CADASTRAR

Entrar

Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Enviar mensagem

Entrar

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Dicas indispensáveis para uma loja virtual – Cap. 5

Dicas indispensáveis para uma loja virtual – Cap. 5

img-dicas-loja-virtual

 

Capítulo 5:
A COMPETITIVIDADE NA INTEGRAÇÃO E DECISÃO LOGÍSTICA

 

Seja qual for o segmento em que a loja virtual opera, seus produtos precisam ser entregues e, para isso, precisam de empresas que atuem com logística, de modo que não onerem seus custos, o que inviabilizaria as ofertas.

 

O TRADICIONAL SERVIÇO DOS CORREIOS

A empresa mais conhecida, a tricentenária Correios detém a maior cobertura e a maior credibilidade em entregas, devido ao vínculo estatal com o Ministério das Comunicações do Brasil.

Para as empresas que atuam com e-commerce, os Correios oferecem o e-SEDEX, que é destinado exclusivamente a lojas virtuais que sejam Pessoa Jurídica, oferecendo vantagens com tarifas diferenciadas e atingindo já mais de 200 localidades.

Os Correios oferecem, ainda, serviços diferenciados, como a Coleta domiciliar, o Aviso de Recebimento (AR) e a Indenização complementar.

 

A CONCORRÊNCIA E AS NOVAS POSSIBILIDADES

Recentemente, diversas outras empresas vêm surgindo e conquistando parte dos serviços que, outrora, eram monopolizados pelos Correios. Como exemplo, a robusta Total Express, vem crescendo anualmente e atua agressivamente com grande e competitiva cobertura. A Total é especializada na logística de e-commerce, sendo sediada em São Paulo, numa área de 16.000 m² e realizando entregas em território nacional. Cerca de 40% de seus clientes são micro e pequenas empresas, de acordo com o vendedor Fernando Levinet, sua agilidade e capacidade tem aumentado consideravelmente: “A Total Express foi comprada pelo grupo Abril, adquirindo um software que maximiza nosso processamento de 60 mil encomendas diárias 250 mil encomendas diárias”.

Assim como a Total, outras empresas buscam seu espaço ao sol, formando, então, um grupo de concorrentes diretos de empresas courier, que realizam rápidas coletas e entregas de correspondências e encomendas. Fernando complementa: “Mesmo com diversos concorrentes, temos uma enorme cobertura. Utilizamos os Correios como parceiro apenas para algumas regiões que ainda não atendemos diretamente”.

 

QUEM GANHA COM A TECNOLOGIA É O CONSUMIDOR

Com o propósito de oferecer mais vantagens aos consumidores on-line e aos lojistas virtuais, a empresa Axado oferece um sistema de tecnologia voltado para fretes, realizando a ponte entre empresas e transportadoras, através de uma plataforma dentro do e-commerce. O Axado começou como um comparador tipo Buscapé, exclusivo para fretes. Mas com a crescente solicitação de diversos clientes foi criada a plataforma de integração em lojas.

Com a comparação de fretes, o Axado alcança mais de 30 transportadoras que atuam em todo o Brasil. Guilherme Reitz, diretor executivo do Axado, explica: “Oferecendo mais opções de frete, temos o objetivo de aumentar a conversão de vendas das lojas. Atualmente, mais de 50% das desistências de uma compra no e-commerce está relacionado diretamente com preço de frete e prazo de entrega”. Ou seja, pensar em logística é pensar em conversão de vendas.

Quando um consumidor tem a possibilidade de comparar preços e prazos, encontra possibilidades e autonomia, percebendo, por exemplo, que empresas como Correios apresentam certas limitações de dimensões e peso.

Gilherme complementa: “Nosso papel também é aumentar a transparência, permitir que o usuário final escolha qual a transportadora quer que entregue suas compras. Com isso, ele pode evitar utilizar serviços de empresas que já o frustraram em outras ocasiões, além de escolher prazo e preço. Nossa integração é com várias transportadoras parceiras, o que permite, inclusive, o rastreamento da mercadoria”.

Guilherme afirma que seu produto é acessível para um micro e pequeno empresário, com planos a partir de R$20,00 por mês: “Até para um lojista que venda 10 produtos por mês, nossa ferramenta pode ser utilizada e de forma super viável”.

 

 

Por: Alexandre Teixeira, publicitário, docente e consultor de Branding, Marketing e Negócios Digitais.

 

Deixe um comentário

Sobre Lucio PiresBoas respostas

Analista Técnico do Sebrae Nacional. Trabalho com negócios e conteúdos digitais, especialista em Gestão de Pequenos Negócios (FIA), Advogado especialista em Direito Empresarial, Matemático com especialização em Finanças.

Me siga