CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Pequenos negócios geram 47 mil empregos em janeiro

TrabalhoOs pequenos negócios foram os principais responsáveis pelo saldo positivo no mercado de trabalho brasileiro no mês de janeiro. As pequenas e micro empresas registraram um saldo líquido – descontadas as saídas no mês – de 47,7 mil novos empregos, enquanto que as médias e grandes empresas fecharam 19,3 mil vagas. Os dados fazem parte da análise feita mensalmente pelo Sebrae com base nas informações do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

O saldo positivo, considerando o registrado entre as empresas privadas e a Administração Pública (que criou 1,2 mil postos de trabalho), foi de 29,6 mil vagas em janeiro, superando em 2,4% os números do mesmo mês de 2013. “O resultado da criação de novas vagas mostra que os pequenos negócios respondem melhor e mais rapidamente às sinalizações do mercado consumidor interno”, afirma o presidente do Sebrae, Luiz Barretto.

O setor de Serviços contabilizou no primeiro mês do ano 29,4 mil novas vagas nas micro e pequenas empresas, puxado pelo segmento de Administração de Imóveis (19,1 mil postos). Já entre os pequenos negócios da Construção Civil foi computada a abertura de 25.935 postos no mesmo período. “A alta sazonal dos investimentos em infraestrutura durante o ano eleitoral, as concessões, as parcerias público-privadas e o aumento na quantidade de lançamentos imobiliários devem manter as contratações no setor de Construção Civil lá em cima este ano”, destaca o presidente do Sebrae.

Na Indústria da Transformação, as micro e pequenas empresas foram as responsáveis pela criação de 25.690 vagas. Os segmentos que registraram os maiores saldos líquidos foram o de Calçados (4.437), o de Mecânica (4.154) e o de Têxtil e Vestuário (3.930). O único setor a mostrar retração no saldo de empregos em janeiro foi o Comércio, por conta da readequação do quadro de pessoal e de ter passado o período de contratação de trabalhadores temporários para atender ao crescimento da demanda durante as festas de fim de ano. O estado de São Paulo criou 12.980 novas vagas no período, Santa Catarina, 11.043, e Paraná, 9.367 postos.

Fonte: Agência Sebrae de Notícias

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae