CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Perguntar é uma funcionalidade apenas para usuários registrados.
Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar


CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

Artigo de decoração: Como um espaço bonito influencia na visão do cliente

Artigo de decoração: Como um espaço bonito influencia na visão do cliente

Você sabia que o comportamento de um cliente dentro de uma empresa pode ter forte influência da decoração e arquitetura do ambiente? Neste texto, você irá aprender um pouco mais sobre o poder de um espaço bonito. Confira! 

Sabemos que muitos fatores como o valor e um bom atendimento são essenciais para que o cliente se sinta à vontade. Porém, muitos não se preocupam com a decoração do local – um erro grave.

O design do local possui forte influência no comportamento do consumidor. Portanto, este deve ser um tópico primordial no momento do planejamento de uma empresa. E é preciso pensar em todos os pontos, desde o quadro que fica na recepção até a embalagem que o produto será levado. 

Como o espaço pode influenciar o cliente? 

O ambiente físico de uma empresa é muito importante para a relação com os clientes. Isso porque é essencial que o cliente tenha uma boa experiência com o local e se sinta à vontade naquele espaço físico.

A decoração precisa conversar com a identidade da empresa e também, com o perfil dos clientes. Vamos supor que você possui uma empresa de plano odontológico empresarial. 

Neste caso, o ambiente indicado é aquele com uma decoração mais formal e clean. Para trazer um pouco mais de seriedade e os empresários tenham confiança em contratar os seus serviços.

Mas, essa situação mudaria um pouco caso o público-alvo fosse outro. Imagine que o foco dessa mesma empresa fosse vender convênio dentário para crianças. A decoração também mudaria. Mesmo sendo um ambiente clean por conta da área de foco – a saúde, seria bom inserir algumas cores. 

Como funciona na prática?

Separamos alguns exemplos de decorações que são bastante utilizadas pelos donos de empresas que se preocupam com a experiência do cliente. Veja a seguir:

Fachada

A fachada de uma empresa é a primeira impressão que o cliente tem com o ambiente físico. Portanto, é preciso que ela transmita a essência do seu negócio.

Por isso que uma fachada com um design bonito e agradável esteticamente é tão importante. Locais com a fachada poluída transmitem desorganização e falta de cuidado. 

É recomendado que os elementos escolhidos façam parte da paleta de cores da identidade visual da marca. Afinal, quando você consegue definir uma padronização do seu negócio, os seus consumidores conseguem ter uma boa familiaridade. 

Identidade visual

Assim como falamos anteriormente, é essencial alinhar a decoração com a identidade visual da marca. Mas para que isso aconteça, antes de tudo, é preciso definir o Manual de Identidade Visual. 

Este manual serve para direcionar tudo o que for de visual, desde elementos físicos quanto digitais. Por exemplo, a elaboração de uma fachada, mas também, uma arte de divulgação.

Afinal, se você conseguir padronizar as cores e layouts da sua marca, os clientes rapidamente irão fazer referência com a sua empresa. Vamos usar mais um exemplo sobre a empresa de vendas de convênio odontológico. Imagine que esta empresa possui uma boa identidade visual.

Quando uma pessoa ter contato com alguma comunicação sobre convênio dentista e ver as cores e os padrões de layout da empresa em questão, automaticamente, ela irá associar à marca. 

Cores

A escolha da paleta de cores precisa ser muito bem pensada. Cada cor transmite um sentimento, segundo a psicologia das cores.

Por exemplo, a cor azul transmite tranquilidade, a vermelha coragem, entre muitas outras. Dessa forma, o indicado é escolher tons que façam sentido com o propósito da marca e também, o perfil da persona. 

Caso você escolha um tom que não converse com a cultura da sua empresa, você pode gerar conflito e até mesmo desconforto ao entrar em seu espaço físico. 

Material dos móveis

Da mesma forma que as cores, o tipo do material também tem grande papel no comportamento do cliente. Materiais mais brutos como madeira devem ser utilizados com maior cautela se a sua intenção for deixar o ambiente mais clean e leve.

Diversos locais estão apostando no vidro para trazer um aspecto mais moderno. Atualmente, é muito comum ver divisórias de vidro ao invés de concreto. 

Quadros e elementos pendurados

A decoração das paredes precisa conversar com todo o resto do ambiente. Estude qual a melhor moldura e até mesmo, a melhor pintura. 

Quadros ricos em cores e elementos, dificilmente são bem aceitos em ambientes calmos. Da mesma forma em que pinturas minimalistas não conversam com locais mais extravagantes. Tudo é uma questão de equilíbrio! 

Embalagens

Foi-se o tempo em que as embalagens só serviam como proteção do produto. Hoje, todo detalhe conta. Por isso, a decoração de sacolas, saquinhos e papéis de embrulho deve ser muito bem pensada. 

Ao pegar em uma embalagem bonita, certamente a pessoa irá reparar e registrar como pontos positivos em relação à experiência com o local. 

Considerações finais

Como podemos perceber, a decoração vai muito mais além de um quadro ou objeto colocado em uma estante. É preciso pensar e planejar com muita cautela para que a experiência do cliente não seja afetada. 

Caso você precise de ajuda, não se preocupe. Atualmente, existem profissionais especializados em decoração que fazem consultorias exclusivas para o seu negócio. 

Dessa forma, você irá ter auxílio em um plano de decoração focado na experiência e no comportamento do consumidor de acordo com cada tópico que tratamos anteriormente. 

Este conteúdo foi produzido por Mayara Santos, redatora da empresa Ideal Odonto

 

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre victoriamechenasEntrou no jogo