CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Copa 2014: cartões são fundamentais para alavancar as vendas

PapoNegocio

A quarta edição do Papo de Negócio Sebrae 2014 tem como tema os resultados da Copa das Confederações FIFA 2013 e as perspectivas para a Copa do Mundo FIFA 2014.

O bate-papo virtual acontece até o dia 27 de setembro, com a participação do economista e coordenador do Programa Sebrae 2014, Dival Schmidt, do gestor do projeto de inteligência em mercados da Unidade de Acesso a Mercados e Serviços Financeiros do Sebrae, André Dantas, da jornalista e consultora em marketing e turismo internacional do Sebrae, Sarah Albrecht, e do diretor de Relações Institucionais da Match Connections, operada pelo Grupo Águia, Gilson Novo.

Em seu vídeo de abertura (ver abaixo), André Dantas tratou da indústria de cartões de pagamento no Brasil, que passou por uma significativa mudança em 2010, quando aconteceu a quebra da exclusividade. Com isso, um número maior de empresas passou a aceitar cartões de débito e de crédito. Além disso, houve a redução de custos nas taxas de administração e nos aluguéis das máquinas.

“Até aquela época, era necessário que o empresário que quisesse aceitar cartões de pagamento tivesse uma maquininha para cada bandeira, o que inviabilizava a adoção desse meio eletrônico de pagamento em função dos altos custos de taxas de administração e de aluguéis”, afirmou.

A quebra da exclusividade trouxe benefícios imediatos para os empresários, especialmente os pequenos negócios. De acordo com recente pesquisa realizada pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Belo Horizonte, e citada por Dantas, mais de 80% dos empresários que aceitam cartão tiveram algum tipo de redução de custo.

“É nesse cenário concorrencial que o País entra no cenário internacional dos eventos esportivos e culturais. No próximo ano, estaremos recebendo a Copa do Mundo da FIFA no Brasil, evento que trará uma imensidão de turistas estrangeiros e promoverá também a movimentação do brasileiro em busca dos jogos desse evento esportivo”, ressaltou.

André Dantas trouxe ainda dados que mostram o volume de pagamentos com cartões em grandes eventos. De acordo com pesquisa realizada por uma grande bandeira de cartão de crédito, no período de realização da Copa do Mundo na África do Sul, em 2010, houve um aumento de 82% nos gastos dos turistas estrangeiros naquele país. “Os segmentos de varejo, hospedagem e restaurantes foram os mais impactados, gerando um volume diário de gastos na ordem de 8,3 mil dólares”, relatou.

Esse ano, o Brasil recebeu a Copa das Confederações FIFA 2013, considerado um teste para o grande evento que ocorrerá em 2014. Segundo o analista, o evento trouxe, aproximadamente, 20 mil turistas estrangeiros, que, em média, ficaram 14 dias no País e gastaram em torno de R$ 2 mil por dia. Ele alertou que esses turistas vão voltar e em maior escala. “Por isso, é importante estar preparado para esse momento. Aceitar cartões de pagamento vai muito além dos aspectos já conhecidos desse eficiente meio eletrônico de pagamento. Não há risco de inadimplência, aumenta a segurança dos pequenos estabelecimentos em relação a moedas e cria a possibilidade de acesso a produtos e serviços bancários mais estruturados, como é o caso do capital de giro”, destacou.

Dantas concluiu dizendo que a aceitação de cartões de pagamento é elemento para alavancar vendas, seja para o publico interno ou para o público visitante, já que a moeda eletrônica é universal.

 

Quer saber o que os outros convidados falaram? Acesse o site do Papo de Negócio. Além de assistir os vídeos, você também pode enviar suas perguntas. Participe!

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae