CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Cultive negócios, plantando flores

Cultive negócios, plantando flores

Flor_Barra

Em meados de 2013, a expectativa do setor produtivo de flores no país era fechar o ano com um movimento de R$ 4,8 bilhões. Fechou com R$ 5,2 bilhões, de acordo com o Instituto Brasileiro de Floricultura (Ibraflor). O crescimento 13% em relação a 2012 não é esperado para 2014, cuja alta está projetada em torno de 8%.

O setor atribui essa projeção a fatores como datas e eventos de 2014. A expectativa para o Dia Internacional da Mulher, que este ano cairá no sábado depois do carnaval, não é boa. Já quanto à expectativa para a Copa do Mundo, o setor pretende promover ações, mas, afirma, que não sabe qual será o resultado.

Para esse cenário, os especialistas do SEBRAE, alertam que uma boa rede de contatos com profissionais de decoração e paisagismo pode render bons negócios, tanto para ornamentar novos empreendimentos que nascem para atender a demanda dos turistas quanto para preparar os eventos paralelos que ocorrem antes, durante e após as competições.

A realização dos grandes eventos esportivos irá aumentar o fluxo turístico e, como consequência, haverá crescimento na demanda por artigos que tenham imagem associada ao Brasil e ao clima tropical. Flores e plantas ornamentais serão consumidas por turistas e pelos organizadores dos diversos eventos paralelos que ocorrem antes, durante e após as competições.

A escolha das plantas e flores será fortemente influenciada por fatores já conhecidos no cenário internacional como adoção de práticas orgânicas, selos de comércio justo, emprego de mão de obra local e valorização do bioma autêntico.

A princípio as plantas típicas da região parecem ser menos valorizadas pela população local, mas a busca por diferenciais estéticos e características específicas em plantas locais demonstram preocupação com os impactos sociais, econômicos e ambientais da atividade de cultivo.

As características regionais e respeito aos aspectos de sustentabilidade devem ser comunicadas aos turistas, organizadores de eventos e consumidores em geral para alcançar um posicionamento diferenciado e condizente com as expectativas do público. O fator estético é determinante e os empreendedores devem ter o máximo de cuidado com a embalagem e a apresentação, utilizando acessórios que realcem a beleza das plantas.

Produção em 2013

  • 8 mil produtores
  • 98% são de pequeno e médio porte.
  • Mais de 350 espécies foram produzidas, somando 3 mil variedades.

Distribuição em 2013

  • 60 centrais de atacado
  • 650 empresas atacadistas
  • 22 mil pontos de venda no varejo.

Consumo per capita em 2013

  • Média Brasil: R$ 26 por habitante/ano
  • Distrito Federal: R$ 43,72
  • São Paulo R$ 43,63
  • Rio Grande do Sul: R$ 36,99
  • Rio de Janeiro R$ 35,48
  • Santa Catarina: R$ 31,46

Acesse Ideias de Negócios para 2014 – Cultivo de Flores e Plantas Ornamentais – e saiba mais sobre as oportunidades do setor.

Acesse também SEBRAE – Floricultura

 

 

Fonte: ecofinanças

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae

Esse é o perfil institucional do Sebrae nessa comunidade. Quer saber mais sobre o Sebrae - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas? Acesse: http://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/canais_adicionais/o_que_fazemos

Me siga