CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Perguntar é uma funcionalidade apenas para usuários registrados.
Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar


CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Joo Moda: lições que uma start-up de lingerie pode dar

No segmento da moda, uma boa apresentação dos produtos é fundamental, especialmente se a marca é nova no mercado. Se o seu produto for lingeries, então, o desafio é maior ainda na hora de fazer o material de divulgação. As fotos com as peças precisam mostrar luxo e conforto. Se os artigos são feitos de rendas, deve-se explorar a sua beleza e robustez (qualidade). Se for de algodão e tecidos elásticos, é necessário que tenha também um ar sedutor. Sem falar que os feitos de veludo precisam passar um sentimento de sensualidade mas sem extravagância. Na era do Instagram, estes cuidados são ainda mais importantes para novas marcas de lingerie. Um bom exemplo ...

Ler mais ou responder
RELATÓRIO INTELIGÊNCIA – Lingerie tipo Exportação

No Relatório de Inteligência de dezembro, você encontrará: dados sobre o cenário de exportação de lingeries no Brasil; os países que mais importam lingeries fluminenses; o mercado potencial - países e regiões de destaque para o comércio desses produtos; os valores pagos pelos mercados potenciais que importam lingerie fluminense; uma análise das peças mais exportadas para cada país; dicas da especialista Patrícia Sant´Anna para os empresários de MPE que desejam exportar lingerie; o Texbrasil, um projeto que busca potencializar o comércio internacional na moda. Tenha acesso ao conteúdo completo se cadastrando e fazendo o download AQUI.

Ler mais ou responder
RELATÓRIO INTELIGÊNCIA -Panorama do mercado plus size para lingerie e moda praia

O termo plus size é utilizado para se referir às pessoas que estão acima do peso e aceitam o seu corpo, buscando se vestir de forma a valorizá-lo e não escondê-lo. Compreende a numeração que vai do 46 ao 56. Empresas que atuam no segmento de lingerie e moda praia podem investir nesse nicho de mercado, apostando em recortes diferenciados, aplicação de rendas e paetês, além da utilização de materiais nobres na composição. Tenha acesso ao conteúdo completo se cadastrando e fazendo o download AQUI.

Ler mais ou responder

De 3 a 5 de junho de 2015, o Centrosul, em Florianópolis (SC), será palco da Floripa Prêt-à-Porter 2015. A feira promoverá negócios, tendências e estilo e reciclagem profissional. “A Floripa Prêt-à-Porter será um salão de moda brasileira, destacando a produção nacional e oferecendo a oportunidade de aproximação da indústria com o mercado, especialmente lojistas”, explica Fabíola Taraskevicius , diretora da Fama Feiras e Eventos, empresa responsável pelo evento. Participam 200 marcas de moda feminina, masculina, infantil, praia, tricô, fitness, lingerie, street, surfwear, plus size, marcas premium e de acessórios. Elas apresentarão aos visitantes as coleções de Primavera/Verão 2015. A feira é aberta somente a lojistas, empresários e profissionais da indústria ...

Ler mais ou responder
Moda Íntima: o espaço para pequenas empresas no mercado

O setor de moda íntima brasileiro vivenciou uma onda de profissionalização no varejo ao longo das últimas décadas que levou ao surgimento de grandes marcas no mercado. O movimento foi liderado por indústrias que até então vendiam suas produções essencialmente para multimarcas e lojas de departamentos e passaram a enxergar como estratégica a abertura de uma frente de aproximação com o consumidor final. Diante de selos fortes como Trifil e Lupo, que passaram por essa mudança, as empresas se veem diante do desafio de levar sofisticação às ações de Marketing e segmentar o público-alvo. Apesar disso, o mercado não se fechou para os pequenos empreendedores. Hoje, marcas de todos os tamanhos convivem e aproveitam múltiplas oportunidades, cada ...

Ler mais ou responder
Clientes revelam a fórmula do sucesso para uma loja de lingerie

  O IEMI (Instituto de Estudos e Marketing Industrial) estudou o comportamento de compra da consumidora de moda íntima e trouxe revelações importantes que contribuem para o sucesso de uma loja do segmento. Baseado em uma questão de múltipla escolha, as entrevistadas mostraram que é realmente importante uma loja combinar vários fatores para ter sucesso. O mais determinante deles tem a ver com a variedade de produtos, que foi registrado em 39,5% das respostas das consumidoras. Porém, a variedade precisa ser combinada com preços mais baixos e com a existência de bons descontos/promoções para potencializarem ainda mais o sucesso de um estabelecimento. Além disso, as consumidoras definem uma loja de sucesso, aquela que também tem uma localização conveniente, oferece qualidade e design nos produtos, apresenta ...

Ler mais ou responder
O que determina a compra da peça íntima

  Os principais motivos que impulsionam a aquisição de lingerie são aqueles relacionados à “emoção da compra”. Um estudo do IEMI (Instituto de Estudos e Marketing Industrial), realizado no final de 2013, apontou que, embora o principal motivo de compra apresentado pelas respondentes tenha sido “substituir uma peça antiga” (27,9%), a soma das razões relacionadas à emoção totaliza 68,3% dos casos. Movidas por sentimentos como querer se dar um presente, vontade de se sentir bonita e bem vestida ou sexy e sensual, na hora da escolha elas também requerem a presença de fatores como qualidade e design, sem eximir a necessidade de o produto oferecer conforto como atributo principal. Embora também queiram encontrar preços mais baixos e ...

Ler mais ou responder
Lingerie: um mercado cheio de nichos e oportunidades

Asa delta, fio dental, espartilha, meia taça, com ou sem bojo, três quartos, sete oitavos, com ou sem renda, discretas, ousadas, fitas, babados e decotes, pequenas, médias, grandes, extras grandes, em todas as cores e até comestíveis. Mais do que peças do vestuário feminino, a lingerie teve seu boom junto com a revolução sexual dos anos 60 e atualmente é um segmento da indústria têxtil que fatura mais de U$ 30 bilhões, por ano, no mundo. Os números são otimistas no Brasil também. De norte a sul, mais de 3.500 confecções produzem cerca de 1,5 bilhão de peças anualmente, em um mercado que movimenta R$ 3,6 bilhões, segundo dados da Associação Brasileira ...

Ler mais ou responder
Moda Íntima: perfil de consumo e comportamento de compra

O Instituto de Estudos e Marketing Industrial (IEMI) realizou uma pesquisa junto a 1.100 consumidores de moda íntima masculina e feminina, na qual pessoas de ambos os sexos, maiores de 15 anos responderam ao questionário. O estudo revelou o perfil de consumo e o comportamento de compra em todo o País. Veja: Perfil das consumidoras: Os compradores de moda íntima do sexo feminino são maioria e se concentram na faixa de idade entre 25 e 34 anos; 48% destes consumidores estão no ensino médio e 29,9% no ensino superior. A maior concentração dos consumidores de roupas íntimas femininas (57,1%) esta nas classes econômicas B2/C, cuja renda familiar se situa entre R$ ...

Ler mais ou responder
Jovens de Goiás apostam na fabricação de lingerie

[caption id="attachment_22212" align="alignright" width="300"] Foto: Edmar Wellington/Agência Sebrae de Notícias[/caption] Até agosto do ano passado, o jovem Helenês Marques de Morais, de 23 anos, era enfermeiro em São Paulo. Quando retornou à cidade de Pontalina, no Sul de Goiás, onde seus pais moram, nem imaginava seguir outra vocação, bastante popular no município: fabricar moda íntima. Helenês Marques viu oportunidades em um mercado promissor. O polo confeccionista local possui 100 indústrias, que produzem dois milhões de lingeries por mês, movimentando R$ 30 milhões em negócios por ano. Ele financiou R$ 100 mil para montar a Ibiza Moda Íntima, fábrica e loja, instaladas na região central da cidade. A empresa produz ...

Ler mais ou responder