CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Perguntar é uma funcionalidade apenas para usuários registrados.
Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar


CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

E-commerce para a venda de alimentos

E-commerce para a venda de alimentos

Delivery Online 1_Capa

O ramo de alimentação é um dos que mais cresce no país. Cresce de forma constante e linear. Com a inclusão do comércio eletrônico como canal de vendas de produtos alimentícios, o faturamento do setor quase dobrou e a tendência é continuar a crescer.

Segundo pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), o e-commerce brasileiro teve faturamento de R$ 24,12 bilhões em 2012, representando uma elevação de 29% em relação ao ano anterior. Além do crescimento de produtos disponíveis, cresce também o volume de consumidores. Segundo dados do e-bit, o país iniciou 2013 com 43 milhões de e-consumidores contra 1,1 milhão em 2001.

O início de vendas de alimentos no ambiente online foi através de grandes redes varejistas, como Pão de Açúcar, Sonda e Walmart, além dos segmentos de food service, no qual os pioneiros foram Mc Donald`s e o Habib`s.

Pouco a pouco o e-commerce conquista o espaço que antes era ocupado pelas venda de delivery pelo telefone. A personalização da compra pela internet está cativando cada vez mais o público e fazendo com que esse serviço seja um dos mais procurado dos últimos dois anos, tanto para quem quer investir na área como para quem quer adquirir produtos.

O ramo está sendo tão lucrativo que se estima um crescimento de 100% no delivery online brasileiro até o ano de 2015, movimento que será fortemente enriquecido pela recente cultura dos brasileiros de fazerem praticamente todos os serviços através dos smartphones.

O delivery do queijo mineiro

Osvaldo Filho, criador da empresa virtual Queijo d`Alagoa, em Minas Gerais, teve a ideia de criar sua empresa virtual para venda de queijos quando conheceu o seu Batistinha, produtor de queijo na cidade de Alagoa que possui pouco mais de 2,7 mil habitantes no Sul do Estado.

Seu Batistinha alegava que estava tendo dificuldades para escoar sua produção de queijos e foi onde Osvaldo enxergou oportunidade para lucrar. Buscou ajuda do Sebrae local e obteve o auxílio que precisava, abrindo sua e-commerce em 2009 e passando a vender queijo pelo ambiente eletrônico.

Atualmente a empresa vende cerca de 100 quilos de queijo no varejo e 600 quilos no atacado, sendo que seus clientes estão espalhados por todo país, concentrando-se principalmente em São Paulo, Minas Gerais, Brasília e Rio de Janeiro.

Segundo Osvaldo, já houve procura pelos queijos pelo e-commerce até do Amazonas, onde a entrega foi feita sem problemas, graças aos serviços dos Correios. Ele conta que até clientes famosos já aderiram à venda online, como o apresentador Marcelo Tas e o estilista Ronaldo Fraga.

Movido por seu empreendedorismo, Osvaldo enxergou mercado para um produto considerado praticamente impossível de ser vendido pela internet. Isso porque antes pesquisou e conseguiu, mostrar as vantagens de se adquirir um produto de qualidade sem sair de casa, com a comodidade e confiança que um produto como esse requer.

Como abrir uma loja virtual

As dúvidas sobre como pode criar o próprio e-commerce podem ser muitas. Mas o SEBRAE elaborou a cartilha “Internet para Pequenos Negócios – Como Abrir uma Loja Virtual”, na qual aborda os pontos principais que devem ser conhecidos antes de entrar no mundo da venda eletrônica.

Além de exemplos de lojas virtuais, os problemas, as soluções, o que deve ser levado em conta na hora de tomar a decisão de abrir ou não, entre outros assuntos estão na cartilha.

Procure também a unidade do Sebrae MG mais próxima, e entenda como a instituição pode ajudá-lo a expandir seus mercados.

 

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae

Esse é o perfil institucional do Sebrae nessa comunidade. Quer saber mais sobre o Sebrae - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas? Acesse: http://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/canais_adicionais/o_que_fazemos

Me siga