CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Perguntar é uma funcionalidade apenas para usuários registrados.
Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar


CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Pronto para o comércio móvel?

Escrito por Marcelo Brandão
A Payfone (serviços de pagamento móvel) agora também funciona com a plataforma de pagamentos da rede American Express, oferecendo aos seus clientes a possibilidade de usar seus telefones móveis para pagarem sua contas.Para ajudar a diminuir o risco de roubo de identidade, o sistema Payfone se utiliza do cartão SIM do telefone móvel como dispositivo de identificação e localização de cada conta.Segundo a Payfone, o conceito de utilização de celulares para pagamento de contas tem grande potencial, já que mais de 5 bilhões de pessoas no mundo têm celulares. Porém, ainda existe uma barreeira: somente 2000 milhões de pessoas possuem cartões de crédito.A American Express parece bastante interessada nesta opção de pagamento emergente. A empresa foi a maior investidora nos últimos 19 milhões de dólares injetados para o financiamento do Payfone. Outros contribuintes incluem: BlackBerry Partners Fund, Opus Capital, Rogers Communications, RRE, e Verizon Ventures Investments Inc.Até o momento, o interesse do cliente em pagamentos móveis tem sido tímido nos EUA. Muitas das empresas de cartão de crédito ainda estão à margem deste sistema, esperando um amadurecimento desta nova a tecnologia.Com a aprovação da American Express, esse cenário pode estar mudando. Apesar das pequenas e médias empresas não terem entrado de imediato neste novo modelo, elas deverão, ao menos, começarem a pensar em como isso afetará o seu negócio e como poderão integrar esta nova opção de pagamento em suas operações.Fonte: InformationWeeek
Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae