CADASTRAR

Entrar

Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Enviar mensagem

Adicionar pergunta

Entrar

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Boletim – Como ampliar seu negócio utilizando o  twitter

O Sebrae desenvolveu uma série de boletins de inteligências com análises de dezenas de canais digitais que podem ajudar os pequenos negócios a venderem mais. Este boletim abaixo traz uma análise sobre as estatísticas do Twitter, dicas de uso e análise sobre os negócios mais indicados para ter a ferramenta como aliada. Confira também dicas de melhor uso da ferramenta do

Ler mais ou responder
O papel da internet para o segmento de beleza

A pesquisa Sophia Mind, realizada com 1.311brasileiras, entre 18 e 60 anos, que teve como objetivo avaliar a satisfação das mulheres com a aparência e entender como ocorre o consumo de produtos, também revelou qual é o papel da internet para elas quando este é o assunto. Apenas 12% das mulheres entrevistadas não usam a internet para buscar informações sobre produtos de beleza. Para as demais (88%), a internet possui diversas finalidades, que vão desde a busca de informações até o processo de compra de produtos. A principal atividade realizada na internet é a leitura de dicas de como usar os produtos de beleza - encontrada em sites ...

Ler mais ou responder

Ele lidera a equipe de aceleração estratégica de produto do Facebook, através da criação de parcerias, integrações e produtos e agilidade em Oportunidades de Negócios para empresas líderes em todos os setores, que incluem Airbnb, Apple, Amazon, Dropbox, LiveNation, Microsoft, Netflix, Nike, Spotify e Uber. Ime também colabora com a equipe de Internet.org, liderando o desenvolvimento de conteúdo e produtos de parcerias estratégicas mundialmente. Antes de entrar para o Facebook, Ime atuava na área de Tecnologia Avançada de Desenvolvimento Profissional na IBM, com foco no portfólio global de IBM¹s, o licenciamento de pesquisa de tecnologia de armazenamento. Ele iniciou sua carreira na IBM como engenheiro de software no Grupo de Sistemas e Tecnologia antes de passar para o corporativo e ...

Ler mais ou responder

A ideia baseada no uso de Redes Sociais é atrair o consumidor para campanha levando até ele o produto ou serviço que deverá ser vendido. Micro e pequenos empreendedores podem utilizar as redes sociais para promover suas campanhas, seja em datas especiais ou mesmo no dia-a-dia. Brindes. Descontos. Concursos. A principal ideia é atrair o consumidor para campanha levando até ele o produto ou serviço que deverá ser vendido. Confira algumas dicas do SEBRAE: A oferta pode estar associada diretamente ao produto, ou relacionada a alguma outra ação atraente para o público-alvo; A ação deve fazer com que o consumidor participe ...

Ler mais ou responder
As redes sociais fazendo a diferença no seu negócio

A internet e as redes sociais, em especial o Facebook, cada vez mais fazem a diferença para o dono de uma micro ou pequena empresa. O caso de João Rafhael Torres é um bom exemplo. Quando ficou desempregado em 2012, decidiu investir o dinheiro que recebeu do Fundo de Garantia em um negócio próprio. Iniciou uma pesquisa no mercado e, em uma feira de negócios em São Paulo, se deparou com uma máquina de impressões personalizadas em canecas de porcelana. Apostou na novidade e assim nasceu a empresa virtual Canecas Inteligentes. A ideia do morador de Aparecida, no interior ...

Ler mais ou responder
Pequenos negócios devem explorar mais o potencial da internet

A internet está presente no dia a dia de grande parte dos brasileiros, seja para lazer, estudos ou trabalho. E os pequenos negócios precisam explorar as mídias online a fim de conquistar maiores e melhores fatias do mercado. Um engano muito comum dos empreendedores é pensar que seus negócios na internet precisam necessariamente vender algo (e-commerce), quando, na verdade, o mais importante para a empresa é a presença online. Obtenha presença online Ao criar um site para o negócio, um e-mail de contato e perfis nas redes sociais, há o investimento na presença online. Isso ...

Ler mais ou responder

Em nenhum momento, empresa alguma pode se dar ao luxo de deixar de acompanhar o movimento dos consumidores. Especialmente depois da acessibilidade das mídias digitais e da abrangência das redes sociais, por onde as pessoas transmitem suas impressões (tanto positivas quanto negativas) através de dispositivos móveis cada vez mais diversificados. Sim, a comunicação se tornou rápida e global e, consequentemente está afetando as marcas. É fácil encontrar ataques a marcas no ambiente online. Segundo Claudio Gandelman, em um artigo publicado no http://www.endeavor.org.br existem cinco providências fundamentais para a o gerenciamento de uma crise, cuja estratégia deve ser desenvolvida antecipadamente. Veja: 1º - Faça um ...

Ler mais ou responder
Mídias e estratégias no varejo joalheiro

Um estudo, realizado pelo IBGM em parceria com o SEBRAE durante a 58ª Feninjer, ocorrida em fevereiro de 2014, buscou identificar o perfil do varejista de joias, a partir dos empresários do setor que visitarem o evento. A pesquisa oferece um panorama do ambiente concorrencial para o empreendedor que está planejando investir no segmento. O levantamento contou com a participação de empresas que representaram 23 das 27 unidades da federação brasileira, cujas entrevistas abordaram vários aspectos do negócio. Uma das questões identificou as ferramentas digitais mais usadas na comunicação com o mercado: Email (70%) Facebook (65%) Site (58%) Instagram (55%) Whatsaap (25%) SMS (12%) Vitrine Virtual (4%) O uso do email foi o item que ...

Ler mais ou responder

Muitos empreendedores, além de pequenas e médias empresas, escolhem anunciar no Facebook porque é uma opção mais barata do que a mídia tradicional e, aparentemente, com resultados imediatos. Enquanto um pequeno anúncio em jornal pode custar 5 mil reais, o Facebook permite anunciar com até mesmo dois reais de investimento. Parece ótimo, não é? Pena que não funcione exatamente assim. Recentemente, vários gestores têm recomendado suspender o pagamento por anúncios na rede social. Por quê? As estatísticas exibidas pelo Facebook não são auditadas, ou seja, não há possibilidade de verificar quem são as milhares de pessoas que clicam, curtem e compartilham os posts. Em outras palavras, o anunciante acha que está pagando pelo anúncio, mas, na verdade, ...

Ler mais ou responder