CADASTRAR

Entrar

Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Softwares para ajudar no agronegócio

Softwares para ajudar no agronegócio

Com a utilização de softwares, produtores rurais podem elevar sua produtividade, melhorar o controle de pragas e diminuir custos de manejo, entre outras coisas. O Sebrae cita aqui algumas linhas de softwares que podem ser de grande ajuda ao produtor rural.

sebrae mercados, tecnologia no agronegócio

O desenvolvimento de softwares para o agronegócio é uma realidade de mercado, que tem evoluído nos últimos anos e auxiliado as propriedades rurais a movimentarem está cadeia econômica de grande importância no país.

Segundo dados da Associação Brasileira das Empresas de Software (Abes), publicados no anuário Mercado Brasileiro de Software, a receita com softwares em 2012 chegou a U$ 9,67 bilhões de dólares, um aumento de 53% se comparado com o mesmo período de 2011 (U$ 6,3 bilhões).

Vejam algumas das modalidades de software no agronegócio:

Agricultura de precisão: trabalha com programas de gestão adequados a cada atividade realizada pela propriedade rural e a região em que atua, onde, por meio da variabilidade no solo e no clima, são oferecidas ferramentas para a correta utilização dos insumos e inovação no campo.

Agrometeorologia: busca estudar as consequências dos fenômenos meteorológicos na realidade da propriedade rural e sua produção agrícola ou pecuária. Para mais informações, você pode acessar o Laboratório de Agrometeorologia da Embrapa.

Manejo de pragas e doenças: as pragas e doenças são uma constante ameaça para o agronegócio, portanto, softwares nesta óptica buscam apresentar um efetivo controle sobre a população destes, assim como seu correto monitoramento e tratamento.

Análise do solo: realiza uma visualização completa do ambiente produtivo, integrando e determinando possíveis problemas nutricionais das plantas, o que aumenta a produtividade e resistência do produto cultivado. A Embrapa conta com um portal específico sobre o assunto.

Rastreabilidade: possibilita aos consumidores, beneficiadores e produtores conhecer o caminho percorrido pela produção agropecuária, permitindo ações preventivas e corretivas para melhoria na qualidade. Como exemplo, confira o sistema desenvolvido pela startup pernambucana Opará e publicado no Diário de Pernambuco em 2012.

Além destes, o livro “Estudo do mercado brasileiro de software para o agronegócio” aborda ainda os programas com previsões de demanda até 2023.

Para os pequenos negócios de TI, compreender estas tendências poderá ser fundamental para o desenvolvimento ou aperfeiçoamento de novos produtos.

Para saber mais informações acesse: Sebrae, TI no Agronegócio

Fonte: Sebrae.com.br

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosNovo na comunidade