CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Dicas para prosperar no segmento de autopeças

Para fechar a
série de Planejamento, hoje, o blog vai falar sobre autopeças e organização de
mercadorias.
O segmento de
autopeças no Brasil está em constante crescimento, tanto que nos últimos anos, o
índice de faturamento médio nacional aumentou. O empresário do ramo, no
entanto, deve saber que para o negócio prosperar, é preciso de organização. Um
dos fatores para o sucesso no segmento é o planejamento de compras e controle de
estoque.
Confira duas
dicas que podem ajudar muito nesse processo:
Ofereça um mix de produtos
Pneus, rodas,
baterias, amortecedores. Estes são alguns equipamentos essenciais em uma loja
de autopeças. No entanto, é sempre bom explorar o que mais você pode vender.
Disponibilize
um portfólio de produtos completos ao seu cliente, que atenda toda necessidade
que poderá surgir relacionada ao ramo automobilístico. O cliente vai escolher
comprar em uma loja que ofereça tudo que ele precisa. Por isso, busque se
atentar às necessidades do consumidor e deixe a disposição. Não se esqueça de
deixar os produtos fáceis de serem encontrados, afinal, isso pode aumentar as
vendas.
Cuide bem do estoque e da logística

Além de
oferecer uma grande variedade de produtos, é preciso ter um rigoroso controle
de estoque para administrar todas as demandas. Imagine que o consumidor precisa
de uma alta quantidade de peças de diferentes modelos. Para entregar tudo no
prazo e de maneira correta, é preciso ter um grande controle de mercadoria.
Além do mais, um sistema de logística bem estruturado pode ajudar muito nos
negócios. É necessário estudar sobre transportadores de produtos, pois muitos
tem restrições e regras para se utilizar. Planejando-se, o empreendedor evita
que o processo de envio se torne uma dor de cabeça. 
Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae