farinha que, em alguns estados, é a base da alimentação. Como derivado mais comum da mandioca, a farinha ...

Ler mais ou responder
Concorrência no mercado de mandiocultura

O mercado brasileiro de mandioca enfrenta dois tipos principais de concorrência: a competição interna entre produtores de farinha e fécula, e aquela entre a categoria, especialmente fécula, e outros produtos que podem substituí-la em um processo produtivo. No que se refere à competição entre produtores de farinha e fécula, vale lembrar que os investimentos básicos para produção de farinha de mandioca são baixos; a sofisticação da tecnologia aumentaria o rendimento da produção, mas não é imprescindível, uma vez que grande parte das casas de farinha espalhadas pelo país ainda se utilizam de procedimentos quase artesanais. Esta facilidade para começar um negócio caracteriza o setor como sendo altamente vulnerável à ameaça de novos entrantes. ...

Ler mais ou responder
Fécula e farinha de mandioca: mercado e desafios

Estudo elaborado pelo Sebrae Nacional sobre o cenário da mandiocultura no Brasil apresenta uma seção totalmente dedicada a dois dos principais produtos gerados a partir da mandioca no país: a fécula e a farinha. De modo geral, o levantamento conclui que o elevado número de competidores no setor, estimulado pelas baixas barreiras de entrada e pela aparente simplicidade do processo produtivo, pode acarretar dificuldades na manutenção de relações comerciais estáveis e de longa duração. Para tentar preservar essas relações ameaçadas por outros concorrentes, os produtores devem ter atenção redobrada em relação a cumprimento de prazos, padrões de qualidade, quantidades de mercadoria e estabilidade relativa de preços, considerados fatores críticos para o sucesso nesse ...

Ler mais ou responder
Mandiocultura: panorama do mercado

Estudo realizado pelo Sebrae Nacional buscou traçar o panorama atual sobre o mercado de mandioca (farinha e fécula) no Brasil com o objetivo de oferecer aos empresários de micro e pequeno porte um instrumento de análise de mercado. Hoje, o produtor brasileiro tem acesso a inúmeras variedades e híbridos, geneticamente melhorados, desenvolvidos por organizações governamentais ou privadas como Embrapa, Instituto Agronômico de Campinas (IAC) e a Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” da Universidade de São Paulo (ESALQ-USP), entre outras. As principais propriedades procuradas com essas modificações são maior valor nutricional, maior concentração de amido e menor teor de ácido cianídrico, visando a aumentar sua adequação e competitividade ...

Ler mais ou responder
Mandiocultura: oportunidade para pequenos negócios

No Brasil, estima-se que a atividade mandioqueira proporcione uma receita bruta anual equivalente a 2,5 bilhões de dólares (IBGE, 1998) e uma contribuição tributária de 150 milhões de dólares. A produção de mandioca, que é transformada em farinha e fécula, gera, respectivamente, receitas equivalentes a 150 a 600 milhões de dólares. A mandioca pode ser classificada em dois tipos. De “mesa”: comercializada na forma in natura; e para a indústria: transformada principalmente em farinha e fécula que, junto com seus produtos derivados, têm competitividade crescente no mercado de amiláceos para a alimentação humana, ou como insumos em diversos ramos industriais, como o de alimentos embutidos, embalagens, colas, mineração, têxtil e farmacêutica. Tradicionalmente, as ...

Ler mais ou responder
Rama da mandioca ganha lugar nas refeições

A rama da mandioca serve tanto para a alimentação humana quanto animal, já que suas folhas são ricas em vários nutrientes e chegam a ter até 28% de proteína bruta, podendo ser comidas frescas, em forma de feno ou de silagem. Devido ao grande valor nutritivo da parte aérea da mandioca e também ao seu volume de produção, ela é uma excelente opção para se fazer ração animal. Como preparar a ração animal Forma fresca: Após a colheita, cortar o terço superior da rama em vários pedaços e deixá-los murchar por 24 horas. Ruminantes (bois, ovelhas, bodes e cabras): misturar a forma fresca em igual quantidade com outra ração ou volumoso (capim). Cavalos, porcos, aves e ...

Ler mais ou responder
Conheça os canais de comercialização da mandioca

Há diversos agentes entre o plantio da mandioca até o consumidor final, desde os processos de transformação, armazenamento, embalagem até o transporte. No caso da fécula de mandioca, geralmente o produtor se relaciona com o processador, e o distribuidor com a indústria usuária. Para a farinha de mandioca, o produtor, que pode também ser o processador, e o distribuidor comercializam no atacado ou para redes de supermercados de distintos tamanhos e públicos que, por sua vez, comercializam para o pequeno varejo ou para feiras livres, fazendo o produto chegar ao consumidor final. Os pequenos negócios têm o desafio de competir com grandes concorrentes e para serem competitivas, por isso, devem aproveitar o seu ...

Ler mais ou responder
Case de sucesso: mandioca palito e agroecológica

Um sabor diferenciado – apresentado em um formato pouco comum – promete conquistar o paladar dos turistas que visitarão Cuiabá (MT), uma das cidades-sede da Copa do Mundo da FIFA 2014, durante o evento esportivo. Trata-se da mandioca palito, uma das apostas da empresa Mandioca Aricá. Graças à parceria com a Associação Buriti Grande – em que produtores rurais fornecem a mandioca para a comercialização – é possível que os consumidores cuiabanos saboreiem um produto agroecológico. Ao todo, 50 colaboradores estão envolvidos no processo, comandado pela empresária Diana Durigon. O produto é vendido em grandes redes de supermercados da cidade e sua nova versão foi motivada pelo evento mundial deste ano. De acordo ...

Ler mais ou responder