CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Dicas para lucrar com a temporada de festas

Dicas para lucrar com a temporada de festas

Dicas Festas_Principal

A Copa do Mundo é um evento altamente festivo. Organizar a diversão para grupos de pessoas já é uma tradição no período de realização do mundial, seja durante a transmissão de jogos ou em horários totalmente distintos dos mesmos.

A Fan Fest é um exemplo que se tornou clássico. Organizado pela FIFA, o evento surgiu durante a Copa do Mundo realizada em 2006 na Alemanha e, com o sucesso absoluto daquela edição, foi expandido para diversas cidades do mundo. Por isso, no Brasil a festa não é um acontecimento inédito. Para quem não se lembra, em 2010, durante os jogos da África do Sul, a praia de Copacabana no Rio de Janeiro foi palco de uma dessas festas.

Acontece que esse ar festivo, que sempre domina as cidades nas competições mundiais de futebol, também gera oportunidades para organizar a reunião de pessoas em outros palcos.

Existem dois pontos de partida para lucrar com a temporada de festas.

  • Um desses pontos são os espaços estruturalmente já estabelecidos como, por exemplo, ambientes privados de caráter comercial (bares ou meios de hospedagem) ou estações de domínio particular (salões residenciais ou condominiais).
  • Outro ponto são os lugares diferenciados que promovem “baladas”, onde a principal atração gira em torno da música e da dança. Foi o que fez o empresário Maurício Somlo quando viu festas em movimento nas cidades de Los Angeles e Las Vegas. No Brasil, ele pesquisou o mercado e montou o negócio em São Paulo: com investimento de R$ 250 mil, ele organiza festas dentro de ônibus.

Inovações como essa fazem parte de um leque de oportunidades provenientes do acirramento da Lei Seca que, às vésperas da Copa do Mundo FIFA 2014, ganha contornos mais expressivos. Se para muitos fica impossível dissociar a diversão do álcool, para todos fica muito mais seguro dissociar o álcool da direção.

Enfim, organizar eventos é uma potencial chance de lucro para quaisquer estabelecimentos que detenham condições de apostar na reunião de pessoas interessadas em compartilhar emoções durante os jogos, ou mesmo somente comemorar (quem sabe até esquecer) os resultados deles.

Como obter sucesso?

O fato é que, em maior ou menor escala, sempre há necessidade de estruturar operações de imagem e som, alimentação e ambientação. Para obter sucesso é preciso ter consciência de que a experiência conta a favor, já que há complexidade na tarefa repleta de muitos detalhes. Para isso, o ideal é que se tenha um profissional especializado coordenando a organização do evento.

Antes dele, é fundamental planejar a execução. Deve-se pensar o evento etapa a etapa. Levantar todas as variáveis que possam contribuir para que seja um fracasso. Isso mesmo, o pensamento antecipado no fracasso ajuda a controlar os riscos e a evitar que o evento seja mais lembrado pelo que deu errado do que pelo que deu certo.

A divulgação é um fator de altíssimo impacto no sucesso. Ela está inserida no contexto, antes, durante e depois das festas. Mas atualmente ela não está somente nas mãos dos organizadores e patrocinadores. Os clientes também se apropriam dela, especialmente durante e depois, quando os mais conectados tornarão maior a visibilidade do evento utilizando aplicativos na internet para indicar a outros públicos aquela diversão.

Turistas também estão bem mais presentes em ambientes virtuais nos quais compartilham informações sobre viagens. Nas redes sociais divulgam fotos, participam de fóruns e avaliam hotéis e restaurantes. Além disso, dão dicas sobre onde ficar e o que comer, postando ainda sugestões sobre o que fazer quando o assunto é diversão.

Em ambientes virtuais de busca, um turista percebe a diversidade de opções no destino que escolheu e, com isso, fortalece sua decisão de visitar ou não o local a partir das experiências de outras pessoas. Um exemplo é o www.tripadvisor.com.br em que o internauta vê a avaliação dos amigos (o que gostaram e o que detestaram), as cidades em que os amigos estiveram e estarão. Ele ainda pode compartilhar essas informações com os amigos do Facebook – a maior rede de relacionamento social do mundo, na qual o Brasil é o segundo em número de usuários.

Saiba mais sobre organização festas e eventos clicando no link da página eletrônica do Sebrae: http://www.sebrae.com.br/setor/servicos/servicos-relacionados/festas-e-eventos

Acompanhe as oportunidades da Copa do Mundo em http://www.sebrae2014.com.br/Sebrae2014/

 

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae

Esse é o perfil institucional do Sebrae nessa comunidade. Quer saber mais sobre o Sebrae - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas? Acesse: http://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/canais_adicionais/o_que_fazemos

Me siga