Cadastrar

Entrar

Esqueceu a senha?

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por e-mail.

Desculpe!, Você precisa se logar para perguntar.

Você precisa se logar para postar no Blog

O que são criptomoedas?

O que são criptomoedas?

As criptomoedas caíram definitivamente no gosto de vários brasileiros. A informação se materializa por meio de dados do mercado, que mostra um crescimento de 938% de investidores em moedas digitais em 2021. 

Em 2020, a modalidade conquistou 30 mil investidores em fundos e em ETFs (fundos de índice). Já neste ano, o quantitativo saltou para 325 mil investidores.

Com base nesses números, de acordo com os especialistas não faltam motivos para as corretoras de criptomoedas celebrarem. 

O Bitcoin, moeda virtual mais famosa do mercado, deixou de ser vista como um mecanismo estranho do mercado, ganhando mais popularidade, principalmente por sua capacidade de viabilizar aumento nos dividendos para os investidores.

Afinal o que são as criptomoedas? 

Estamos falando de criptoativos que surgiram em meio a crise financeira de 2008, com o objetivo de serem uma alternativa financeira mais viável que as moedas tradicionais. 

Elas não foram criadas com nenhum lastro com outras moedas tradicionais como o Euro, Dólar e o Real, e nenhum outro ativo, como o ouro. 

Por serem independentes no mercado digital, elas possuem uma atuação descentralizada, sem qualquer tipo de interferência governamental, como é o caso do Real, que é regulamentado pelo Banco Central. 

Além disso, essa autonomia permite que as operações possam ocorrer de forma mais rápida, não importando dia e horário, inclusive com a participação de investidores de diferentes localidades geográficas. 

Outro ponto é que, por não existir nenhuma instituição financeira que coordene os processos, todas as movimentações do mercado ocorrem de forma independente em estruturas compostas por computadores particulares. 

Atualmente, existem mais de 5 mil criptoativos em circulação no mundo. Porém, somente alguns concentram boa parte dos recursos financeiros. A maior delas é o Bitcoin, que detém aproximadamente 60% do mercado. Conheça cada uma delas: 

  • Bitcoin
  • Bitcoin cash
  • Ethereum
  • Ripple
  • Litecoin
  • Peercoin

Quais as vantagens das criptomoedas? 

Embora as moedas digitais estejam ganhando cada vez mais adeptos, estamos falando de um viés de investimento ainda muito sofisticado e pouco conhecido das pessoas. 

Entretanto, além da liberdade e descentralização no formato de investimento, as criptomoedas ainda possuem outros atrativos que são: 

Taxas mais atrativas

Os pagamentos realizados com moedas digitais possuem condições mais atrativas e, em alguns casos, é possível ter até isenção. 

Os analistas dizem que essa vantagem é uma mão na roda para alguns setores. Um deles é o do comércio que, por meio das operações por criptomoedas, podem conseguir formatos de pagamentos mais atrativos que métodos tradicionais como cartão de crédito e PayPal. 

Mais segurança e transparência

Os pagamentos por meio do Bitcoin podem ser realizados sem vincular dados pessoas, viabilizando maior segurança e privacidade nas operações, conforme análise de especialistas e investidores. 

Além disso, todas as informações ficam disponibilizadas no Blockchain, que é a infraestrutura que armazena todas as operações das moedas digitais, para quem quiser consultar. 

 

Carolina Glogovchan

Carolina Glogovchan

Sabe das coisas
Jornalista por formação e profissional atuante em conteúdos para link building, redação comercial, institucional, releases e matérias jornalísticas, além de revisão. Domínio de técnicas SEO para posicionamento de termos e curiosa sobre diferentes assuntos.

You must login to add a comment.

Posts relacionados