CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Perguntar é uma funcionalidade apenas para usuários registrados.
Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Vitor Hugo J. Ribeiro* Há quase dez anos solucionando as demandas de crédito das micro, pequenas e médias empresas (MPE), o cartão BNDES garante a compra de itens necessários às atividades das MPE nacionais, cadastrados no Portal de Operações do Cartão BNDES por fornecedores credenciados. Nessa década de atuação, chegamos a 550 mil cartões espalhados em 96% dos municípios brasileiros. Contamos com 46 mil fornecedores credenciados e mais de 207 mil itens disponíveis para venda. A linha de crédito disponível é pré-aprovada e tem um limite de até R$ 1 milhão por banco emissor – Banco do Brasil, Banrisul, Bradesco, Caixa Econômica Federal e Itaú –, com prestações fixas ...

Ler mais ou responder

[caption id="attachment_1432" align="alignright" width="430"] Moeda social do Banco de Palmas, do Ceará[/caption] As moedas sociais foram criadas de forma a monetizar e dar, na prática, medida de valor dentro de um grupo ou comunidade. É uma moeda muito utilizada na economia criativa, tendo como lastro a riqueza do conhecimento, ou seja, os serviços e produtos que os membros desta comunidade podem produzir pelos seus próprios esforços. É uma forma moderna do bom e velho escambo, com a diferença de ter um papel social: o trabalho gera créditos (abundância de recursos) e não dívidas (escassez de recursos). Os produtos ou serviços realizados pelos membros da comunidade são precificados de ...

Ler mais ou responder

Algumas vezes, o próprio empreendedor tem os recursos necessários para realizar os projetos inovadores. Outras vezes, este empreendedor reúne sócios para ajudarem a financiar a iniciativa. Mesmo assim, uma série de projetos fica só na ideia, ou no papel, sem conseguir nascer. A Internet pode ser uma excelente aliada na hora de buscar alternativas de financiamento para realizar os projetos. Existem plataformas colaborativas por meio das quais pessoas ou equipes podem cadastrar seus projetos e conquistar o apoio de diversos colaboradores para a sua realização e o financiamento deles através do chamado crowdfunding ou financiamento coletivo. Abaixo, você vai conferir entrevista com Dorly Neto e Diego Reeberg, dois brasileiros responsáveis por plataformas ...

Ler mais ou responder