CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Desde os anos 70 quando o termo brechó se popularizou e passou a designar o comércio de artigos usados no Brasil muita coisa mudou nesse mercado. A busca agora é pelo sucesso na internet. Especialmente para os negócios que atuam no segmento de moda: ao mesmo tempo em que as lojas físicas, com atmosfera de roupas desgastadas e cheiro de naftalina, começaram a ceder lugar a ambientes arrojados e serviços agregados, o acesso à internet chegou evidenciando os brechós virtuais. Sucesso na internet Atualmente, algumas iniciativas empresariais são verdadeiras vitrines dessa transformação. São negócios que estão imprimindo status e expandindo o espaço de mercado no país, tanto que são os brechós de luxo que registram maior crescimento no Brasil, segundo o

Ler mais ou responder

Desde 2012, a presença da moda masculina vem crescendo nas passarelas do mundo todo. A estratégia também foi notada no Brasil. Especialmente na última edição da São Paulo Fashion Week, realizada no final de março deste ano, quando importantes grifes nacionais destinaram mais ênfase para esse público em suas coleções. Para quem ainda pensa que a moda masculina está apenas pegando uma carona mais espaçosa nos lançamentos das marcas, chegou a hora de pesquisar o universo de forma mais abrangente. Paris, Londres, Milão e Nova York já realizam semanas de moda exclusivas para eles e os blogs, brasileiros ou não, estão repletos de notícias sobre os eventos. Eles, por sua vez, estão ...

Ler mais ou responder
O que determina a compra da peça íntima

  Os principais motivos que impulsionam a aquisição de lingerie são aqueles relacionados à “emoção da compra”. Um estudo do IEMI (Instituto de Estudos e Marketing Industrial), realizado no final de 2013, apontou que, embora o principal motivo de compra apresentado pelas respondentes tenha sido “substituir uma peça antiga” (27,9%), a soma das razões relacionadas à emoção totaliza 68,3% dos casos. Movidas por sentimentos como querer se dar um presente, vontade de se sentir bonita e bem vestida ou sexy e sensual, na hora da escolha elas também requerem a presença de fatores como qualidade e design, sem eximir a necessidade de o produto oferecer conforto como atributo principal. Embora também queiram encontrar preços mais baixos e ...

Ler mais ou responder
Comportamento de consumo e lazer das pessoas com deficiência

O Estudo do Perfil de Turistas – Pessoas com Deficiência – cujo documento técnico foi divulgado em 2013 mostra que a grande maioria das pessoas com deficiência física tem uma vida bastante ativa. Contextualizando dados do IBGE (2010), que apontam para uma grande parcela da população brasileira com algum tipo de deficiência, o objetivo do estudo foi identificar as características, comportamentos de consumo e necessidades dos turistas (reais e potenciais) com deficiência. A partir dos resultados coletados, o que se propõem é que este conhecimento sensibilize a cadeia produtiva do turismo para a adequação dos serviços oferecidos. Foram pesquisados dois grupos distintos de pessoas com deficiência: os chamados turistas “reais” e turistas “potenciais”, ...

Ler mais ou responder
Atendimento: você já fez cliente oculto?

Em artigo publicado no Portal Administradores, a especialista em gerenciamento das relações entre empresas e clientes Débora Martins apresenta o caso de sucesso de um de seus clientes. Preocupado com as diversas reclamações que recebia, decidiu confrontar sua equipe. "Bradava em fúria, segurando dezenas de e-mails impressos em suas mãos. A equipe, amedrontada, assistia a cena sem qualquer reação", diz. A especialista explica que, obviamente, todo o discurso eloquente sobre o valor do cliente para a empresa não foi suficiente para que houvesse mudança de comportamento. Durante algumas semanas as reclamações diminuíram, mas logo o problema voltara a se repetir. "Em todas as equipes, em todas as empresas as pessoas ...

Ler mais ou responder