CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Perguntar é uma funcionalidade apenas para usuários registrados.
Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar


CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Como posicionar seu site odontológico no Google?

Como posicionar seu site odontológico no Google?

Essa é uma pergunta muito comum na cabeça de milhares de empresários, independente do tamanho da empresa. Em companhias maiores, com altos investimentos de marketing, existem profissionais contratados para trabalhar o posicionamento orgânico do site. Mas quando a empresa é pequena ou o site é de um profissional liberal, o que fazer?

Primeiro de tudo é importante saber que, na maioria das pesquisas, o Google costuma apresentar até 10 resultados orgânicos. Além disso, de acordo com a intenção do usuário, as respostas serão de redes sociais, de vídeos do YouTube, de locais físicos, de imagens, etc.

Logo, o primeiro passo para conseguir posicionar bem seu site odontológico no Google é estudar em quais termos você quer aparecer em destaque e quais são os tipos de resultados apresentados atualmente.

Um erro comum de muitos profissionais liberais é achar que, com pouco investimento, eles vão conseguir posicionar bem os sites para termos genéricos como: dentistas em São Paulo ou clínica odontológica.

Estes termos acima representam alto volume de pesquisas mensais e são disputados por planos de saúde e outras grandes empresas, tornando a competição muito mais acirrada.

O segundo passo da sua estratégia é compreender que o seu site deve ser um gerador de negócios. Essa vitrine tem que ser monitorada constantemente para saber em que qual é o tráfego médio mensal, qual é o posicionamento que está conseguindo e também se os acessos são transformados em leads ou clientes/ pacientes.

Você precisa implementar um processo de gestão de leads para que eles não se percam e as oportunidades não sejam aproveitadas.

Independente do ramo de atuação, sendo serviços ou produto, existe um ciclo da jornada de consumo que pode ser imediato ou levar dias até que um novo contato tenha segurança para fazer uma compra com você. Faça um estudo profundo e veja quais são as etapas necessárias para conseguir esse objetivo.

Pode ser necessário uma ligação, uma visita ou mesmo uma mensagem com um tutorial pelo WhatsApp. Monitore tudo para que novas ações possam ser feitas no futuro.

O terceiro passo é identificar intenções de negócio dentro do seu mercado. Ainda dentro do universo odontológico, é importante você saber que quando alguém pesquisa no Google por dentista em São Paulo, essa pessoa pode estar procurando por empregos, por média salarial, por informações sobre a quantidade de profissionais neste setor, áreas de atuação, etc. Logo, este tipo de pesquisa não tem uma intenção clara.

Já pesquisas para qual o valor de um clareamento dental ou qual dentista faz canal apresentam claramente a necessidade do usuário. Os dois casos já têm o problema, o primeiro busca por preço e o segundo quer saber quem oferece a solução.

É possível posicionar bem o seu site odontológico para atender ambas as demandas em sua cidade ou bairro e obter novos clientes para sua clínica ou consultório.

Não ignore as pesquisas por vós e o potencial do Google Meu Negócio em seu ramo de atuação. Por exemplo, na mesma experiência para site odontológico, descobri que cerca de 4 mil pesquisas mensais são feitas para o termo: dentistas perto de mim.

Logo, se você não aparecer no Google Maps, seu concorrente vai buscar esse resultado.

O quarto passo para posicionar bem o seu site para pesquisas relevantes está em investir em conteúdo rico que oriente, cative e desperte o interesse do usuário em ter um relacionamento melhor com você.

Neste estágio, a recomendação é que você já saiba para qual pesquisa deseja aparecer e então faça uma auditoria nos 20 primeiros resultados do Google. Veja como eles abordam cada tema, se usam conteúdo em vídeo ou imagem, tente absorver todos estes elementos.

Para posicionar na frente destes concorrentes no Google, você vai ter que entregar algo melhor, de valor, e ainda convencer o usuário que o seu serviço ou produto atende as necessidades que ele tem. Aqui, nada de falsas promessas!

Você pode explorar gatilhos mentais, aproveitar o seu sistema de cadastro de clientes para entrar em contato com antigos pacientes e pedir feedbacks do serviço prestado em seu site ou nas redes sociais, oferecer uma avaliação gratuita, etc.

Tenha em mente que um site sem tráfego é investimento jogado no lixo, e tráfego sem gerar negócios gera frustração. Logo, o seu trabalho para posicionar seu site no Google deve ter objetivo claro e mensurável, além de constante monitoramento e aperfeiçoamento.

Se você acha que não tem a habilidade necessária, conhecimento ou tempo para fazer este tipo de trabalho, a recomendação é que encontre um profissional capacitado para auxiliá-lo nesta tarefa.

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Mayk SouzaBoas respostas

Sou jornalista formado pela universidade Anhembi Morumbi, atuo há mais de 8 anos no mercado de marketing de conteúdo e alguns artigos meus podem ser lidos aqui: https://seocorporate.com.br/seo/o-que-e-seo/ , https://audiobr.com.br/cursos/melhores-faculdades-arquitetura-brasil/