Cadastrar

Entrar

Esqueceu a senha?

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por e-mail.

Desculpe!, Você precisa se logar para perguntar.

Você precisa se logar para postar no Blog

O que é BIM e como utilizá-lo na engenharia?

O que é BIM e como utilizá-lo na engenharia?

Solucionar problemas de forma rápida é algo fundamental quando estamos falando de engenharia. E por isso a tecnologia BIM é algo cada vez mais fundamental no setor de construção. 

 

Mas mesmo com sua importância alguns podem ainda não saber exatamente o que é a tecnologia BIM e de que forma ela pode ser utilizada no mundo da engenharia, e por isso hoje vamos te contar tudo sobre a BIM e como ela pode facilitar sua vida caso você seja um profissional da área.

 

O que é a tecnologia BIM?

 

Building Information Modelling, ou no portugus, Modelagem da Informação da Construção, a BIM é um forma de gestão da informação que permite criar de forma digital modelos virtuais de uma construção da forma mais precisa possível. A BIM oferece suporte para cada fase do projeto, fazendo com que a análise e controle dos processos manuais seja muito mais bem feito.

 

Nele, vários profissionais podem trabalhar de forma simultânea no mesmo projeto, podendo sempre adicionar os dados específicos de sua área, tudo no mesmo arquivo gerando atualizações em tempo real do projeto.

 

Isso faz com que o software tenha uma utilidade muito necessária, pois além de ajudar na parte de dimensões, canos hidráulicos e tubos de gás, ela também ajuda a saber com exatidão a quantidade de insumos e mão de obra que serão necessários. Trazendo dinamismo e economia para o projeto.

 

Mas é preciso se atentar para o fato de que o BIM não é, por definição, um software. Não devendo também ser confundido apenas com um modelador 3D. O BIM pode ser descrito na verdade como uma ferramenta que permite a união de diversas tecnologias e softwares, fazendo a gestão da informação de forma eficiente, facilitando assim a comunicação entre todas as partes.

 

Interação com outras tecnologias

 

Quando lemos sobre as funcionalidades do BIM, é comum que lembramos de outras ferramentas muito utilizadas pelo mundo da engenharia e arquitetura, como por exemplo o Autodesk, ArchiCad, Vectorworks, Archicad e alguns outros. E seria muito mais fácil que o BIM pudesse ser incorporado a essas tecnologias. 

 

Felizmente, isso já acontece e você pode acabar utilizando eles juntos em perfeita harmonia. Uma mudança que ajudará os programas CAD, que não serão mais utilizados como são hoje.

 

Devemos lembrar que o mundo está em uma evolução aceleradíssima quando falamos sobre tecnologia, e isso já chegou no mundo da construção, e não vai demorar muito para que tenhamos em nossos smartphones tecnologias que permitam visualizar projetos completos, onde poderemos edta-los e interagir com eles de forma muito simplificada

 

Clash Detection

 

Com o BIM ficou muito mais fácil fazer um estudo de interferências entre os projetos da sua construção. Isso porque o BIM oferece uma modelagem paramétrica que te permite ver em quais lugares os projetos sofrem interposição, problema que só seria detectado durante a execução da obra. Com essa identificação sendo feita de forma precoce, pode gerar uma economia de tempo e dinheiro para o projeto.

 

Esse tipo de avaliação é chamada de CLash Detection, e é feita sempre antes da concepção de um projeto, sendo extremamente útil em várias situações, como por exemplo portas de banheiro que não abrem da forma correta por conta um espaço mal utilizado, com outro objeto como pia ou vaso sanitário obstruindo, ou então com a parte de componentes elétricos ocupando o mesmo espaço que deveria ser ocupado pela parte hidráulica da construção, ou mesmo pilares mal colocados.

 

Utilização mais eficientes dos recursos

 

Por conta de poder detalhar o orçamento que será necessário no projeto, o BIM também permite que você traga melhorias a ele. Isso porque com uma riqueza maior em detalhes que são colhidos e mostrados desde o começo, é possível ser mais assertivo e realista na hora de prever tudo o que o projeto ia precisar para ser concluído.

 

Isso sem contar que você pode utilizar a programação gráfica para alinhar o tempo dos tempos de projeto e obra, o que fará com que você tenha a visualização de como a edificação ficará mais rapidamente. 

 

Juntando esses dados com a programação linear irá fazer com que os recursos sejam utilizados de forma mais eficaz, tal qual fará com que o planejamento seja mais inteligente.

 

Vale lembrar também que a utilização de softwares que tenham BIM em suas funções, torna possível monitorar em tempo real as informações dos projetos. Utilizar armazenamento em nuvem faz com que editar e interagir com os dados seja muito mais fácil, possibilitando que todos os profissionais que façam parte do projeto de alguma forma possam acessar de onde estiverem.

 

Agora que você já sabe tudo sobre a tecnologia bem e como aplicá-la no seu projeto, é hora de utilizá-la para facilitar o seu projeto, evitando erros comprometedores, e deixando seu trabalho mais tecnológico e assertivo possível.

 

lucaswp

lucaswp

Sabe das coisas
Formado em Investigação Forense e Perícia Criminal, e acadêmico de Direito. Estou sempre buscando informações sobre compliance e negócios. Meu objetivo é dirimir as dúvidas de empreendedores e encaminha-los para o melhor caminho dos negócios.

You must login to add a comment.

Posts relacionados