CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Perguntar é uma funcionalidade apenas para usuários registrados.
Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar


CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Números da cachaça no Brasil

O contexto atual da cachaça conta com características peculiares. O mercado acompanha a consolidação da Indicação Geográfica (IG) e o momento da operacionalização dessa ferramenta. Além disso, o setor tem alcançado maior valorização no mercado interno.

Atualmente, o Brasil conta com uma capacidade instalada de 1,2 bilhões de litros. De acordo com estimativas da IBRAC (Instituto Brasileiro da Cachaça), há 40 mil produtores brasileiros e quatro mil marcas no país, sendo que 99% são produtores de micro e pequeno porte. Sozinho, o setor reúne mais de 600 mil empregos diretos e indiretos.

Dentre as principais regiões produtoras estão: São Paulo, Pernambuco, Ceará, Minas Gerais e Paraíba. Dentre as consumidoras estão: São Paulo, Pernambuco, Rio de Janeiro, Ceará, Bahia e Minas Gerais.

Apesar do domínio da cerveja na participação total do mercado de bebidas alcoólicas, a cachaça ocupa a segunda opção entre as bebidas mais consumidas no país. Considerando-se as bebidas destiladas, em volume, o produto ocupa a primeira posição no Brasil. Essa situação, retratada em 2011 pela Euromonitor International, significou mais de 81% do total.

Diferentes Cachaças

Uma distinção importante a ser feita diz respeito ao processo produtivo e resulta na diferença entre cachaça industrial e cachaça artesanal. A cachaça industrial é obtida em destiladores de coluna, também conhecidos como “destiladores contínuos”; já a cachaça artesanal é produzida em alambiques.

Em 2008, a COOCACHAÇA (Cooperativa de Produção e Promoção da Cachaça de Minas) avaliou que a relação entre cachaça industrial e artesanal era de 2,33:1. Dessa forma, considera-se que 70% do volume produzido é de cachaça industrial (840 milhões de litros) e 30% de artesanal. Somente em 2011, o volume produzido artesanalmente foi de 360 milhões de litros.

Mercado

O mercado é bastante diversificado, compreendendo desde redes de supermercados, feiras livres, lojas especializadas, panificadoras, restaurantes, hotéis, bares, cafeterias, academias de ginásticas até lanchonetes e restaurantes industriais.

A preferência do mercado deve ser objeto de acompanhamento constante pelo empreendedor e orientará a variedade dos produtos ofertados, juntamente com a disponibilidade de matéria-prima (preços, quantidade e qualidade). Alguns fatores são fundamentais para o posicionamento no mercado:

  • Qualidade – produto absolutamente condizente com as normas sanitárias de fabricação, embalagem, estocagem e comercialização;
  • Preço – remunerando adequadamente os envolvidos no processo produtivo, sem onerar o consumidor final;
  • Apresentação – identificar a embalagem, forma e quantidade mais adequadas à comercialização, transmitindo higiene, qualidade e segurança ao consumidor.

 

O Sebrae dispõe de diversos instrumentos para a capacitação e o assessoramento dos empreendedores, que constituem significativo instrumental para a administração qualificada da atividade. Para conhecer esses instrumentos, acesse: http://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/

Acompanhe outros detalhes sobre o mercado da cachaça. Acesse: http://bis.sebrae.com.br/GestorRepositorio/ARQUIVOS_CHRONUS/bds/bds.nsf/444c2683e8debad2d7f38f49e848f449/$File/4248.pdf

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae