Lorena Alves Dias Santana
  • 0
Novo na comunidade

Gostaria de saber como planejar a abertura de uma loja de roupas infantis?

  • 0

Loja pequena de roupas de 0 à 10 anos. Como planejar o que vou gastar para abertura dessa loja. Como precificar os produtos?

Perguntas relacionadas

2 Respostas

  1. Boa tarde Lorena. Antes de montar uma loja de roupas infantis, procure realizar uma pesquisa de mercado com o objetivo de verificar quantas crianças existem na sua região. Uma forma de obter esse número é consultar o site do IBGE. Dessa forma, pode-se mensurar o número potencial de clientes para a sua loja e se a abertura dela é realmente viável como negócio.

    1- Faça uma pesquisa de mercado

    Avalie também, com atenção, o público-alvo. É necessário ter em vista a faixa etária das crianças que a sua loja atenderá, quais tipos de roupas elas costumam vestir e a renda dos pais, os reais compradores. Caso a região escolhida seja conhecida por ter moradores menos abastados financeiramente, por exemplo, não faz muito sentido abrir uma loja que vende roupas muito caras, de grife, para crianças.

    Procure também ficar atento às tendências infantis da atualidade, já que as crianças também influenciam nas compras dos pais. Fatores culturais, tais como os desenhos animados e super-heróis mais populares do momento, devem ser levados em consideração na hora de compor o seu estoque. Busque ter em sua loja produtos que sejam inspirados no imaginário das crianças.

    2- Escolha um bom ponto de venda

    Se você deseja ser dono de uma loja de roupas infantis, busque uma região cuja localização seja ideal para instaurar o comércio. Faça uma pesquisa de campo para avaliar se o local de sua escolha realmente necessita de uma nova loja de roupas infantis. O lugar precisa ser estratégico e deve ser um ambiente onde haja um grande fluxo de pessoas interessadas em comprar roupas para crianças.

    Pense no tamanho que você deseja para a sua loja. A estrutura precisa ter espaço para estoque, provadores, vitrine e caixas e ser aconchegante para os clientes. A contratação de funcionários vai depender do tamanho da sua loja.

    Quanto ao ponto de venda, analise ainda outros aspectos, como a forma de promover a loja na região, o estacionamento para clientes, o fluxo diário de pedestres e a facilidade para chegar à loja por meio de transporte público. Shopping centers são pontos de venda ideais. Contudo, há outras localizações também interessantes. Faça uma boa pesquisa para encontrar o local ideal para o seu negócio.

    3- Estude a sua concorrência

    Cheque quantas lojas de roupa infantil há no seu entorno. Faça uma listagem das principais e confira, com os próprios olhos, como a concorrência local opera. Analise os produtos que o concorrente oferece, a organização dos espaços, as formas de pagamento, os atributos do negócio alheio, as falhas na operação, a qualidade do atendimento e o que mais você conseguir enxergar.

    Procure aprender com eles e a suprir demandas que eles não costumam dar a seus clientes. Não tente copiá-los, mas sim oferecer soluções melhores. Tenha sempre um diferencial na sua loja para atrair mais clientes.

    4- Encontre bons fornecedores

    Busque se aliar a marcas que são sucesso de vendas. Uma boa forma de averiguar isso é visitar as lojas dos concorrentes para saber quais são os produtos mais vendidos. Você pode ainda realizar uma pesquisa online para encontrar fornecedores mais exclusivos. Não esqueça de sempre atualizar o seu estoque com as novidades do momento.

    Tente encontrar roupas com preço acessível para revenda e de boa qualidade. Não deixe de lado os conhecimentos em importação, já que é possível adquirir peças de roupa de países estrangeiros pagando pouco e conseguindo um lucro considerável.

    5- Recrute funcionários

    Os colaboradores são de extrema importância para o funcionamento de uma loja de roupas infantil, já que é com eles que é feito o primeiro contato com clientes. Escolha vendedores e gerentes que compreendam a especificidade do público-alvo, saibam se comunicar com os pais e tenham paciência para lidar com crianças.

    O seu time de vendas e atendimento precisa ter bom senso e tato para encantar os clientes da loja. Portanto, treine-os adequadamente. É preciso levar em conta o funcionamento da mente dos pais, de não apenas vestir os seus filhos, como também vesti-los bem e deixá-los felizes.

    6- Crie uma loja virtual

    Após montar uma loja de roupas infantis, cogite a possibilidade de também abrir uma loja virtual. Dessa forma, você pode se beneficiar criando novas possibilidades de receita, já que o número de clientes que você pode alcançar pela web é bem maior do que na loja física.

    Criar uma loja virtual de roupa infantil pode se tornar algo muito lucrativo. Procure gerar estratégias de vendas exclusivas para a rede, como bom atendimento via chat e promoções ofertadas nas redes sociais. Para montar a sua loja virtual, escolha a plataforma de venda ideal. É preciso que ela seja flexível para ser alterada conforme as suas necessidades. Um bom site faz toda a diferença para a gestão do negócio e para a experiência do cliente.

    Montar uma loja de roupas infantis é um investimento que vale a pena de ser feito. Procure pesquisar, com atenção, os pontos colocados ao longo deste artigo e busque bons fornecedores e produtos de qualidade para a sua loja. Sobre o espaço da loja, não esqueça os pequenos e crie uma decoração lúdica para encantá-los enquanto experimentam as roupas. Pode-se também criar uma área recreativa para as crianças brincarem.

    Fonte: https://www.escoladeecommerce.com/artigos/6-passos-para-montar-uma-loja-de-roupas-infantis/

    Vestuário infanto-juvenil: aposte em um mercado crescente no país.

    • 0
  2. Abri um negócio próprio requer busca de informações necessárias para análise e decisão para implantar, e faz-se necessário a elaboração de um bom plano de negócio. O qual permitirá analisar pontos fundamentais para sua implantação, e busca do sucesso desejado com este negócio, vejamos alguns pontos do planejamento.

    Definição do negócio – escolha do produto ou serviço a ser executado, fundamentalmente pesquisar como esta atividade funciona, se você se identifica com este produto/serviço, gostar de fazer, se tem perfil.

    Pesquisar – pesquisa e organização informações do mercado que ira atuar, na sua cidade/região, tais como: localização, concorrentes, fornecedores, investimento e capital necessário para investir, capital próprio ou de terceiros “bancos”, marketing, custo de manutenção, capital de giro, clientes e volumes de clientes, retorno do investimento.

    Estes pontos e outros necessários, são elementos para montagem do plano de negócio, o qual terá também escolha e definição que tipo de empresa será aberta, como exemplo: Sociedade Ltda, EIRELI, Empresário Individual ou Microempreendedor Individual. Órgãos envolvidos no processo de abertura de sua empresa, custo/taxas para abertura, tempo hábil e documentos necessários.

    Busque uma capacitação, cartilhas, guias de informações, e outros para que tenha informações/roteiro para elaboração de um plano de negócio, e analise a viabilidade ou não de seu negócio.

    • 0

Deixe uma resposta

Você precisa se logar para responder