Cadastrar

Entrar

Esqueceu a senha?

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por e-mail.

Desculpe!, Você precisa se logar para perguntar.

Você precisa se logar para postar no Blog

Simples nacional boleto em atraso: saiba o que fazer neste caso

Simples nacional boleto em atraso: saiba o que fazer neste caso

No longo prazo, o Simples Nacional boleto em atraso pode causar dor de cabeça para a empresa, mas é uma situação de fácil solução.

Isso acontece quando você atrasa o pagamento do DAS e a Receita Federal deixa de cumprir o DAS, e você pode estar sujeito a multas, juros e até multas excluídas pelo Simples Nacional.

Para evitar esses problemas, basta pagar os impostos o mais rápido possível e dar prioridade às obrigações para com o governo.

A seguir, seguiremos algumas etapas para explicar em detalhes como normalizar o Simples Nacional boleto em atraso.

Siga as instruções e mantenha-se informado sobre as autoridades fiscais.

 O que é o Simples Nacional?

A Receita Federal (Simples Nacional) é um sistema tributário que reúne os principais tributos e taxas existentes no país, a maioria composta pela Receita Federal, ICMS (nos Estados Unidos e Distrito Federal) e ISS (nos Estados Unidos Administração da Receita Federal dos Estados). Âmbito municipal). A lei é regida pela “Lei Complementar” (LC) 123/2006 e está em vigor desde 2007.

Desde o seu lançamento até hoje, ele passou por algumas mudanças importantes. O mais importante é o escopo das atividades permitidas por este sistema e a expansão do escopo das atividades.

Quais são os benefícios do método simples do país?

Uma de suas principais vantagens é a relativa simplificação dos cálculos numéricos. Este cálculo é baseado na receita total da empresa (liquidação) nos últimos 12 meses. Outra vantagem é que pode ser recolhido através de um único “guia”, nomeadamente o DAS-Documento de Arrecadação Nacional Simples.

Por meio desse sistema, muitas outras obrigações auxiliares também são eliminadas. Um deles provém do SPED-Sistema Público de Escrituração Digital, e quem optar por este sistema não terá de arcar com quaisquer obrigações.

Embora se trate de um sistema tributário que promove a arrecadação de tributos, antes de escolher essa opção, é necessário avaliar a sua alíquota com base na atividade, na abrangência do imposto e no anexo em que está inserido.

Recomenda-se que se as faixas fiscais do Simples e outra opção forem muito próximas, ou mesmo se o Simples for um valor um pouco superior, ainda valha a pena optar pelo Simples pela comodidade do sistema.

Afinal, o que restar nessa diferença acaba desaparecendo, podendo-se esquecer um dos boletos de outro sistema, o que pode resultar em multa maior do que a diferença.

O que significa o Simples Nacional boleto em atraso?

O Simples Nacional boleto em atraso significa pendencias no pagamento do DAS (Documento de Arrecadação Simplificada).

Esse documento unifica os principais tributos pagos pelos micro e pequenos empresários que optam pelo Simples Nacional e simplifica a execução de suas obrigações pela Receita Federal.

Portanto, toda empresa que pertence ao sistema tributário precisa publicar formulários de arrecadação de DAS e pagar impostos todos os meses, não deixando o Simples Nacional boleto em atraso.

O DAS normalmente expira no dia 20, ou no próximo dia útil no caso de finais de semana e feriados.

Se você esquecer ou deixar de pagar a passagem, o pagamento ficará pendente no sistema governamental.

Quais as consequências do término do Simples Nacional?

O Simples Nacional boleto em atraso fará com que a empresa fique em dívida com a Receita Federal até que o pagamento seja normal.

Ao mesmo tempo, os empresários não podem realizar nenhum procedimento envolvendo agentes e podem ter dificuldade em ganhar credibilidade no mercado.

Além disso, o Simples Nacional boleto em atraso implicará em multas e juros proporcionais ao período de inadimplência.

Em última análise, se a dívida estiver vencida há muito tempo, o IRS pode aprovar a Lei de Declaração Administrativa (ADE) para excluir a empresa do sistema pelo Simples Nacional boleto em atraso.

Caso a empresa chegue a esse ponto e receba o auto de exclusão, deverá apresentar defesa em até 30 dias e quitar a dívida no mesmo prazo.

Para os MEIs (Microempreendedores Individuais), a demora dos dois DASs fez com que o INSS perdesse os benefícios da previdência social e os riscos de não cumprimento do Simples Nacional são os mesmos.

Portanto, o pagamento pontual do DAS deve ser uma prioridade dos empresários, para evitar o acúmulo de dívidas e multas que prejudicariam o orçamento e até mesmo a normalidade da empresa.

O Simples Nacional boleto em atraso deve ser considerados evasão fiscal?

Não, o Simples Nacional boleto em atraso é considerado apenas uma infração administrativa, e não uma sonegação fiscal.

Portanto, o empresário que com Simples Nacional boleto em atraso será considerado quebra de contrato, mas não constituirá crime contra a ordem fiscal.

De acordo com a Lei nº 8.137, de 27 de dezembro de 1990, são crimes relacionados à tributação:

  • Informações ausentes ou declarações falsas às autoridades agrícolas
  • Realizar fiscalizações fiscais fraudulentas em documentos ou livros de contas exigidos pela legislação tributária, inserir elementos incorretos ou omitir operações de qualquer natureza
  • Falsificar ou alterar faturas, faturas, cópias, pedidos de venda ou quaisquer outros documentos relacionados a transações tributáveis
  • Prepare, distribua, forneça, publique ou use documentos que você sabe ou deveria saber que são falsos ou imprecisos
  • Quando aplicada, recuse-se a fornecer ou recuse-se a fornecer faturas efetivamente executadas ou documentos equivalentes relacionados à venda de bens ou serviços, ou fornecer em violação da lei.

4 etapas para quitar o Simples Nacional boleto em atraso

O Simples Nacional boleto em atraso, é um processo simples que pode ser realizado 100% online.

Passo a passo para regularizar o Simples Nacional boleto em atraso

Visite o site do Simples Nacional

O primeiro passo para o Simples Nacional boleto em atraso é acessar o site oficial e selecionar as opções PGDAS-D e DEFIS.

Para acessar o sistema, é necessário utilizar um certificado digital ou gerar um código de acesso – basta inserir o CNPJ da empresa, CPF e caracteres de segurança.

Se você usar um código de acesso, guarde essas informações para outras etapas.

2. Emita uma cópia do boleto

Após efetuar o login no Simples Nacional, basta clicar em “Publicar o DAS Simples Nacional / Atualizar pela 2ª vez pelo Boleto”.

Você terá que usar o código de acesso ou certificado digital novamente para emitir documentos do Simples Nacional 2 via do boleto atrasado.

3. Verifique o valor do ingresso

O próprio sistema do Simples Nacional recalculará o valor do boleto DAS e considerará as multas e os juros decorrentes do atraso.

A penalidade após o pagamento é de 2% ao mês calendário ou parte do imposto informado no documento, com limite de 20%.

4. Pague a 2 via simples nacional atrasado

Por fim, basta gerar boleto do Simples Nacional, efetuar o pagamento em agência bancária, caixa eletrônico ou banco online, e você já pode normalizar seu Simples Nacional boleto em atraso.

Depois de resolver o problema, marque o pagamento do DAS na agenda e evite ficar para trás com o IRS novamente e não gerar boleto DAS em atraso.

No caso do MEI, o que o Simples Nacional deve fazer?

Se você for MEI, o processo de regularização do Simples Nacional boleto em atraso ficará mais fácil.

Basta entrar no programa gerador de DAS do microempreendedor individual, clicar em “Guia de pagamento DAS emitido” e selecionar o ano atual para prosseguir em como imprimir Simples Nacional boleto em atraso.

Aqui, você pode selecionar o mês a ser pago e, em seguida, selecionar a nova data de vencimento para permitir que o sistema calcule automaticamente os juros e a multa.

Em seguida, basta clicar em “Emitir DAS” e a fatura vencida costuma ser paga no prazo estipulado.

Posso parcelar o Simples Nacional boleto em atraso?

Se o valor final do Simples Nacional boleto em atraso for muito pesado para o seu bolso, você pode parcelar o débito na Receita Federal.

Existem duas maneiras de se inscrever para um contrato:

Pelo Portal do Simples Nacional, com certificado digital ou código de acesso na opção “Parcelamento”

Pelo Portal e-CAC da RFB, no serviço “Parcelamento – Simples Nacional”, com certificado digital ou código de acesso gerado no e-CAC.

Dessa forma, você pode parcelar as dívidas em até 60 vezes e parcelas mínimas de R$ 300,00.

Como se manter dentro dos prazos?

Agora que você já entendeu mais sobre o Simples Nacional boleto em atraso, com certeza deve querer saber como alavancar suas vendas e se manter seguro perante a lei.

Além de ficar totalmente tranquilo em relação a sua gestão financeira, contando com a gestão tributária e fiscal, para estar em dia com as conformidades da lei, indicamos fortemente o serviço de um contador. Com este profissional você terá:

  • Otimização de seu tempo, fazendo com que você foque no que realmente interessa: produzir;
  • Gestão assertiva, pois no momento econômico que estamos vivendo, erros podem ser fatais para o futuro de seu negócio;
  • Redução de impostos, adequando seu regime tributário;
  • Maior tranquilidade e segurança de seu negócio, criando uma base forte para seu empreendimento crescer;
  • Investimento inteligente do seu dinheiro, e corte de gastos seguro, sem impactar diretamente na qualidade do seu serviço;
  • e muito mais!

Encontrando o melhor escritório contábil

Para que você possa encontrar o melhor escritório de contabilidade para te auxiliar no processo de Simples Nacional boleto em atraso e ser um empreendedor, primeiramente será necessária uma avaliação de seu cenário. Compreenda sua realidade e o que você mais precisa:

  • Otimização de tempo com pouca necessidade de serviço personalizado;
  • Consultoria, abrangência total dos serviços contábeis, além de atendimento personalizado;
  • Meio termo entre os dois acima previsto no seu projeto.

E ainda suas preferências:

  • Contabilidade com atendimento físico (reuniões e planejamentos em conjunto), facilitando ainda mais cada processo;
  • Escritório de contabilidade online, onde você só entrega as demandas fiscais, tributárias, financeiras, entre outras;
  • Contabilidade com sistema online, mas serviço pensado especialmente para você;
  • Prefere baixo custo?
  • No seu cenário, prefere o custo-benefício?
  • Ou da prioridade para a qualidade do serviço, pouco se importando com o valor?

E se te dissermos que você pode encontrar com apenas alguns cliques o contador terceirizado que falta em sua empresa?

Mas se ainda te falarmos que você pode receber até 4 orçamentos de forma totalmente GRATUITA? E assim dar andamento aos seus processos legais para emitir notas fiscais e outros documentos!

Então, se isso te chamou a atenção, nós temos uma solução incrível para você!

Veja como receber até 4 orçamentos de contadores credenciados ao CRC

A Plataforma 4 Mãos te conecta com até 4 contadores, que avaliarão o seu perfil empresarial e escolherão os modelos de negócio que mais se encaixarem com o escritório deles.

Você ficará satisfeita com o serviço e o contador poderá te atender do jeito que você espera. Cadastre-se no site e escolha suas preferências, evidenciando suas necessidades!

Você pode optar, por exemplo, pelo melhor custo-benefício ou melhor preço. Tudo irá variar de acordo com o que você precisa, seria um método de simplificar este contato entre empreendedor e contador.

Ressaltamos que o cadastro para receber os orçamentos é gratuito. Tenha o poder de escolher o que é melhor para você e o que irá se adequar a sua necessidade e realidade!

Cadastre-se ou entre em contato com nossa equipe!

E se gostou do conteúdo sobre Simples Nacional boleto em atraso, continue acompanhando nossos próximos posts e deixe um comentário para nós!

You must login to add a comment.

Posts relacionados