Cadastrar

Esqueceu a senha?

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por e-mail.

Desculpe!, Você precisa se logar para perguntar.

Você precisa se logar para postar no Blog

Please briefly explain why you feel this question should be reported.

Explique brevemente por que você acha que essa resposta é inadequada ou abusiva.

Please briefly explain why you feel this user should be reported.

Sebrae Respostas Latest Articles

O que é preciso para automação residencial?

O que é preciso para automação residencial?

Com o enorme avanço da tecnologia, que não para e a cada dia que se passa mais e mais coisas são completamente automatizadas, surge uma enorme dúvida, será que é possível automatizar as residências principalmente as tarefas mais chatas.

Falar de automação é sempre uma tarefa espinhosa, principalmente por causa da grande quantidade de pessoas que possuem medo da tecnologia ou então não confiam em deixar a sua casa exposta para as empresas.

Diante de todo este cenário, onde há pessoas que não veem a hora da automação ser completa e ele poder apenas com comandos de voz regular tudo na casa, ou então da pessoa extremamente desconfiada que tem toda a certeza que a inteligência artificial vai mais prejudicar do que ajudar. Apenas uma coisa é fato, a tecnologia não para e em muito pouco tempo vamos estar vivendo como em um filme futurista, onde todas as nossas funções chatas serão realizadas por robôs, assim como no clássico Blade Runner.

O que é automação residencial

A automação residencial existe há muito tempo, porém em menores escalas, há muito tempo se regulava a temperatura da casa utilizando a quantidade de lenha que era posta na fornalha, hoje em dia basta apertar alguns botões do termostato ou então ligar o ar condicionado.

Este é um dos exemplos mais clássicos da automação, onde também já é possível controlar as lâmpadas da casa pelo smartphone ou comandos de voz, funciona como se houvesse um cérebro digital que comanda toda a casa e você o dá ordens, seja pela voz, celular, controles físicos ou muitas outras funcionalidades.

Indo muito além de somente fazê-lo obedecer, mas, na verdade, programá-lo para que tome determinadas atitudes sozinho de modo que deixe sempre a casa do modo que você deseja.

Por exemplo, vamos supor que está frio, e você programa a automação, para ligar o aquecedor sempre que a temperatura cair dos 15º, ou então saí do trabalho às 17 horas, e pretende chegar em casa, pode programar para 16:50 a casa se aqueça.

Ou então na hora de acordar pode programar para que as cortinas se abram automaticamente, fazendo a luz natural entrar gradativamente no quarto.

O que é preciso para automação residencial

Todos os seus itens de casa que possuírem conexão elétrica podem ser automatizados, desde uma cafeteira, geladeira, televisão ou ventilador.

Se você está em busca de trazer essa tecnologia para a sua casa, fique sabendo que quase todos os eletrodomésticos já possuem seu equivalente automatizado, basta saber onde encontrá-lo e como fazer a sua sincronização com a central da casa.

Automação da iluminação

Muitas das casas automatizadas começam pela iluminação por causa de uma série de fatores, primeiro que há uma grande gama de opções de fabricantes de lâmpadas e tomadas inteligentes.

Indo além das lâmpadas atuais, você pode regular as cores, a intensidade e o brilho, deixando a sua casa completamente personalizável.

A iluminação funciona como porta de entrada, pois é um dos modos mais baratos e rápidos de fazer a mudança de uma casa tradicional para uma residência inteligente.

Automação da Cortina

Por mais que a princípio pareça um item muito mais de decoração, na realidade por trás desta primeira impressão mora uma das mais importantes coisas a serem automatizadas, podem ser integradas à iluminação inteligente, de modo que quando houver luz do dia vão mesclar os ambientes gerando grande economia de energia.

Podem ser programadas para se sincronizarem com o sono ou alarme, de modo que vão se abrindo aos poucos, fazendo que o processo de acordar e levantar seja mais natural e respeitando o ciclo do sono.

Fechaduras inteligentes

Sempre que se fala de automação, há pessoas contra e a favor, porém a segurança proporcionada por uma fechadura automatizada faz com que até mesmo os críticos reconheçam que esta funcionalidade vale a pena.

As fechaduras podem ser programadas da maneira que você desejar, trazendo muito mais paz para o dono da residência que sabe que dificilmente vão conseguir invadi-la ou então vai estar prevenido em caso de esquecer as chaves, basta dar um comando, apresentar a senha ou digital.

Elas permitem que o proprietário consiga monitorar os momentos que a casa esta sendo acessada, as visitas que chegam, ou até mesmo bloquear o uso da porta nos momentos que desejar, evitando a entrada até mesmo de quem possui a chave ou senha.

Com a sincronização correta, a casa pode até mesmo controlar ou permitir a passagem dos animais de estimação.

Sensor de vazamento

Quando falamos de automação logo se pensa em um mordomo digital, mas deixando os filmes de lado, a real digitalização está presente em funções estruturais e muito mais básicas, como nos sensores de consumo.

É possível configurar a inteligência para que sempre que algo fugir do padrão ela sinalize que há alteração no padrão.

Sendo assim, a economia é muito maior, principalmente, pois se pode encontrar um vazamento assim que ele começa.

You must login to add a comment.

Posts relacionados