Como calcular o preço de vendas dos meus produtos?

Pergunta

Boa tarde, tenho perguntas que não consegui responder e entender bem mesmo com o curso. Ainda não consigo calcular o preço de vendas dos meus produtos. Eu já tenho os gastos fixos mas não sei inserir e pensar na melhor forma, pagar TB os gastos que tive na compra do material. Foi a primeira venda e não quero ficar insegura com isso mais

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!
respondida 0
Ana Camila 6 meses 2 Respostas 191 visualizações Novo na comunidade 0

Respostas ( 2 )

  1. Calcular o preço de venda de um produto requer conhecimento e cálculos para definição de preço de venda mais adequado. Será necessário conhecimento dos preços da concorrência, os custos de aquisição dos produtos ou insumo, custos fixos e variáveis da empresa/atividade.

    De regra geral o preço de um produto, se define com o total dos custos e despesas, impostos e o lucro desejado/esperado. Preço de venda = custos + despesas + lucro esperado.

    Fórmula de cálculo:

    Pelo Markup – utilizando os custos fixo e variáveis, lucro esperado

    MARKUP = 1 / (1 – (DF% + DV% + ML%))

    Pela Margem de contribuição – utilizando custos e despesas, lucro desejado

    MC (%) = Margem de contribuição / Preço

  2. Boa tarde Ana. Quais são os seus gastos? Como formar o seu preço de venda? Você sabe se está tendo lucro ou prejuízo ao formar o preço do seu produto ou serviço? Assista ao vídeo abaixo.

    📹 O que iremos contar para você nesse vídeo:

    1 – Conhecer os gastos fixos e variáveis do seu negócio;

    2 – Entender o que é margem de contribuição;

    3 – Calcular o preço de venda;

    4 – Encontrar o ponto de equilíbrio operacional.

    🔹 Na primeira parte são abordados conceitos sobre gastos fixos e variáveis do negócio, além de identificar o erro comum do empresário: colocar como prioridade a qualidade do produto ou serviço, sem analisar que o sucesso não depende apenas desse único fator. Como primeira dica, trazemos a organização das contas e a importância de separar o que é dinheiro da empresa e o que é particular.

    🔹 Continuando a explicação acerca dos conceitos de gastos fixos e variáveis do negócio, trazemos: os gastos podem ser separados entre custos e despesas, onde considera-se como custos quando os recursos são utilizados para a produção de um bem ou um serviço; e como despesas quando os recursos são utilizados para a gestão do empreendimento.

    🔹 Já os gastos são os recursos consumidos no empreendimento para comprar algum produto ou serviço para a produção e a gestão do negócio. Como definição de gastos fixos, apresenta-se: são os gastos que existem mesmo que nenhum produto ou serviço seja comercializado em um determinado período, enquanto os gastos variáveis: são gastos que só existirão caso ocorra produção e/ou comercialização de algum produto ou serviço.

    🔹 Durante a explicação são apresentadas tabelas que auxiliarão o empresário a realizar as contas do seu próprio negócio. Já na segunda parte do vídeo apresentam-se conceitos sobre margem de contribuição. O recurso para cobrir os custos fixos e variáveis da empresa é o resultado de como o empresário administra o seu negócio, de modo que a cada mês você tenha uma margem de contribuição, que é obtida com a venda do seu produto ou serviço.

    🔹 O termo margem de contribuição tem um significado igual ao termo ganho bruto sobre as vendas. Isso indica o quanto sobra das vendas para que a empresa possa pagar suas despesas fixas e gerar lucro. Para encontrar a margem de contribuição, o empresário deverá fazer a seguinte conta: Margem de contribuição = valor das vendas – (custos variáveis + despesas variáveis).

    🔹 Na terceira etapa do vídeo traz conteúdo relacionado ao cálculo do preço de venda, onde exemplifica com o negócio do José, que comercializa doces. A partir do exemplo, calcula-se o preço de venda. A seguir, apresenta-se ferramenta para calcular o preço de venda de produtos que têm seus preços iguais: o markup. Trata-se de um método de precificação com base no custo. Desta forma, o empresário pode trabalhar com mais de um markup por produto, dependendo do lucro a ser estimado. Aprende-se no vídeo a fazer análises do markup, entender o resultado obtido e explicações caso o preço de venda esteja muito diferente do preço dos concorrentes.

    🔹 Na quarta e última etapa, orienta o empresário a encontrar o ponto de equilíbrio. Após calcular o preço de venda do produto, conhecer a margem média praticada e saber os gastos fixos, será possível estimar quanto deve vender para não ficar no prejuízo. Calcular o ponto de equilíbrio operacional é muito importante e vai ajudar o empresário a ser vigilante sobre qual margem praticar e, também, no momento de rever os seus gastos fixos.

    🔹 E para finalizar apresenta-se como calcular o lucro através da fórmula: vendas totais menos gastos variáveis totais é igual à margem (sobra) total menos gastos fixos, que é igual ao lucro. Ao conhecer os gastos fixos e variáveis e estipulando a margem que se deseja alcançar, será possível formar o preço de venda.

Deixe uma resposta