CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Produtores e mercados de piscicultura: momento de aproximação

Produtores e mercados de piscicultura: momento de aproximação

019---01---Produtores e mercados de piscicultura

O consumo de pescado está em alta no mundo inteiro e cada vez mais procurado pela população, em todas as faixas de renda. A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda o consumo de, pelo menos, 12 quilos por habitante/ano.

Nunca se teve uma demanda tão alta por produtos saudáveis e, ao mesmo tempo, nutritivos. Os peixes participam dessa tendência, pois reúnem características nutricionais importantes. O alimento é altamente digestível, devido a sua composição proteica; rico em ácidos graxos poli-insaturados, principalmente ômegas 3 e 6; e importante fonte de vitaminas e minerais.

Nesse sentido, destaca-se a importância da aproximação entre o setor produtivo e os mercados potenciais com essas características. A cada dia, observa-se um incremento da participação no consumo doméstico e ampliam-se as ofertas deste produto nos mercados varejistas.

Onde vender?

Os pescados são muito apreciados pelo setor gastronômico especializado, proporcionando pratos requintados, principalmente por meio da exploração de características regionais. Também neste segmento, destaca-se a culinária japonesa, que vem se estabelecendo nas principais capitais brasileiras.

Outro mercado interessante é o institucional, com destaque para a merenda escolar. Atualmente, existem incentivos para a utilização de produtos locais da agricultura familiar nestes mercados, gerando oportunidades para pequenos empreendedores e proporcionando novas possibilidades de segurança alimentar. É importante destacar o potencial de eventos gastronômicos como a semana do peixe, que incentiva o consumo de pescados.

Cuidados

Na piscicultura, os principais fornecedores que o produtor e o empresário devem se preocupar são: de alevinos, o que garante o padrão zootécnico e o produto final; e o de ração, pois é nesse segmento que está o principal insumo.

É importante que o empreendedor tente negociar o melhor preço da ração, seja comprando em grandes quantidades ou se associando a outros produtores para negociação de preço e logística. Isso faz com que seu custo de produção diminua. A localização geográfica dos empreendimentos também deve ser considerada, pois regiões com difícil acesso ou muito distantes das fábricas de ração e demais insumos e equipamentos podem ser decisivas para o sucesso do empreendimento.

Informe-se mais sobre o setor e aumente sua competitividade, por meio do estudo: http://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/Busca?q=Pesca%20e%20Aquicultura

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae