CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Perguntar é uma funcionalidade apenas para usuários registrados.
Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar


CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Consumidor de joias busca design, personalidade e qualidade

[caption id="attachment_35509" align="alignleft" width="400"] Conheça o perfil do consumidor de joias[/caption] O empresário que conhece seu público e direciona seus esforços para melhor atender a seus desejos e preferências, tem mais chances de atrair e manter seus clientes. Nos segmentos ligados aos produtos e serviços de maior valor agregado, essa necessidade é ainda mais evidente, já que o consumidor conhece sua importância e se mostra cada vez mais exigente. Lembre-se: o retorno financeiro é consequência direta da preferência dos consumidores. No segmento de joias, os consumidores são conquistados pelo estilo (design) dos produtos, personalidade da marca, qualidade das peças e dos serviços pré e pós-venda e confiabilidade – a avaliação da legitimidade dos produtos requer ...

Ler mais ou responder
Alianças: a moda é personalizar

Confira dicas para deixar os casais mais felizes na hora escolher os anéis de compromisso na sua loja O ourives José de Arimateia, da Rede Ary Joias, joalheria carioca, apontou algumas tendências em alta de alianças e anéis de compromisso. Esta dica vai ajudar sua loja a ofertar produtos e serviços que estejam na lista de desejo da maioria dos casais. Confira: Em alta - Modelos mais largos e anatômicos (arredondados por dentro para garantir maior conforto); - Diamantes cravados na aliança da noiva; - O casal moderno procura um par de alianças personalizado e que lhe pareça único. Por isso, a moda agora é personalizar: ...

Ler mais ou responder
CIBJO promove debate sobre o comércio justo

A capital baiana receberá o XV Congresso Internacional do CIBJO – Confederação Internacional de Joalheria de 4 a 6/5/2015. Esta é a primeira vez que o evento será realizado na América Latina. São esperados cerca de 200 empresários e líderes da indústria e do comércio do setor de gemas e joias, provenientes de aproximadamente 40 países. Entre os temas abordados, destaque para: padrões e normas dos produtos, ações para promover o comércio internacional justo, a produção industrial responsável, a sustentabilidade em toda a cadeia de produção e inovações e mudanças do mercado global. Serviço XV Congresso Internacional do CIBJO Data: 4 a 6/5/2015 Local: Hotel Sheraton, Salvador (BA) Informações: Clarissa Maciel (clarissa@ibgm.com.br); Rubens Pontes (rubens@ibgm.com.br); e Karina Sena ...

Ler mais ou responder
O consumo de joias no Brasil

Na última década, a indústria joalheira tem promovido expressivas melhorias em seus padrões de qualidade e competitividade. Importação de máquinas, equipamentos, ferramentaria e insumos, além do investimento no design (hoje reconhecido internacionalmente) têm resultado no crescimento do mercado, com a comercialização tanto para o consumo interno como para o externo. Dados que evidenciam essa realidade, posicionaram o Brasil em 2013 entre os sete países que recuperaram seu consumo interno após a crise de 2009. Os números relativos aos vinte principais mercados consumidores de joias de ouro, apresentados no quadro a seguir, também permitem conferir que, nos últimos dez, apenas cinco países apresentaram crescimento no consumo interno: China (264%); Hong Kong (240%); Rússia (48%); Índia (18%); Brasil (10%).

Ler mais ou responder
FENINJER: destaques da Feira de Joias, Relógios e Afins

Realizada duas vezes por ano pelo Instituto Brasileiro de Gemas e Metais Preciosos (IBGM) a Feira Nacional da Indústria de Joias, Relógios e Afins (Feninjer) é a maior do setor, na América Latina. O evento é direcionado à realização de negócios entre as fábricas e o comércio atacadista e/ou varejista tanto do mercado interno como do externo e, por isso, é fechado ao público consumidor. A edição 59ª ocorreu no período de 05 a 09 de agosto de 2014, em São Paulo-SP e foi acompanhada pela equipe de Inteligência em Feiras da Unidade de Acesso ao Mercado do Sebrae, cujos destaques estão registrados em um relatório disponibilizado ao público interessado. A ...

Ler mais ou responder

Os acessórios preferidos pela mulher brasileira Um dos indicadores que mede a taxa de sucesso no varejo é a venda itens por cliente. Resultado da aplicação de um cálculo simples, com o qual o lojista afere a média de itens vendidos por cliente em um determinado período de tempo, o índice permite ao lojista muito mais que um feedback a respeito das vendas adicionais realizadas por sua equipe. A partir do número, a empresa pode observar que os itens complementares ao produto principal têm o potencial de agregar valor à marca por vários fatores. Nas lojas de vestuário, por exemplo, os acessórios contabilizam uma importante contribuição para valorização de uma marca, pois, do ponto dos consumidores, eles enfeitam o vestuário, ...

Ler mais ou responder
Acessórios de moda: franquias também são opção

Pesquisas recentes da Associação Brasileira de Franchising (ABF) mostram que o setor de franquias tem sido um bom negócio nos últimos anos. Somente entre 2012 e 2013, o crescimento foi de 14%, gerando um faturamento de cerca de R$ 117 bilhões. No Brasil, o mercado de acessórios cresceu de forma considerável nos últimos anos. De acordo com a ABF, acessórios pessoais é um dos segmentos que mais cresce no setor de franquias. O comércio de bijuterias está inserido nesse segmento e, em 2012, apresentou um faturamento de R$ 4,8 bilhões e crescimento de 29,9% em relação a 2009. A instituição apresenta também o formato de microfranquia, cuja principal característica ...

Ler mais ou responder
Comércio varejista de acessórios de moda: estatísticas

Joias, gemas, folheados, bijuterias, óculos, meias, cintos, luvas, lenços, gravatas, chapéus e bonés são apenas alguns dos inúmeros acessórios de vestuário e afins. E eles representam uma parcela importante das vendas do setor. Para se ter uma ideia, em 2012 as vendas de acessórios de moda aumentaram 14%, atingindo a cifra de R$ 1,04 milhões. O faturamento de gemas, joias e bijuterias em 2012 foi de R$ 7,5 bilhões, sendo 40% referente ao setor de varejo. É exatamente nesse segmento que vamos aprofundar na série de posts que começamos agora. Fundamentados no Estudo Setorial Comércio Varejista de Acessórios, elaborado pelo Sebrae Nacional, os posts abordarão aspectos como: ...

Ler mais ou responder