Leandro Mesquita
  • 0
Novo na comunidade

Como criar minha marca de roupa infantil?

  • 0
Como criar minha marca de roupa infantil?

Perguntas relacionadas

2 Respostas

  1. Essa resposta é editada.

    Boa tarde Leandro. Criar uma marca de roupa oferece inúmeras vantagens a quem vende vestuário, principalmente por possibilitar ter margem de lucro maior do que somente vender produtos de fornecedores parceiros.

    Mas o processo de produção não é nada simples. Além de exigir investimento, demanda tempo e a realização de uma série de etapas, como elaboração do projeto, conceito da marca e logotipo, tecidos que atendam às suas necessidades de acordo com o orçamento disponível, desenvolvimento de protótipo, parceria com uma fábrica e estratégias de marketing e vendas.

    1- Conceito da marca

    A marca é um conjunto de expectativas, ideologias, memórias, histórias e características que, juntas, são responsáveis pela decisão de um consumidor escolher um produto ou serviço em detrimento de outro. Além de evoluir ao longo do tempo, também pode ter características como clássica, moderna, jovial, dinâmica e tradicional. Conheça alguns elementos que compõem uma marca:

    Pilares da marca: geralmente são cerca de três a quatro palavras-chave ou atributos que incorporam o que é sua marca (que alguém pode utilizar para descrevê-la) e servem como ponto de partida para o desenvolvimento da personalidade da marca.

    Promessa da marca: o que você trabalha para entregar, ou seja, quais benefícios os clientes podem esperar em cada interação com a sua marca.

    Missão da marca: é uma declaração do propósito da sua marca, sua razão de existir além de obter lucro. Estipular uma missão ajuda a orientar as ações da sua empresa e a tomada de decisões.

    Nome da marca: pense em um nome que seja fácil de memorizar, tenha a ver com seu projeto e não tenha sido registrado por outra pessoa.

    Linguagem: é o tom e o estilo de texto que você utiliza em todas as comunicações com o cliente.

    Ativos visuais: englobam desde a aparência do site, a paleta de cores utilizada, o logotipo, anúncios até a embalagem e a experiência unboxing.

    2- Busque matérias-primas

    Com o projeto de criação da marca de roupa e o planejamento financeiro em mãos, será a hora de buscar fornecedores de tecidos e demais matérias-primas que atendam suas necessidades de acordo com o orçamento disponível. Pesquise empresas que vendam apenas os tecidos em larga escala e confecções que além de fabricar as roupas também fornecem as matérias-primas. Avalie as exigências do contrato, como número mínimo de pedidos, qual o tempo entre o pedido e a entrega do material e devolução em caso de defeitos.

    3- Procure uma fábrica

    As orientações são praticamente as mesmas na busca por matérias-primas. Faça um comparativo entre as empresas de acordo com o preço, quantidade mínima de pedidos, qual o tempo entre o pedido e a entrega do material e processo de devolução em caso de defeitos. Não tenha medo de negociar o valor e fazer uma contraproposta.

    4- Faça um protótipo

    Construa o modelo de uma peça da sua marca de roupas e apresente a uma lista selecionada de potenciais compradores. Essa é a principal maneira de avaliar seus potenciais riscos de forma rápida e eficaz, já que exigirá investimento bem menor do que a produção em larga escala e permitirá implementar possíveis mudanças antes que a credibilidade da sua marca seja abalada.

    5- Desenvolva estratégias de marketing e vendas

    Nesta etapa, será fundamental investir em ações de marketing para o lançamento da sua linha de roupas. Leve em consideração divulgações com assessoria de imprensa, anúncios pagos, ações com influenciadores, redes sociais e campanhas de e-mail marketing. Algumas empresas também investem em eventos de lançamento. Para organizar essa etapa, estruture seu plano de marketing em planilhas do Excel.

    Lembre-se de também priorizar ações pós-venda para encantar os clientes e aumentar as chances de fidelização. Além de responder de maneira educada e prestativa todas as dúvidas do consumidor, crie mecanismos para melhorar a logística da sua loja virtual e encaminhe e-mails com ofertas exclusivas para estimulá-lo a comprar novamente seu produto.

    Fonte: https://www.mandae.com.br/blog/como-criar-uma-marca-de-roupa-propria/

    • 4
  2. Boa tarde Leandro. tudo bem?

    Criei uma marca de roupa masculina a dois anos atras  e falo pra você que antes de focar no próprio produto, desenvolva o seu canal de venda. Seja ele por ecommerce, atacado ou loja física.

    Proposta de valor e propósito é super importante, mas não é o que te mantém no começo da jornada.

    Bate de loja em loja, encontre bons fornecedores, venda para amigos e guarde o seu dinheiro para continuar investindo na marca.

    Existe essa plataforma em que você pode marcar uma sessão comigo e tirar todas as suas dúvidas. Se tiver algum interesse pode me falar, abraço!

    https://www.ementor.com.br/mentor.html?id=60

    • 1

Deixe uma resposta

Você precisa se logar para responder