CADASTRAR

Entrar

Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Enviar mensagem

Adicionar pergunta

Entrar

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

A ConnectAmericas é uma rede social criada pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) que tem como objetivo baixar a incidência de três barreiras fundamentais que as PMEs enfrentam quando buscam se expandir internacionalmente: (a) acesso a contatos de negócios confiáveis; (b) acesso a informação atualizada e de qualidade sobre o comércio internacional; e (c) acesso a financiamento. A iniciativa, que conta com o apoio de empresas de renome mundial, como Google, DHL, Visa e Alibaba, busca criar um ambiente de confiança para fazer negócios, no qual a identidade das empresas seja verificada e elas sejam submetidas a avaliações e comentários dos outros usuários. Por sua vez, ...

Ler mais ou responder

Entre microempreendedores individuais, micro empresas e empresas de pequeno porte, foram realizadas 5.341 entrevistas com o objetivo de descrever o cenário atual dos financiamentos a pequenos negócios no Brasil. O estudo do Sebrae mostra que a oferta de crédito tende a ser mais generosa para as EPPs, para o setor de comércio e para empresas situadas no sul do país. Já no outro extremo, com mais dificuldade de obter financiamento, estão os MEIs, o setor de construção civil e a região norte. O horizonte apresentado inclui diversas modalidades de financiamento, sendo que, no momento da entrevista, as mais aproveitadas eram a negociação de prazos de pagamento com os fornecedores, estratégia de 63% das entrevistadas, o cheque especial, visto em 54%, o ...

Ler mais ou responder

Os empreendedores e pequenas empresas da indústria do turismo ganharam um canal exclusivo para relacionamento com o Banco do Brasil, instituição que irrigou o setor com financiamentos da ordem de R$ 4,28 bilhões no ano passado. Trata-se de uma nova área no site Empreendedor (bb.com.br/empreendedor), lançada nesta semana, com informações direcionadas a micro e pequenos empreendimentos. O espaço traz informações sobre produtos, serviços oferecidos e soluções oferecidas pelo banco ao microempreendedor e pequenas empresas. Entre elas, operações de recebimentos, pagamento de salários, aplicações, cartões, seguro e previdência e crédito. Em destaque, a linha FAT Turismo Investimento, reforçada este ano com R$ 260 milhões do Fundo de ...

Ler mais ou responder

A pesquisa Perfil do Microempreendedor Individual 2013, realizada pelo Sebrae Nacional, apresenta uma série de dados relevantes para compreender o universo do microempreendedor brasileiro. Escolaridade, classe social, localização do negócio e impactos da formalização são alguns dos dados apresentados pelo estudo que permitem analisar o perfil dos mais de três milhões de microempreendedores individuais existentes no Brasil até agosto de 2013. Alguns dos dados mais interessantes são os que revelam a relação entre essa categoria de empreendedores e o acesso a crédito. Entre 2012 e 2013 saltou de 5,2% para 12,5% o percentual daqueles que efetivamente buscaram empréstimos após se formalizarem e conseguiram. Instituições mais procuradas A instituição financeira mais citada ...

Ler mais ou responder

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) criou um programa para estimular investimentos em inovação e aumentar a competitividade das companhias de menor porte. Com dotação orçamentária de R$ 500 milhões, o Programa BNDES de Apoio à Micro, Pequena e Média Empresa Inovadora (BNDES MPME Inovadora) já está operando, e sua vigência (prazo para que os pedidos de financiamento deem entrada no Banco) segue até 31 de dezembro de 2015. Poderão solicitar apoio — por meio da rede de agentes financeiros credenciados ao BNDES (na qual se incluem bancos comerciais públicos e privados e agências de desenvolvimento) — empresas com faturamento anual de até R$ 90 milhões que tenham, a partir ...

Ler mais ou responder

A edição de março do Boletim de Serviços Financeiros traz uma boa notícia para os pequenos negócios: após um ano de constantes preocupações para o governo e para o setor produtivo, o mercado de crédito às micro e pequenas empresas continua em expansão. A publicação chama a atenção para o fato de que, em 2013, o volume total de crédito colocado à disposição pelo Sistema Financeiro Nacional expandiu-se em aproximadamente R$ 347 bilhões, ou 14,5%, atingindo um montante de R$ 2,7 trilhões. Esse impulso deveu-se, sobretudo, à ampliação dos recursos direcionados a finalidades específicas, que passaram a compor 44,5% do mercado, enquanto os ...

Ler mais ou responder

A presidenta Dilma Rousseff disse hoje (10) que o Programa Crescer, que concede microcrédito produtivo orientado para pequenos empreendedores, já emprestou R$ 12,5 bilhões em dois anos e meio. Segundo ela, o Crescer oferece crédito fácil e barato para quem quer começar ou expandir sua empresa e tem financiamento médio de R$ 1.350. “Esses recursos significam a melhoria, o crescimento e a sobrevivência de um pequeno negócio. Cada um dos empréstimos do Crescer é uma alavanca para os nossos pequenos empresários e é mais desenvolvimento para o Brasil”, disse. Dilma ressaltou que as mulheres são a maior parte dos clientes do Crescer. Do total de 9,2 milhões de operações, ...

Ler mais ou responder

Estão abertas as inscrições para o programa Start-Ed nas Escolas 2014, iniciativa da Fundação Lemann que tem como objetivo levar o trabalho de startups inovadoras a escolas públicas. As startups de educação selecionadas receberão aporte de R$ 100 mil a R$ 300 mil para a implantação de programas pilotos nos colégios. O programa tem duração prevista de 18 meses e fornece, além do aporte, apoio no planejamento da distribuição e implementação das soluções no ensino, convites para participações em eventos da Fundação e divulgação das empresas selecionadas. Para participar, a startup já deve ter elaborado uma solução para educação, independente de ela estar ou não sendo utilizada. A inovação ...

Ler mais ou responder
Novo Programa financia Design em 13 cadeias produtivas

O BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) lançou no final de 2013 um programa de apoio a investimentos em design, moda e fortalecimento de marcas para atender a treze cadeias produtivas: Têxtil e Confecções; Calçadista; Moveleira; Higiene Pessoal; Perfumaria e Cosméticos; Utilidades domésticas; Brinquedos; Joias; Relojoeira; Embalagens; Eletrodomésticos; Revestimentos Cerâmicos. O BNDES Prodesign, com vigência até 31/12/2015 e orçamento de R$ 500 milhões, que, de acordo com o Banco, tem um dos mais baixos custos de crédito, financia: Despesas relacionadas à pesquisa, desenvolvimento e aperfeiçoamento de produtos, embalagens, processos e serviços, modelagem, prototipagem, desenho industrial e design de moda, inclusive mão-de-obra e materiais necessários, associados à ergonomia, concepção, conforto e estilo; Aquisição de softwares desenvolvidos no país e serviços correlatos, obedecidos aos critérios estabelecidos no programa BNDES Prosoft Comercialização

Ler mais ou responder

No ar desde 1999, a Calculadora do Cidadão é uma ferramenta disponibilizada pelo Banco Central do Brasil que permite simular situações do cotidiano financeiro, realizando cálculos de financiamento, correção monetária e outros, a partir de informações fornecidas pelo usuário. A última atualização da ferramenta foi feita recentemente e agora ela oferece um item que trata especificamente de custos no uso do cartão de crédito quando o usuário não pode pagar a fatura integral. A nova funcionalidade permite ao usuário comparar o custo de pagar parte da fatura do seu cartão de crédito com outros tipos de financiamento. Basta entrar com o valor da fatura, o juro ...

Ler mais ou responder