CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Seu hobby pode render boas oportunidades de negócio

Seu hobby pode render boas oportunidades de negócio

São muitas as atividades que podem ser classificadas como hobby. É comum encontrar pessoas que têm talento para o artesanato, para preparar doces em conserva ou trufas, criar e montar bijuterias, entre outros, e que acabam sendo consumidos e, de certa forma, testados por familiares e amigos, quando poderiam estar no mercado.

“Ganhar dinheiro fazendo aquilo que dá prazer é a maior realização do empreendedor” – afirma o consultor do Sebrae-SP, Reinaldo Messias. Ele destaca que com persistência e dedicação é possível transformar em realidade o que parece um sonho distante. “São inúmeros os casos de empreendedores que, além de realizados com sua empresa, demonstram felicidade pelo que fazem e que isso começou como um hobby. A partir do momento que o ‘hobbysta’ percebe poder transformar sua habilidade e gosto em uma atividade potencialmente comercial, começa a despertar o espírito empreendedor que tem dentro de si.” Ter a veia empreendedora e conhecer as possibilidades do produto ou serviço são aspectos fundamentais para quem pensa em embrenhar-se em um novo negócio. Messias sugere um teste de mercado que pode ser uma abordagem presencial (porta a porta, reunião de amigos, etc) ou virtual (um blog, um site ou mesmo as redes sociais). “Geralmente é um processo de curta duração e serve para se ter uma ideia da potencialidade do hobby como gerador de negócio. É o momento de obter informações e detalhes que podem mudar o formato inicial, cores, sabor e melhor canal para realização das vendas.

Para que o hobby possa se transformar em um negócio será necessário conhecê-lo muito bem em todos os seus detalhes como estrutura operacional, investimento a ser feito e lucratividade a ser obtida. Essas informações vão compro o plano de negócios, documento escrito que define o produto ou serviço a ser comercializado, o formato de empresa mais adequado, o modelo de operação que torne viável oferecer esses produtos ou serviços no mercado, além de conhecimento, habilidades e atitudes que os responsáveis pela empresa deverão possuir e desenvolver. “Quanto melhor o planejamento, maior será a chance de sucesso”, orienta Messias.

Dicas para profissionalizar o passatempo

  • Procure adequar as características do seu hobby ao público que deseja atingir;
  • Crie um cartão de visitas que identifique você e seu hobby, ande sempre com ele e não perca a oportunidade de distribuir;
  • Crie um portfólio (digital ou impresso) e divulgue para seus contatos;
  • Participe de feiras e eventos ligados ao seu hobby e se torne conhecido no meio;
  • Caso não tenha loja própria, procure parcerias que ajudem a promover sua atividade;
  • Estimule mais pessoas a conhecer sua atividade escolhendo os meios certos de comunicação para isso;
  • Comece pequeno, mas sempre com grandes sonhos planejados;
  • Aprimore suas técnicas e práticas de gestão de empresa;
  • Conheça mais sobre a figura do Micro Empreendedor Individual – MEI e formaliza-se;
  • Busque conhecer bem seus gastos e despesas desde o início, ninguém sabe se a empresa está dando certo sem medir os resultados.

 

Acompanhe outros conteúdos como esse no site do Sebrae Mercados.

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae