Cadastrar

Entrar

Esqueceu a senha?

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por e-mail.

Desculpe!, Você precisa se logar para perguntar.

Você precisa se logar para postar no Blog

Como empreender no setor de marcenaria?

Como empreender no setor de marcenaria?

Em uma das profissões mais antigas do planeta – a carpintaria –, o avanço tecnológico é mensurado pelas novas ferramentas de trabalho, até mesmo com uma nova denominação profissional: o marceneiro.

Essa arte de transformar chapas de madeira em objetos para utilização no dia a dia ou como forma de expressão artística estimulou investimentos em espaços específicos e em ferramentas para a execução das tarefas, estimulando o empreendedorismo para a criação de marcenarias.

No atual cenário mundial onde o trabalho e outras atividades como o estudo, as atividades físicas, entre outras, são executados remotamente, se faz necessário adaptar novos espaços e mobiliários para o conforto e funcionalidade dos ambientes. Dessa forma, nota-se que o empreendedorismo nesse setor teve alta demanda e grandes investimentos.

Montar uma marcenaria requer mão de obra especializada, planejamento das atividades,  capital de giro, local com espaço para o maquinário e para a matéria-prima e com acústica adequada, sempre respeitando as leis locais vigentes, além de contar com um suporte para o pequeno empreendedor, como o SEBRAE.

O sucesso de uma marcenaria está focado no atendimento e na satisfação de seu cliente. Para isso, um bom planejamento na execução de um projeto, somado à criatividade e paciência do profissional, além do manejo da madeira, é muito importante. Com o maquinário adequado, uma matéria-prima de qualidade e  um  profissional capacitado e comprometido, o resultado será um cliente satisfeito e, consequentemente, um aumento na  produção.

Como o planejamento é a essência desse investimento, o capital de giro é muito importante, e o empreendedor pode contar com linhas de microcrédito de bancos públicos, com juros reduzidos, e até mesmo orientações para aplicação desses recursos em seu negócio.

O espaço físico sugerido para uma marcenaria é de 70 m² para a loja e de 300 m² para os equipamentos e o estoque, porém esse número pode variar, conforme o plano inicial do empreendedor.

Os equipamentos necessários na área de produção são serra fixa de mesa, serra portátil, serra tico-tico, lixadeira, desempenadeira, plaina, martelo, graminho, entre outros. 

Para a área administrativa e de vendas, os itens são mesa, cadeiras, computador, telefone, impressora e calculadoras.

Outro ponto é a divulgação do serviço para a conquista de clientes, que pode ser feita de várias maneiras, com folders, flyers, cartazes, cartões de visita, anúncios em jornais, revistas e mídias sociais, etc.

Também é muito importante que o empreendedor invista na sua capacitação e da equipe. Atualize-se de acordo com as tendências do produto no mercado, assim como na matéria-prima, na criatividade e na preservação ambiental. 

You must login to add a comment.

Posts relacionados