CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Perguntar é uma funcionalidade apenas para usuários registrados.
Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar


CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

As eras ou ciclos do Marketing

Saiba como o Marketing evoluiu ao longo do tempo e conheça as características de cada ciclo

O Marketing adota estratégias de interatividade para atingir o alvo: o consumidor

Somos cada vez mais bombardeados por marketing que sai do mundo dos negócios e entra no nosso dia a dia pessoal. Nada melhor, para entender esta evolução e pressão, do que fazer a leitura da linha do tempo deste segmento que logo será chamado de ciência. Isso porque o Marketing começa a se despregar da área da Comunicação à medida que se torna mais interdisciplinar e interage e incorpora práticas de outras ciências.

No início, tínhamos a Era do Produto, quando o poder estava na mão do fornecedor em decorrência de uma oferta menor do que a capacidade de consumo, ou seja, o cenário não tinha como ser diferente. Se pensarmos na calça jeans em determinada geração, só havia duas alternativas: Lee e Levis. Por isso foi tão significativo quando surgiu a Santa Us Top. Quando falamos em tênis, reinaram Bamba e Conga.  Para a alegria dos meninos, surgiu o kichute. Acreditem foi assim!

Todo mundo era feliz com essas opções! Mas veio a primeira transformação nas relações de consumo: a oferta ficou maior do que a demanda.  Isto aconteceu em vários setores produtivos. Com isso, entramos na Era da Venda. Vender era o desafio e o foco era se diferenciar.

A turma da propaganda nunca ganhou tanto. O esforço de venda era o diferencial. As empresas investiam muito na tentativa de diferenciar via venda.  Propaganda, promoção e a interação casados com a estratégia de produto.

Neste período, vivemos o diferencial da qualidade e da inovação. Competição era a palavra de ordem, e até técnicas de guerra e guerrilha foram incorporadas. O setor de venda de veículos se destacam nesta disputa de mercado acirrada.

Mas este ciclo foi menor que o anterior, influenciado pela redução das distâncias e a maior disponibilidade de informações sobre tudo. Eis que despontava no cenário o fácil acesso à informação, uma certa universalização e democratização de conhecimentos, mais o fortalecimento de um novo ator: o consumidor.

Consumidor assume o poder

É neste cenário que se inicia a Era do Mercado, e estamos falando do mercado consumidor, que define tudo no mundo do mercado. Desde as tendências, preço e tudo relacionado a oferta e demanda.

Vivemos este momento, que já começa a demonstrar os primeiros indícios de uma nova era à caminho… Mas é bom perceber que a Era do Mercado teve e tem a riqueza da interação com outras áreas do conhecimento. O Marketing aprendeu com outros segmentos a partir da observação do que acontecia em seus modelos, na intensidade do fluxo e no uso de informações.

O novo ciclo ou, como alguns gostam de chamar, o novo estágio do ciclo de mercado incorporou a variável interatividade. O consumidor se mistura com fornecedor. Se os momentos anteriores do Marketing tinham a marca do ganho individual, que passou da mão do fornecedor para o consumidor, agora o novo desafio é o ganho coletivo, inclusive para a sociedade.

Não seria o Ciclo do Marketing Sustentável? Para refletir, lembramos que hoje vivemos uma coexistência pacífica de produtos e serviços e empreendimentos que praticam os três tipos de marketing aqui discorridos.

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae