Loja virtual Facebook X Mercado Livre?

Pergunta

Olá pessoal boa tarde,

Então, criei uma página a partir dela uma loja no segmento roupas feminina Plus Size, adquirir dez peças de roupas de boa qualidade fornecedor de Goiânia, formalizei cadastro nas plataformas de pagamentos confiáveis como pagvenda e PagSeguro bank voará atender não só Salvador. Por fim agora cadastrei a peças no MercadoLivre que é uma potência no mercado eletrônico. Daí pergunto porque as vendas não deslancham não sei mais o que fazer para atingir o nicho escolhido. Se tiver alguém que passou ou está na mesma situação o que tá fazendo para atingir o objetivo VIVER DO COMÉRCIO ELETRÔNICO. Especialistas conto com sua prática e experiência

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!
respondida 0
, , Barbara Silva 1 ano 2020-01-10T20:22:46-03:00 3 Respostas 402 visualizações 0

Respostas ( 3 )

  1. Boa tarde Barbara. Para vender, não importa qual seja o negócio, é preciso satisfazer o cliente. Na internet, a lógica é a mesma. Mas, para alcançar sucesso no universo online, é preciso estar atento a fatores-chave do mercado digital. Caso contrário, por maior que seja o esforço, as vendas na web podem não decolar. O back office de loja virtual inclui logística, gerenciamento de pedidos, estoque, relatórios e faturamento.

    1. Esteja preparado para entrar na internet

    Antes de dar o primeiro passo, é preciso entender o que está por trás de um e-commerce: quais investimentos são necessários, quem são os parceiros, fornecedores, clientes e concorrentes, como será a estratégia de marketing… Elabore um Plano de Negócios. Tenha em mente, também, que é possível concorrer em nichos nos quais o pequeno negócio poderá ser mais eficiente, ou no mercado de massa, em que a competição será basicamente por preço.

    2. Tenha um site 100% funcional

    Tudo o que estiver disponível no site deve funcionar da melhor forma possível. O cliente precisa ter facilidades ao entrar na loja. Caso contrário, ele desiste em um clique e dificilmente voltará. Os problemas mais comuns são: site lento, imagens muito pequenas, grande quantidade de anúncios, pouco contraste entre fundo da página e cor de letra inadequada.

    3. Seja verdadeiro

    Deve-se evitar prometer o que não se pode cumprir. Também é bom não deixar o cliente confuso, por exemplo, sobre a cobrança de frete ou o prazo de entrega. Isso proporcionará confiabilidade ao site e poderá ser fator decisivo de compra. Já em termos legais, o empreendimento deve alinhar-se às regras obrigatórias para funcionamento de lojas virtuais.

    4. Possua obsessão pela logística

    Não existe contato físico na compra pela web, e isso gera uma grande expectativa no cliente para receber a mercadoria. O tempo de espera deve ser igual ou menor que o prazo acordado no site e a mercadoria precisa chegar impecavelmente embalada. Sempre!

    5. Ofereça multicanais ao cliente

    É necessário estar presente nas redes sociais, criar um blog, ter um chat ou um e-mail específico para o atendimento ao cliente, além de ter um número de telefone bem visível no site. É muito importante facilitar ao máximo o acesso do cliente ao negócio, pois o comprador pode sentir a necessidade de contatar a loja antes, durante e depois da compra.

    6. Monte uma equipe preparada e bem treinada

    Para cuidar do conteúdo, do design, de questões relacionadas à tecnologia da informação e ao marketing. Todos esses profissionais devem conversar, interagir, integrar-se para que se alcance êxito no trabalho que cada um executa.

    7. Anuncie

    Uma boa maneira é começar fazendo testes com pequenos investimentos e medindo os resultados (verificando se houve aumento de cliques, de visitas e de vendas). Há muitas maneiras de fazer anúncios na internet: por links patrocinados (destaques do empreendimento em mecanismos de busca como Google e Yahoo) ou pelas mídias sociais.

    8. Invista em SEO (Search Engine Optimization)

    A tradução do termo, Otimização para Mecanismos de Buscas, já diz muito. O trabalho de SEO é otimizar um site e direcionar os motores de busca para dar destaque ao conteúdo. Hoje, os sites de busca são a principal fonte de procura de informações pelos que navegam na web. Portanto, ter um site bem posicionado nesses buscadores é fundamental para ser visto.

    9. Tenha um site seguro

    Há diversas empresas que oferecem serviço de proteção ao site, análise de vulnerabilidades e bloqueio de ataques para garantir operações seguras. É preciso avaliar a solução ideal para o porte do negócio, mas não se pode deixar de garantir segurança ao cliente no momento da compra, pois este é um dos fatores mais determinantes de compra no mercado digital.

    10. Invista na gestão do negócio

    O Back Office (“a parte de trás do balcão”) representa a estrutura física completa dos bastidores do website de uma loja virtual e é fundamental gerenciá-lo para garantir que o produto adquirido pelo cliente seja entregue de acordo com as especificações e o prazo combinado.

    Vender na internet: conheça 10 dicas de sucesso.

    Como utilizar as redes sociais para promover o seu negócio.

    Curso gratuito Como Vender pela Internet.

    0
    2020-01-13T01:35:54-03:00

    O problema não é o mercado, porque segundo notícias recebi recentemente, ele é bem promissor. Não sei bem ao certo com quais empresas está disputando o espaço de vendas no ML ou se está usando os serviços dele sem exposição/ realmente não sei.

    Más com toda certeza tem muita gente lucrando nesse segmento. Recomendo que reveja suas campanhas de marketing e use outros canais como Instagram, sites de classificados e selecione vendedores comissionados para trabalhar para você.

    Boa sorte 🙂

    0
    2020-07-21T13:14:31-03:00

    Olá Barbara

    Para ajudar a sair desta verdadeira encruzilhada em que você se encontra, sugiro que você leia os artigo que estou indicando abaixo:

    Um grande abraço e sucesso!

Deixe uma resposta

Desculpe, você não tem permissão para responder a esta pergunta.