Cadastrar

Entrar

Esqueceu a senha?

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por e-mail.

Desculpe!, Você precisa se logar para perguntar.

Você precisa se logar para postar no Blog

Conheça os 4Ps do marketing

Por mais que o mundo mude e novas tendências, necessidades e estratégias surjam, há determinados conceitos que permanecem atemporais, independente de quando tenham sido concebidos.

Esse é o caso do conceito dos 4 Ps do marketing, criado em 1960 e que são aplicados até os dias atuais na internet, que nem sequer existia quando os 4 Ps foram definidos. Isso demonstra o poder que algumas teorias têm de atravessar os anos e se adaptar a diferentes ferramentas e seguir fazendo total sentido.

Se você deseja saber mais sobre Produto, Preço, Praça e Promoção, siga a leitura pois preparamos um resumo para você.

Produto

Primeiro é importante salientar que neste item, serviços como aluguel de elevador de carga também estão inclusos. Aqui são abordados todos os aspectos que envolvem o produto/serviço fornecido pela empresa, considerado a base da empresa.

Ao pensar em produto é preciso considerar diferentes aspectos como a relevância e capacidade que ele tem de gerar benefícios reais para as pessoas que o adquirirem, satisfazendo suas necessidades.

O P de Produto engloba decisões sobre:

  • qualidade;
  • características e opções (cores, tamanhos etc.);
  • design do produto e da embalagem;
  • linhas de produtos;
  • branding do produto;
  • serviços agregados (assistência, garantia, treinamento etc.).

Com isso é possível determinar quais serão os atributos tangíveis e não tangíveis percebidos, afinal, comprar um relógio Cartier requer uma percepção de valor muito diferenciada e a pessoa não quer simplesmente ver as horas.

Preço

Para quem analisa brevemente a precificação parece ser bastante objetiva, basta calcular todos os custos envolvidos desde a produção, até a entrega, acrescentar uma margem de lucro e está pronto.

Porém há fatores subjetivos a serem inseridos no processo, como a própria percepção de valor citada anteriormente, afinal a Cartier não vende relógios por uma pequena fortuna, ela vende status.

Além disso, há as interferências do mercado como demanda, afinal se há uma grande demanda por pote biodegradável na sua região e poucos fornecedores, o preço tende a subir e o contrário também é verdadeiro.

Praça

Neste contexto, a praça significa local e diz respeito à maneira como a empresa irá lidar com a distribuição que vai além de questões como logística e engloba as possibilidades de distribuição online.

Afinal, especialmente para infoprodutos, cujas possibilidades de entrega são muito variadas, certamente lá em 1960 não se imaginava que coisas que não existem fisicamente pudessem ser distribuídas, hoje sabemos que podem.

Promoção

Não se engane, este P não existe para incentivar que sua empresa faça promoções no estilo, compre bucha de aço e ganhe o parafuso. Trata-se de promoção no sentido mais amplo da palavra, de promover.

Ou seja, quais as estratégias e ferramentas que sua empresa vai adotar para que as pessoas tomem conhecimento sobre seu produto ou serviço e tenham o desejo de comprar de você.

Aqui a abordagem é bem ampla e compreende inclusive o tom de voz da marca, possíveis sazonalidades do setor, dentre outros aspectos.

Interessante ver como conceitos estabelecidos há mais de 7 décadas ainda podem exercer tanta influência sobre a tomada de decisões de empresários ao redor de todo o mundo. Isso reforça que as ferramentas podem até mudar, mas algumas estratégias permanecem as mesmas.

Este artigo foi escrito pela equipe do Soluções Industriais.

You must login to add a comment.

Posts relacionados